Conecte-se agora

Pacientes e médico discutem na ortopedia do Pronto Socorro

Publicado

em

 

O setor de ortopedia do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) e das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) continua em estado precário mesmo após a nova gestão do governo Gladson Cameli assumir o Estado. Pacientes denunciaram na noite desta quarta-feira (15), ao ac24horas que está faltando as películas de impressão do “raio-x” e que tem apenas um médico para atender as pessoas que chegam com as lesões e as operações de urgência.

Pacientes chegaram a discutir com o Médico Ortopedista Francislei L. Freitas pela demora no atendimento e falta de disposição de se deslocar de sua sala até a sala de raio-x, para analisar o vídeo, já que no hospital está em falta as películas de impressão.

“O médico nos informou que não tem obrigação de ficar saindo de sua sala até o raio-x e o Conselho de Medicina o resguarda. Se ele não quer trabalhar que retire esse médico e coloque outro pra trabalhar, nós pagamos ele, é obrigação dele de nos atender”, disse o paciente Antônio José.

Antônio disse ainda que após a discussão o médico sumiu da sala, deixou os pacientes esperando e só voltou depois de uma hora. “Todos os pacientes já estão irritados, já íamos invadir a sala da direção em cima de nossas macas para cobrar as devidas providência, o médico saiu sem dar nenhuma explicação e só voltou depois de uma hora”.

A reportagem entrou em contato com Diretor Welber Lima, e foi informado que a Secretaria de saúde já está ciente do problema e que está tentando resolver. “O problema é o seguinte o filme foi licitado, só que essas licitações do estado infelizmente nenhuma está sendo passado pra frente. E aí os ortopedistas tem a má vontade de descer lá no raio-x, pra ver o filme. Já falei com Secretário Alysson Bestene para montar um sistema aonde o profissional bate o raio-x e a imagem sai lá no computador do médico, e isso com urgência porque senão vai ter o maior quebra pau e os pacientes vão derrubar é tudo”, disse.

Welber afirmou ainda que o problema de todas a discussões do pronto socorro está nos profissionais da saúde e na gestão. “Quarenta por cento dos meus problemas aqui no pronto socorro é médico, quarenta por cento é enfermeiro e vinte por cento o resto, infelizmente a minha classe é quem me dar mais dor de cabeça”, concluiu o diretor.

Na manhã desta quinta-feira (16), a reportagem do ac24horas se deslocou até as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs, Franco Silva e 2° Distrito) e os profissionais que trabalham no setor de raio-x confirmaram a falta das películas para impressão.

“Está faltando sim, já faz alguns dias, já houve várias discussões aqui, se o médico não tiver a boa vontade de vir ver o vídeo as coisas não vão pra frente”, concluiu o técnico.

Propaganda

Acre

Novo Centro Administrativo do Estado: “obra de R$ 370 milhões”

Publicado

em

O governador Gladson Cameli apresentou no começou da noite desta sexta-feira (23) a maquete do Centro Administrativo do Estado que ele reconhece ter sido elaborada “em gestões passadas”, mas que irá construir e entregar “ainda nesta gestão”.

Segundo ele, o Centro Administrativo do Governo do Estado reunirá todas as secretarias e autarquias em um só lugar, economizando em diversas áreas como transporte e aluguéis. É uma obra orçada em mais de R$300 milhões.

“Após algumas mudanças no projeto de um prédio sustentável, adequando para que seja adequado para a estrutura pública por pelo menos mais 20 anos, queremos iniciar as obras em 2020”, diz. Alguns se manifestaram contra: “Pra quê? Pra prejudicar o movimento de centenas de comércios que dependem do movimento das secretarias espalhadas pela cidade em detrimento de um projeto de valorização imobiliária (beneficiando aqueles que possuem propriedade próximo a Via Verde)? Observem o tiro no pé que foi levar a Cidade da Justiça e não cometa o mesmo erro da gestão passada”, criticou João Victor Liberato. Outros gostaram da ideia: “Vai ficar lindo”, disse Sebastião Conceição. É possível que o edifício seja construído no Portal da Amazônia.

Continuar lendo

Acre

Prédio da Segurança irá funcionar no Museu dos Povos Acreanos

Publicado

em

FOTO: G1/AC - INTERNET

Durante o café da manhã de confraternização com os servidores da Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (SEJUSP), o governador Gladson Cameli informou que a pasta irá sair do Palácio das Secretarias e irá funcionará em uma parte do futuro Museu dos Povos Acreanos, no Centro de Rio Branco.

“Este local já não atende mais a demanda da Segurança Pública e diante da importância que esta secretaria representa para o nosso governo e visando melhorar as condições de trabalho dos servidores, estou abrindo mão do meu gabinete que seria levado para o museu e cedendo aquele espaço para melhor atender a nossa Segurança Pública”, explicou Cameli.

Para o secretário Paulo Cézar Rocha dos Santos, a futura sede da SEJUSP erá “um espaço extremamente qualificado, principalmente na esfera das áreas tecnológicas e operacionais que poderão ofertar uma melhor resposta À sociedade”, pontuou.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.