fbpx
Conecte-se agora

Ranking da indústria põe o Acre como menos dinâmico da economia brasileira

Publicado

em

O primeiro Índice FIEC de Inovação dos Estados traz o Acre como o Estado menos inovador do Brasil. Além de ser o último no ranking geral, o Acre amarga a 24ª posição no Índice de Capacidades e a 27ª posição no Índice de Resultados, consolidando o já antigo status de Estado menos dinâmico da economia brasileira.

O Indíce FIEC de Inovação dos Estados está sendo construído pela Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), vinculada à Confederação Nacional das Indústrias (CNI). O Índice FIEC de Inovação dos Estados é dividido em duas áreas, Capacidades e Resultados, as quais avaliam tanto o ecossistema de inovação quanto a inovação em si. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (13).

O conjunto de indicadores que formam o Índice representam os aspectos e as capacidades essenciais para o desenvolvimento dos estados brasileiros, de modo que esses, quando postos em conjunto, constroem a base para o crescimento da competitividade e produtividade estadual.

Muito ao contrário do Acre, São Paulo é o primeiro do ranking, líder em Investimento Público em Ciência e Tecnologia e Competitividade Global em Setores Tecnológicos. Mais ainda, SP está entre os quatro primeiros colocados em todos os indicadores analisados.

Os dados são públicos e o espaço para manifestações acerca de seu conteúdo estão aqui assegurados.

Propaganda

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas