Conecte-se agora

Prefeitura estima venda de 120 toneladas de pescado na Capital

Publicado

em

Quem costuma seguir a tradição católica de comer apenas peixe na quinta e sexta-feira da Semana Santa pode ficar tranquilo que o pescado está garantido. É o que diz a prefeitura de Rio Branco e os produtores rurais.

A capital acreana, realiza a partir desta terça-feira, 16, a nona edição da Feira do Peixe, que também comercializa produtos da agricultura familiar, na CEASA e na região do Panorama-Quixadá, Conjunto Universitário e nos Mercados Elias Mansour, Rui Lino, Seis de Agosto e da Estação Experimental.

Na CEASA, principal posto de venda de peixe neste período, o atendimento ao público vai de 5 da manhã até às 18 horas. Segundo estimativas da organização, o quilo do pescado deve ficar em média no preço de 13 reais e as principais espécies comercializadas são tambaqui, filhote, pirarucu, pintado e curimatã.

A data é esperada o ano todo pelos piscicultores e produtores rurais, que só na Feira do Peixe chegam a 100. É esperado uma movimentação aproximada de 3 milhões de reais. Um outro atrativo da feita é a possibilidade e comprar o peixe já tratado, no ponto de ir para panela. “Eu compro todos os anos aqui exatamente por isso. Você compra o peixe fresco, já pede pra tratar e diminui o trabalho. Chegar em casa é só fazer do que jeito que quiser. Como na minha família só se come peixe nessa época, eu procuro fazer de tudo que é jeito, assado, frito, caldeirada e moqueca”, diz Ana Paula Silva, dona de casa.

Quem produz peixe o ano todo, espera ansioso pela Semana Santa. José Benício Melo é um dos mais tradicionais piscicultores na região do Quixadá. Segundo ele, a expectativa é boa para este ano. “Acho que vai ser muito bom. Estamos em um local, Panorama, bem organizado e que deve atrair muitos clientes”, afirma.

Benício deve colocar à venda 1,5 mil quilos de peixes e, além de Rio Branco, atende também o mercado de Brasileia. “Já começamos a despescar o pirarucu, que dá mais trabalho, mas também temos surubim, matrinxã, piau, tambaqui e pirapitinga”, afirma Benício.

Propaganda

Acre

Para governo, mortes violentas continuam em queda no Acre

Publicado

em

Com base no ranking dos estados com maior índice de mortes violentas do país, o Acre segue apresentando redução no número de homicídios, saindo da segunda colocação para a nona. É o que afirma o governo do estado com informações levantadas pela ferramenta criada pelo site de notícias G1, para o acompanhamento de crimes contra a vida nos 26 estados e o Distrito Federal. Os dados foram divulgados esta semana e comparam o primeiro quadrimestre de 2019 ao mesmo período do ano passado.

Segundo os dados, em 2019, no mês de janeiro, foram registradas 32 mortes violentas. Já em fevereiro foram 29, em março 25 casos e em abril, 22. No mês de janeiro do ano passado foram relatados 51 homicídios, em fevereiro 30, março 29 e no mês de abril 34 mortes violentas.

A queda do número de mortes violentas em todo o Brasil foi de 23%. O Acre está com média superior à média nacional, com 25% no índice de reduções.

Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo

Acre

Expoacre Juruá 2019 ainda não tem atração musical confirmada

Publicado

em

A Expoacre Juruá 2019 será realizada em Cruzeiro do Sul nos dia 31 de agosto e 1° de setembro, sábado e domingo, na avenida Mâncio Lima, região central da cidade.

Ainda não há confirmação quanto à atrações musicais e segundo a secretária estadual de Turismo, Eliane Sinhasique, são os empresários cruzeirenses que vão escolher e pagar os shows. Governo do Estado e Sebrae, vão garantir a organização e estrutura, como as tendas, iluminação e regulação de trânsito, no mesmo molde da Expoacre em Rio Branco.

Sinhasique cita que o governador Gladson Cameli “quer tudo bem organizado. Vamos trabalhar em conjunto com todas as secretarias para fazer-mos uma festa maravilhosa”.

Em Rio Branco, a Expoacre, acontece de 27 de julho a 4 de agosto no Parque de Exposições Wildy Viana, no formato anterior de nove noites, que havia sido abolido no governo de Sebastião Viana.

Já estão confirmados os shows de Jorge e Mateus para o dia 28 e de Marília Mendonça para o dia 31 de julho. Os espetáculos serão pagos pela iniciativa privada, que também banca a estrutura e iluminação do palco.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.