fbpx
Conecte-se agora

Gasolina de Guajará no AM é mais barata que a de Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Em Cruzeiro do Sul, com o último aumento, o litro da gasolina, passou a custar R$ 5,58 na maioria dos postos de combustíveis. Já na cidade amazonense do Guajará, que fica apenas 20 quilômetros de Cruzeiro do Sul, o litro da gasolina, nesta sexta-feira, variava entre R$5,19 e R$ 5,20.

Depois da abertura definitiva da BR-364 e o fim do uso exclusivo das balsas para o transporte do combustível, os empresários cruzeirenses agora alegam outros motivos para os altos preços do combustível, além das “dificuldades de logística” sempre lembradas.

O empresário Raimundo Bananeira, dono de um posto local, diz que vinha segurando os preços até que o acumulado chegou a 34 centavos e aí teve que repassar o aumento. Fala em preços abusivos da distribuidora nacional. Quanto ao preço do combustível de Cruzeiro comparado ao de Guajará, bananeira cita “que tudo que se compra no Amazonas não tem ICMS embutido e aqui no Acre se paga o maior ICMS do país”.

Mas o empresário Getúlio do Vale, que vende o litro de gasolina a R$ 5,20 na cidade amazonense do Guajará compra o combustível na Petrobrás de Cruzeiro do Sul. Ele afirma que segura esse preço com uma margem de lucro mínima. “O certo seria vender com o mesmo preço de Cruzeiro, mas vou segurar mais um pouco esse valor menor mesmo sem lucros. Muita gente de Cruzeiro e cidades vizinhas vem aqui no final de semana e abastece e enche o tanque por causa da diferença de preços. Então é melhor vender assim do que fechar o posto”, pondera ele.

Já o presidente da Associação Comercial de Cruzeiro do Sul, Assem Cameli, negou que a diferença na alíquota do ICMS acreano, em comparação ao do Amazonas, seja a causa dos altos preços da gasolina vendida em Cruzeiro do Sul. “É a mesma alíquota. Esse empresário do Guajará simplesmente optou por uma margem de lucros menor”, ressaltou, sem entrar em maiores detalhes sobre o custo da logística do transporte do combustível.

Propaganda

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas