Conecte-se agora

_profissionais priorizam mais o crescimento comparado a outros requisitos em uma vaga de emprego

Isso foi observado em diversas pesquisas como a do Linkedin

Publicado

em

As vagas de emprego passaram por mudanças nos últimos anos. Isso foi observado em diversas pesquisas como a do Linkedin. Na análise, a geração baby boomers (formada por pessoas nascidas entre os anos de 1945 a 1960) está adiando a aposentadoria enquanto a geração Z (nascidos entre 1992 a 2010) vem ganhando experiência com seus primeiros empregos. Mas os millennials ou geração Y (aqueles que nasceram no fim dos anos 70 e início dos 90) são os que causaram mais impacto ao configurar as prioridades ao procurar por um emprego.

Esses são só alguns pontos observados sobre o atual trabalhador que continua a lutar pela conquista de seus direitos – representados pela data 1º maio – Dia do Trabalhador – e querem mais chances de crescimento na carreira. De acordo com a maior rede social de empregos do mundo, a geração milênio está redefinindo as metas ao priorizar quesitos ofertados por uma empresa como aprender novas habilidades (50%), flexibilidade (41%) em relação a salários (34%). Mas, com maior adesão, os profissionais querem ter um trabalho do qual tenham orgulho de falar (64%).

Amanda Souza, profissional da área de comunicação, tem a dupla felicidade de ter sido contratada há pouco tempo por uma empresa para uma vaga que lhe proporciona oportunidade de crescimento. “O que me chamou atenção na descrição da vaga foi a oportunidade de ganhar mais conhecimentos com marketing digital”, conta a recém-contratada que ainda completa sobre a possibilidade de estar atualizada na área. “Dentro de uma empresa, você acompanha cada passo das novidades do setor, como ficar por dentro das últimas tendências por meio de treinamentos que a própria empresa oferece. É também uma ótima chance de conhecer outros profissionais e aprender com eles”, emenda.

Cerca de Três setores tiveram resultados positivos, conforme os últimos dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia. São eles: serviços (4.572), administração pública (1.575) e extrativa mineral (528). E os estados que se destacaram foram Minas Gerais (5.163), Goiás (2.712), Bahia (2.569), Rio Grande do Sul (2.439), Mato Grosso do Sul (526), Amazonas (157), Roraima (76) e Amapá (48).

Agência Educa Mais Brasil

Anúncios

Destaque 4

Alan Rick visita secretário Mauro Sérgio e reforça compromisso com a Educação no Acre

Publicado

em

O deputado federal Alan Rick (DEM) visitou na manhã de quinta-feira, 24, o secretário de Estado de Educação, Cultura e Esportes, Mauro Sérgio. Na pauta, as melhorias no sistema de educação do Estado proporcionadas através das emendas destinadas pelo parlamentar ao longo dos seis anos de mandato.

No total, o deputado já destinou para a pasta mais de R$ 59 milhões em emendas individuais e recursos extras. Somente no último ano foram mais de R$ 7 milhões. Os recursos foram direcionados para obras de construção, reforma e ampliação de escolas e creches na capital e em cidades do interior, além da aquisição de ônibus escolares.

“Essa parceria com o secretario Mauro Sérgio tem rendido bons frutos para o nosso Estado. Somente do ano passado para cá já viabilizamos R$ 7 milhões em emendas para a Secretaria de Educação e que já estão sendo executadas. Aquisição de ônibus, reforma de escolas, construção de quadras, aquisição de equipamentos, enfim, juntos estamos trabalhando para fortalecer a Educação no Acre e mantê-la no caminho certo”, disse o deputado.

Na próxima segunda-feira, 28, o deputado estará em cruzeiro do Sul, juntamente com o secretário Mauro Sérgio, para fazer a entrega de novos ônibus para as escolas rurais. “A aquisição desses ônibus irá contribuir de forma efetiva no transporte de alunos que estudam em áreas de difícil acesso, melhorando, consequentemente, o rendimento escolar e qualidade de vida de nossos estudantes”, finalizou.

Continuar lendo

Acre

Jamyl Asfury é o primeiro a homologar candidatura no TRE

Publicado

em

O policial federal e ex-deputado Jamyl Asfury (PSC) foi o primeiro entre os concorrentes à prefeitura de Rio Branco nas eleições municipais 2020 a homologar sua candidatura junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Acre TRE-AC na manhã desta quinta-feira (24).

Asfury é assessorado pelo escritório Nora Organização Contábil, que deu entrada no processo nesta quarta-feira, 23. O partido alega que o cuidado com a documentação e a agilidade da Justiça proporcionou ao candidato conhecer através o Sistema de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais (Cand), bem como o número do CNPJ que vai usar durante a campanha deste ano.

