Conecte-se agora

Salvando vidas: o emocionante trabalho de inclusão feito pela APAE com crianças especiais

Publicado

em

O trabalho de inclusão feito pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) é reconhecido em todo país e no Acre não seria diferente. O videomaker Kennedy Santos mostra o resultado desse trabalho que está proporcionando que ex-alunos conquistem o mercado de trabalho e demonstrem que é possível incluir ´pessoas especiais ganhem cada vez mais espaço.

Mães que têm seus filhos atendidos pela instituição e que comprovam a dedicação, paciência e os avanços alcançados graças a um trabalho com especialistas como fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas. Tudo, de graça, sem custo algum para as famílias.

Já são 38 anos de serviços prestados com qualidade à uma população que precisa de atendimento especializado e que dificilmente teria acesso se não fosse a APAE.

Confira um pouco da história de uma das entidades mais respeitadas do Acre no vídeo abaixo.

Propaganda

Destaque 7

Calegário: “tem mais vaga de emprego na Casa Civil do que no Sine”

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE

Após a aprovação da reforma administrativa do governo Gladson Cameli que criou mais de 450 cargos comissionados e 54 diretorias e chefias de departamento , totalizando mais de 500 cargos, o deputado Fagner Calegário (sem partido), usou a tribuna da Assembleia Legislativa para afirmar que ainda estaria de “ressaca” com os últimos acontecimentos.

“Tem mais vaga de emprego na casa civil do que no Sine. Eu quero pedir que a população mande currículo para a Casa Civil, mas tem que ser para ocupação técnica, não pode ser indicação política. Aprovaram a lei afirmando que era para ocupação de técnicos”, ironizou o parlamentar.

Calegário ainda cobrou um posicionamento do governo em relação as empresas que ainda não receberam valores devidos pela gestão passada. “Existe dinheiro para pagar comissionados, para criar mais cargos, mas não tem recurso para pagar por serviços executados”, enfatizou.

Continuar lendo

Destaque 6

Acre registra queda no abastecimento de água

Publicado

em

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira, 22, mostra que enquanto o fornecimento de água aumentou na maior parte do país, o Acre apresenta uma realizada bem diferente. Os dados são referentes ao ano de 2018 e constatam que o estado registrou redução no fornecimento regular diário de água encanada aos domicílios.

Com relação a frequência no fornecimento de água atualmente, apenas 39,7% dos acreanos aparecem com abastecimento de água diariamente. Do total populacional, 24,6% é abastecido de 4 a 6 vezes por semana e 35,7% recebe abastecimento de 1 a 3 vezes por semana.

Melhoria nesse serviço foi observada em 19 das 27 Unidades da Federação, incluindo o Distrito Federal, mas no Acre, Pará, Amapá, Sergipe, Espírito Santo e Paraná foram identificadas quedas na quantidade de abastecimento.

Conforme os dados, o aumento mais expressivo foi registrado no Distrito Federal, onde 64,4% dos domicílios recebiam água diariamente através da rede. O pior estado no índice de abastecimento de água é o Amapá, segundo a pesquisa.

A pesquisadora ainda destacou que Pernambuco é o estado brasileiro com o menor percentual de domicílios com abastecimento frequente de água, onde apenas 38,6% dos domicílios o têm diariamente, percentual próximo ao do Acre, que ficou em 39,7%.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.