Conecte-se agora

Manobra da base governista impede instalação de CPI

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE

A base do governo Gladson Cameli fez de tudo para brecar a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que iria investigar a Energisa.

E conseguiu. Por falta de quórum regimental, a CPI não foi instaurada durante sessão nesta terça-feira, 16.

Desde o início da sessão, ficou evidente que os deputados de sustentação ao governo iriam tentar algum tipo de manobra, já que vários não apareceram no plenário.

A estratégia deu certo. Após o deputado Tchê (PDT) solicitar que seu nome fosse retirado da relação de deputados a favor da CPI alegando ter assinado o pedido de instalação no corredor da Aleac, o número de parlamentares presentes foi insuficiente para a leitura do requerimento, que é condição necessária para a instalação da CPI.

E foi exatamente a falta de um parlamentar que impediu a leitura. No plenário, estavam doze deputados, número insuficiente, já que é necessário, segundo o regimento da casa, a presença de 13 parlamentares.

FOTO: SÉRGIO VALE

Mesmo estando na casa, Tchê não compareceu ao plenário, justamente para que o quórum mínimo fosse alcançado.

A atitude desagradou as lideranças comunitárias que compareceram a Aleac e pressionaram os deputados pela instalação da CPI. “Nós estivemos aqui em uma mobilização para que pudéssemos acompanhar essa sessão. Esperamos até esse horário e vem a informação de que por causa do deputado Tchê, que retirou seu nome e depois se isolou em uma sala, não tem CPI por falta de quórum. Isso cria indignação. Os nossos representantes deveriam atender os interesses da população. O deputado não sabe o que uma família carente passa com uma conta de luz tão alta”, afirma Ednaldo Fernandes, líder comunitário do Bairro Santa Cruz.

O deputado Jenílson Leite (PCdoB), idealizador da CPI, lamentou a manobra da base do governo. “O que nós queremos é atender o clamor popular. A gente não entende o porquê do governo fazer esse tipo de manobra que dialoga contra os interesses da população”.

Como o requerimento já foi protocolado, entra na pauta da sessão de amanhã, último dia de trabalho na Aleac antes do feriado da Semana Santa.

Resta saber o que a base de apoio vai fazer para barrar a instalação da CPI, já que o número de parlamentares que assinaram o pedido de instalação, 12, é suficiente.

O povo presente na galeria da casa promete voltar na sessão desta quarta para mais barulho e mais pressão em cima dos deputados contrários a CPI.

Propaganda

Acre

Oitavo foragido do FOC é recapturado pela polícia

Publicado

em

Francisane Rocha Ribeiro estava escondido numa região de mata próximo ao presídio Francisco D’Oliveira Conde quando foi encontrado pela Polícia Penal na tarde dessa quinta-feira (23). Segundo os agentes, ele é o oitavo foragido recapturado após uma fuga em massa que aconteceu na última segunda-feira, onde 26 detentos do Pavilhão L escaparam.

De acordo com o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen), Francisane cumpre pena pelo crime de tráfico de drogas. Agora, dos 26 presos que conseguiram fugir, 18 seguem foragidos, todos com pena em regime fechado.

Os presos fizeram um buraco na parede da cela e escalaram a muralha do presídio com o auxílio de lençóis.

Seguem foragidos:

1. Francisco Santos Braga

2. Rogério Furtado dos Santos

3. Ariclene Firmiano da Silva

4. Dheyci de Angelo Lima e Lima

5. Aloísio Lucas Mesquita

6. Mirleson Nascimento da Silva

7. Saymon Wallace Fonseca do Nascimento

8. Valber de Aguiar Morais

9. Anderson de Souza Alves

10. Raimundo Nonato dos Santos Fonseca

11. Jaciel Batista do Nascimento

12. Wellington de Souza Lima

13. Lucas Souza da Silva

14. Joel Menezes de Queiroz

15. Ronicley Ribeiro da Silva

16. José Valdenes Viana da Silva

17. Gerilto Caetano da Silva

18. Sebastião Weverton Lima de França

Continuar lendo

Acre

Bebê de 8 meses morre ao se afogar em balde no bairro do Bosque

Publicado

em

Um bebê de apenas 8 meses de vida acabou morrendo na manhã desta sexta-feira, 24, após cair dentro de um balde com água. Segundo os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que atenderam a ocorrência, o acidente aconteceu na residência da família do menino, situada no bairro do Bosque, em Rio Branco.

Quando a equipe do Samu chegou ao local, a criança já estava sem vida. Extremamente abalados, os pais relataram ao Samu que o balde estava cheio para não ficarem sem água em casa.

A polícia técnica foi acionada para fazer a perícia. O corpo do bebê foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) para autópsia.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas

welcome image