O Cand é o sistema que presta informações importantes os candidatos que estão registrados, assim como seus gastos. Já consta no sistema também o CNPJ da vice de Jamyl Asfury, Vanda de Paula.

O escritório está cuidando também do registro das candidaturas aos cargos proporcionais pelo PSC. “Estou muito feliz porque Deus tem nos proporcionado muitas bênçãos já nesse processo eleitoral e temos a fé de que Ele ainda tem muito mais para nós. Estamos documentados e agora vou continuar aquilo que venho fazendo desde 2018, visitando os bairros ouvindo as comunidades e fazendo novos amigos. Deus nos deu uma missão, farei a minha parte” disse Jamyl Asfury.

Continuar lendo

Acre 01

Marcio Bittar envia mais R$ 45 milhões para recuperar e duplicar estradas no Acre

Publicado

em

O senador Márcio Bittar (MDB) anunciou nesta quinta-feira, 24, que irá enviar mais R$ 45 milhões ao Estado do Acre para que o governador Gladson Cameli possa realizar obras que vão beneficiar as cidades de Cruzeiro do Sul e Porto Acre. Cameli algumas contribuições para obras importantes ao Estado. O recurso deverá ser utilizado para duplicar a rodovia que liga o Centro de Cruzeiro do Sul ao aeroporto e na duplicação da rodovia que liga a capital acreana a Porto Acre.

“Desta vez, com apoio do presidente Jair Bolsonaro, estaremos amanhã (25) na presença dos ministros Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Ernesto Araújo (Relações Exteriores), anunciando e confirmando que conseguimos mais R$ 45 milhões”, explica Bittar. Segundo o senador, do total, R$ 15 milhões serão destinados para ajudar o Estado a fazer a duplicação da rodovia que liga a região central de Cruzeiro do Sul ao aeroporto e R$ 30 milhões para contribuir com o governador na recuperação da estrada estadual que liga Rio Branco a Porto Acre.

“Esta é uma ajuda importante num momento tão difícil quando esse. Uma ajuda boa e positiva. Quero agradecer mais uma vez ao presidente Jair Bolsonaro e ao governador Gladson Cameli que me fez essa demanda”, disse o parlamentar.

O ministro do Desenvolvimento, que estará em Cruzeiro do Sul nesta sexta-feira, falou sobre as duas obras importantes que serão realizadas com o auxílio de Bittar.

“O senador tem feito um extraordinário trabalho a favor do Brasil, com um olhar todo especial para o Estado do Acre. São demandas históricas dessa região que estão sendo viabilizadas graças à determinação e trabalho de Márcio Bittar e à sensibilidade do presidente Bolsonaro”, conclui Marinho.

Continuar lendo

Acre

Acre é o Estado que mais solicitou seguro-desemprego via web

Publicado

em

Caiu de 629 para 441 o número de solicitações de seguro-desemprego no Acre na primeira quinzena de setembro, em comparação à quinzena anterior, em agosto. A redução é de quase 30%. O Acre foi a localidade com maior percentual de requisições via web, 96,4% do total. Em contrapartida, Mato Grosso do Sul teve apenas 34,5% das solicitações on-line.

As superintendências regionais do Trabalho reforçaram as ações para garantir o atendimento não presencial aos cidadãos durante o período da pandemia da covid-19. Estão disponíveis canais adicionais de atendimento remoto.

Em nível de Brasil, nos primeiros 15 dias de setembro, a modalidade trabalhador formal registrou 218.679 requerimentos ao seguro-desemprego em todo o país. O número representa uma queda de 11,6% na comparação com a última quinzena de agosto, quando houve 247.445 requerimentos. Houve, portanto, neste comparativo, uma diferença de 28.766 requerimentos. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (24) pelo Ministério da Economia.

As três unidades da federação com maior número de requerimentos foram São Paulo (65.358), Minas Gerais (24.129) e Rio de Janeiro (17.420). As que tiverem menor número de solicitações foram Roraima (348), Acre e Amapá (476).

No acumulado de janeiro até 15 de setembro, foram contabilizados 5.203.736 pedidos de seguro-desemprego. O número representa um aumento de 6,7% em comparação com o acumulado no mesmo período de 2019 (4.876.556).

Do total de requerimentos em 2020, 55,9% (2.909.114) foram realizados pela internet. No mesmo período de 2019, apenas 1,6% dos pedidos (80.325) foram on-line. Do total de pedidos feitos na primeira quinzena do mês, 137.530 (62,9%) foram realizados via web, seja por meio do portal gov.br ou pela Carteira de Trabalho Digital.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas