Conecte-se agora

Agentes penitenciários protestam em frente a Aleac contra Gladson

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE

Dezenas de agentes penitenciários estão se manifestando na manhã desta terça-feira,7, na entrada da Sede da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). Eles se posicionam contra o concurso provisório que o Estado tem a intenção de realizar.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado do Acre (SINDAP-AC), Eden Azevedo, afirmou que o governador Gladson Cameli teria prometido durante a campanha das eleições de 2018 que faria concurso efetivo para a classe.

“O senhor governador prometeu durante a campanha concurso efetivo para a classe e fora isso, queremos os pagamentos das gratificações  e nosso plano anual de valorização , além de uma melhor condição de trabalho. Hoje o sistema penitenciário se encontra caótico, precário, ruas esburacadas, esgoto ao céu aberto. Queremos um diálogo”, diz o sindicalista, informando ainda que a cerca de dois meses entregou uma carta aberta ao governador e seus representantes, mas não obteve nenhuma resposta. “Eles prometeram nos chamar e até agora nada”, frisou.

FOTO: SÉRGIO VALE

Sobre o fato de agentes penitenciários estarem sendo ameaçados por membros de facções, Eden afirmou que o governo não tem dado nenhum tipo de apoio. “O único apoio que temos é um agentes defendendo o outro. O que temos é um agentes fazendo a segurança dos outros e o governo nem sequer afasta o servidor ameaçado e nem dá o direito de portar arma”, explica. Azevedo enfatiza que o Sindicato pediu ao Instituto de Administração Penitenciária que os agentes ameaçados recentemente em Sena Madureira fossem afastados do trabalho temporariamente, mas o pleito não foi atendido.

Além da manifestação na Aleac, os agentes prometem ir até o gabinete do governador na busca de serem recebidos por algum representante.

 

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas