Conecte-se agora

CGE publica recomendação que suspende contratos com empresas acusadas de fraude em licitação

Publicado

em

A Controladoria Geral do Estado (CGE) publicou no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira, 22, uma determinação para que sejam suspensos todos os contratos ativos e proibindo novas contratações com empresas acusadas de fraude em licitação e falsidade de documento público.

A determinação segue uma recomendação do Tribunal de Contas do Estado que se baseou em uma decisão judicial do Tribunal de Justiça do Acre no processo 010011-27.2019.8.01.0000 que orienta o estado a suspender os contratos vigentes e proíbe de realizar novas contratações com as empresas Biolar Import. e Export. Ltda, M. & R. Distribuidora Ltda e Moura & Cia. Ltda.

Propaganda

Destaque 6

Jovem é ferido a golpes de terçado e faca até a morte no interior

Publicado

em

O jovem Herculano Marinho da Costa, de 22 anos, foi morto a golpes terçado na madrugada deste sábado (17). O crime ocorreu na rua Simão Leite Damasceno, no bairro da Praia, no município de Tarauacá, distante 409 km de Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, Herculano foi encontrado por populares caído em via pública. A Polícia Militar foi acionada e ao chegar no local encontraram o jovem morto com várias cortes e perfurações de terçado e faca pelo corpo.

A área foi isolada até a chegada da perícia técnica. O corpo foi removido até a sede do Instituto Médico Legal (IML).

A Polícia não conseguiu prender o autor do crime. O caso segue sob investigação da Polícia Civil do município.

Continuar lendo

Destaque 6

Vereadores de Tarauacá votam relatório de cassação contra Marilete Vitorino na terça

Publicado

em

O processo de cassação contra a prefeita Marilete Vitorino (PSD) de Tarauacá chega em um momento decisivo na próxima semana.

É que não sessão da próxima terça-feira, dia 20, o vereador Nasso Kaxinawá (PC do B) colocará em votação o relatório de denúncia que pode culminar com a cassação da prefeita do município que é o quarto maior colégio eleitoral do Acre.

Marilete é acusada de cometer crimes de responsabilidade contra a administração pública quando decretou a redução do salário dos servidores públicos, sem consultar a Câmara Municipal.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.