Conecte-se agora

Vereador é convidado para um tour em busca do “pé de maconha”

Publicado

em

O Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade Federal do Acre (Ufac) emitiu uma nota de desagravo nesta segunda-feira, 20, à Câmara dos Vereadores de Rio Branco, após o vereador N. Lima ter afirmado na tribuna da Câmara que existe um plantio de maconha nas dependências da instituição. Noutra sessão, Lima chamou os que aderiram aos protestos contra os cortes nas universidades de ‘vagabundos comunistas’.

A comunidade acadêmica classificou as afirmações do vereador como discursos raivosos e maculosos. “Um pensamento torpe de sua forma de ver o socialismo e a tentativa constante de confundir nosso progresso universitário constitucionalmente embasado, aos preconceitos e defesas cegas de seus correligionários”.

A nota ressalta que a atitude do parlamentar em dizer que “andam fazendo porcarias dentro das universidades” nem o mais antiquado Coronel de seringais acreanos teria um pensamento tão empobrecido, e fez uma convite: “convidamos Vossa Excelência para conhecer a pé a nosso campus universitário, fazer uma fiscalização na procura do “pé de maconha”, a qual, em seu mundo profano, acusou”.

Os acadêmicos ainda sugeriram por meio da nota que o vereador dedique mais atenção aos problemas dos bairros de Rio Branco, do que a ofensas descomedidas a classe estudantil. As declarações de N. Lima partiram das manifestações que ocorreram devido ao contingenciamento de vergas que seriam repassadas a instituições federais.

“A realidade das Universidades e Faculdades de Rio Branco não é uma “baixaria”, como seus pensamentos”. O DCE também solicitou à mesa Diretora da Câmara de Rio Branco uma melhor regulação do debate produtivo, a fim de ponderar os discursos como o proferido pelo vereador N.Lima.

Propaganda

Acre

Populares assistem troca da bandeira do Acre sob chuva fraca

Publicado

em

Nem mesmo o princípio de chuva atrapalhou a programação elaborada pelo governo do Acre para celebrar os 57 anos de elevação do território a Estado do Acre. Os populares presentes na Gameleira, às margens do Rio Acre, acompanhado de guarda-chuvas assistiram nesta tarde a troca da bandeira.

A emancipação política do Estado do Acre reuniu dezenas de pessoas no centro da capital.

Seu Francisco Emanuel fez questão de assistir de perto o desfile-cívico. Para ele, o mau tempo não atrapalha o evento. “Mesmo com a chuva podemos ver que as pessoas continuam aqui. É um ato de respeito ao nosso Acre”, diz o aposentado.

Continuar lendo

Acre

Internos do ISE cantam em homenagem aos 57 anos do Acre

Publicado

em

Cerca de 30 menores reeducandos do Instituto Socioeducativo do Acre (ISE) se apresentam na comemoração dos 57 anos de elevação do território acreano a Estado. Eles cantaram os hinos do Estado e do município de Cruzeiro do Sul na tarde deste sábado, 15, às margens do Rio Acre.

Está é a primeira vez que internos do ISE participam da programação de aniversário do Acre.

Para o diretor do ISE no Acre, essa é uma maneira de reconhecer o trabalho que vem sendo realizados com os jovens. “Essa é uma data
que tem uma simbologia muito importante e a participação dos reeducando mostra que estamos colhendo frutos com relação a inserção desses jovens na sociedade”, diz Rogério Silva.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.