Conecte-se agora

Deputados declaram apoio ao movimento estudantil na Ufac desta quarta-feira (15)

Publicado

em

Por unanimidade, os deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), aprovaram na tarde desta terça-feira, 14, uma moção em apoio a paralisação estudantil que vai ocorrer nesta quarta-feira, dia 15, no Acre e demais estados brasileiros. O movimento é composto, principalmente, de estudantes de universidades públicas, mas também vai contar com a participação de servidores e alunos da educação básica.

Na ocasião, o presidente do Diretório Central dos Estudantes da Universidade Federal do Acre (Ufac) apresentou a planilha de orçamento da instituição para esmiuçar o impacto, em números, que a universidade irá sofrer com a possibilidade do contingenciamento de gastos, imposto pelo governo federal através do Ministério da Educação (MEC).

“Somando os prejuízos da universidade, entre o orçamento do ano passado e desse ano com o contingenciamento de 30%, a Ufac terá um déficit de 42% no total”, destaca Richard Brilhante, do DCE.

Segundo Brilhante, o bloqueio das verbas orçamentárias irá prejudicar o funcionamento da universidade. “Se relaciona diretamente com a energia, água, segurança, alimentação e pagamento de funcionários terceirizados”.

Na semana passada, o deputado Edvaldo Magalhães (PC do B) já havia encaminhado a moção em apoio a classe estudantil e ao movimento da universidade. Todos os deputados aprovaram o apoio contra os cortes orçamentários às instituições de ensino.

“É importante o reconhecimento de órgãos que apoiam a luta da universidade”, disse o presidente do DCE.

Na Aleac, os estudantes apresentaram um pedido para que os parlamentares possam intermediar junto aos deputados federais e, também, senadores, a defesa de da Ufac, em Brasília.

Propaganda

Cotidiano

Monitorado por tornozeleira eletrônica é preso com submetralhadora de origem israelense

Publicado

em

O detento monitorado por tornozeleira eletrônica Jeremias Cabral da Silva, de 22 anos, foi preso na noite desta sexta-feira, 23, na rua Paraguai, bairro Baixada da Habitasa, em Rio Branco.

A ação ocorreu após policiais terem recebido uma denúncia anônima de que um homem estava com uma arma de fogo.

Com a ajuda do IAPEN para chegar ao local, os policiais teriam encontrado Jeremias na rua em frente de sua casa. A PM então pediu autorização para realizar uma busca na casa e ao fazer uma procura no quintal, os policiais teriam encontrado a submetralhadora UZI de fabricação israelense, calibre nove milímetros, com 33 munições e silenciador.

O suspeito foi preso e levado para a Delegacia de flagrantes e deverá responder por mais um crime.

Continuar lendo

Cotidiano

Casal é preso em flagrante suspeito de cometer seis assaltos seguidos na Capital

Publicado

em

Marilene Martins de 19 anos e Ruslan Mesquita de 20 anos, foram presos pela PM na noite desta sexta-feira, 23, por cometerem assaltos em Rio Branco. Segundo os policiais, o casal foi apreendido com um revólver calibre 32 municiado, telefones celulares e uma moto roubada.

O casal é suspeito de ter feito um arrastão no bairro do Bosque e no Centro da cidade.

Os policiais foram acionados pelo CIOSP para atender a ocorrência de vários assaltos e saíram a procura dos acusados. Eles foram localizados já no bairro 6 de Agosto, onde foram presos pela polícia.

A dupla foi levada para a Delegacia de Flagrantes para os devidos procedimentos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.