Conecte-se agora

“PC vai se subordinar a Secretaria de Segurança, isso ocorre no Brasil inteiro”, diz Rocha

Publicado

em

Em entrevista concedida ao programa de rádio ‘Fale com o Governador’ na manhã deste sábado, 4, hoje com a participação do vice-governador Major Rocha, foi comentada a polêmica que envolve a extinção da Secretaria de Polícia Civil e sua subordinação a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública. Rocha assegura que dentro da Polícia Civil “há uma ‘guerra’ interna que tem gerado alguns transtornos para a instituição”.

Ainda assim, o vice-governador garantiu que a reforma proposta pelo governador Gladson Cameli não tira a autonomia da Polícia Civil. “Tentou se vender a ideia de que o governo iria acabar com a Polícia Civil, o que não é verdade”. Segundo ele, o que de fato existe é a junção do órgão, que trabalha de forma independente, aos trabalhos da secretaria de segurança pública.

Para o vice, a ‘guerra’ interna da Polícia Civil só prejudica a atuação do órgão no combate a criminalidade. “Já chegamos ao ponto de, numa reunião com desembargadores da Justiça Criminal serem apontados baixos índices no que diz respeito à investigação e elucidação de crimes. Precisamos acabar com isso e focar as instituições no combate a criminalidade”, destaca.

Mesmo assim, o Major observou que a direção da Polícia Civil continuará com orçamento próprio e continua a atuar como ordenadora de despesa. “A Polícia Civil vai se subordinar ao secretário de segurança, isso acontece em todos os estados brasileiros, menos no Rio de Janeiro”.

Durante reunião esta semana entre o governador com delegados de polícia e agentes, Cameli afirmou: “não vamos acabar, mas fortalecer a Polícia Civil com autonomia financeira e administrativa, mas inserida na nova de linha de planejamento da segurança pública”.

O Guardião

Já com relação ao uso do Guardião – software de alta tecnologia que grampeia centenas de linhas simultaneamente, o vice-governador afirmou que o equipamento sempre gerou muita polêmica, principalmente devido a denúncias de que seria utilizado para fins de perseguições políticas. Agora, a ideia é que o equipamento seja gerido por meio de um conselho formado por membros do Ministério Público, Justiça Federal, Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria de Segurança e Iapen.

“A intenção é tirar das mãos de uma só pessoa e passar para a responsabilidade de um conselho estadual de segurança, que vai dar mais tranquilidade e transparecia nas fiscalizações e aplicação desse equipamento”.

Para o vice, o equipamento é de suma importância na aplicação de estratégias para o combate de organizações criminosas, e não para outros fins.

Propaganda

Acre 01

Integrante de facção mata rival com 8 facadas e comemora morte lambendo a faca com sangue

Publicado

em

Por

André Wiryson Lima da Silva jovem, de 21 anos, foi curtir um forró com a namorada, de 16 anos, na noite desta sexta-feira (23), no bairro Três Botequins, em Brasiléia, quando foi surpreendido por três indivíduos de uma facção rival, que iniciaram um cerco contra ele.

André tentou se evadir do local com a namorada, mas foi atacado pela costas por Alex da Silva Oliveira (19), conhecido como ‘Popó’. A vítima foi ferida na altura do peito.

Mesmo ferido ainda tentou correr pela Avenida, mas outros dois comparsas: Eberson Silva Almeida (26), vulgo ‘Katanga’, que estava em liberdade a 12 dias do FOC, e um menor de 17 anos, tentaram segurar a vítima para que fosse golpeado mais vezes.

André ainda caminhou sangrando por cerca de 150 metros até receber mais cinco estocadas nas costas e duas no pescoço. Com a gravidade dos ferimentos, não resistiu e morreu no local.

Segundo relato da namorada, que assistiu tudo, Alex teria ‘lambido’ a faca manchada de sangue ao falar: “matei um alemão”.

Policiais Militares foram acionados e conseguiram chegar no local antes da fuga dos acusados.

Alex foi preso e Eberson ‘Katanga’, tentou negar sua participação, mas por ser velho conhecido da Justiça, foi reconduzido e o menor será encaminhado ao MP e judiciário para medidas cabíveis.

O trio foi conduzido para a delegacia, onde foi lavrado o flagrante de homicídio. O corpo foi conduzido ao IML de Rio Branco para exames e depois liberado aos parentes.

Com informações do Alto Acre

Continuar lendo

Acre 01

Gladson toma o tradicional banho de mangueira junto com PM’s e Bombeiros promovidos

Publicado

em

Na noite desta sexta-feira (23), o Governador Gladson Cameli, participou da cerimônia de Promoções dos Praças e Oficiais do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar. Após o rito cerimonial, Gladson adotou sua melhor versão: descontraído e brincalhão. Ele soltou os microfones e, literalmente, segurou a mangueira.

Segurando firme, Gladson Cameli fez jorrar água aos promovidos. Em seguida, o governador decidiu soltar a mangueira e se juntar aos oficiais para participar do tradicional banho de mangueira dedicado aos promovidos.

Em sua rede social, Gladson parabenizou as corporações, falou de compromisso e gratidão. “É com grande satisfação que digo que nosso governo é amigo das forças de segurança. Vamos nos dedicar até o último dia de nossa gestão para que nossos heróis possam usufruir de todas as condições necessárias para um trabalho de excelência. Espero que estas promoções possam renovar a chama do compromisso com a ordem pública e com a vontade de fazer o melhor em prol da sociedade acreana. Parabéns, valorosos combatentes!”

Assista ao vídeo da comemoração em que Gladson também curte o banho de mangueira:

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.