Conecte-se agora

Criminosos são presos com arma de fogo após realizarem assalto no Belo Jardim

Publicado

em

Policiais Militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do Grupamento de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam) prenderam na noite desta terça-feira (16) Pedro Lago Borges, de 26 anos e apreendeu um adolescente de 16 anos. Eles são acusados de porte ilegal de arma de fogo e roubo. A prisão aconteceu na rua da Paz, no Bairro Belo Jardim II em Rio Branco.

Segundo informações da polícia repassadas a reportagem do site ac24horas, em patrulhamento de rotina pela região, a guarnição avistou a dupla em atitude suspeita em uma motocicleta. A dupla ao perceber a aproximação dos policiais ainda tentou fugir, mas foi abordada. Foi feita uma revista pessoal e os policiais encontraram um revólver calibre 22 e o celular de uma vítima que havia sido roubada minutos antes pelos criminosos.

Diante dos fatos foi dada voz de prisão, Pedro e do adolescente foram encaminhados a Delegacia Especializada de Proteção à criança e ao Adolescente (Depca) para os devidos procedimentos. Durante uma consulta no sistema policial foi constatado que a moto usada pelos assaltantes estava com restrição de roubo.

Na delegacia a vítima reconheceu os criminosos.

Propaganda

Cotidiano

Em Sena Madureira, ponte é alvo de incêndio criminoso durante a madrugada

Publicado

em

Na estrada de Xiburema, em Sena Madureira, que fica à 143,7 km da Capital Rio Branco, uma ponte que cruza o Igarapé Salpico foi alvo de um incêndio na madrugada do sábado.Ao que tudo indica, o incêndio tem característica de vandalismo.

Moradores acreditam se tratar de um ato criminoso, com o intuito de causar transtornos à comunidade.

Os moradores vinham reivindicando do poder público uma reforma completa da ponte que cruza o igarapé, pois a mesma já se encontrava em situação precária antes do incêndio.

A comunidade espera que os gestores tomem uma providência o mais rápido possível.

Continuar lendo

Cotidiano

“Estamos bebendo água de torneira”, diz servidor do Hospital de Saúde Mental do Acre

Publicado

em

Está marcada para a manhã desta segunda-feira, 19, uma manifestação de representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Acre (Sintesac) e servidores do Hospital de Saúde Mental do Acre (Hosmac) cobrando melhores condições de trabalho no local.

A pauta de reclamações é extensa e mostra a falta de cuidado com a unidade de saúde ao longo dos últimos anos.

As reivindicações vão da permanência do geral geral da unidade, Marcos Araripe, a reconstrução do muro do hospital, mais profissionais em todos os setores e um carro, já que o Hosmac não possui nenhum veículo para atendes suas demandas.

Entre toda as reclamações, duas são ainda mais graves, como fala um servidor do Hosmac que prefere não ser identificado. “Existem medicamentos, como o carbonato de lítio, usado como um estabilizador do humor no tratamento psiquiátrico. Uma outra coisa é a falta de água. Não pagaram o fornecedor, obrigando, nós, funcionários e pacientes a beber água da torneira”, afirma.

A paralisação de advertência está prevista para iniciar às 7 horas da manhã.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.