Conecte-se agora

“Não nos tratem como marginais”, diz motorista de aplicativo

Publicado

em

Nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira, 15, dezenas de motoristas de transporte por aplicativo urbano se concentram em frente à prefeitura de Rio Branco para cobrar mais sensibilidade por parte do município para com a categoria.

A manifestação é pacífica e não bloqueia ruas. O representante dos condutores, afirmou que esta é apenas uma continuação de todo o protesto que lutou pela prorrogação do prazo imposto pela prefeitura que todos os motoristas se regularizassem junto a prefeitura.

Segundo ele, ao menos 50 motoristas entraram com um mandado de segurança no último final de semana e conseguiram liminar favorável para atuar por mais 60 dias, devido ao atraso no curso que deve ser oferecido pela prefeitura a todos os regularizados.

“Não queremos atuar a margem da lei, mas enquanto nos derem margem e faltarem com os compromissos iremos pedir mais prorrogação no prazo da regulamentação. Conseguimos, também mais 30 dias para que os motoristas se cadastrem”, disse Rodrigo Vale.

Arrecadação

Outro ponto tocado pela categoria foi a péssima condição das ruas de Rio Branco. Segundo eles, a prefeitura irá arrecadar mais de um milhão de reais com a regularização dos condutores de transporte por aplicativo no Sest Senat.

“Gastamos mais de R$ 3 mil reais com gasolina por mês. Não temos oportunidade de trabalho nesse estado. Pedimos mais sensibilidade, e que não nos tratássemos como marginais, porque não somos”.

Rodrigo ainda exigiu que o dinheiro arrecado com o cadastro dos condutores seja revestido em melhorias nas vias urbanas.

Propaganda

Acre

Cansada de apanhar, mulher mata marido com 4 facadas no Rui Lino

Publicado

em

Um homem identificado como Gleisson da Silva,  de 34 anos, foi morto com quatro facadas na madrugada deste domingo (15) em uma residência localizada na rua Rio Madeira, no bairro Rui Lino, em Rio Branco. A principal suspeita do homicídio é a esposa, Ana Cristina, que está foragida.

A Polícia Militar foi acionada via Ciosp para atender uma ocorrência de um homem ferido a golpes de faca numa casa e ao chegar no local encontrou o homem morto dentro de um quarto. Segundo a Polícia, a vítima morava com uma mulher, identificada como Ana Cristina, que era agredida quase que diariamente pelo companheiro que chegava sob efeito de bebida alcoólica em casa.

Na madrugada deste domingo, Ana cansou de ser agredida e juntamente com um filho decidiu por um fim nessa história desferido quatro golpes de faca em Gleisson que atingiu o peito, braços e costas. Após a ação, a mulher e o filho fugiram do local tomando rumo ignorado.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas ao chegar ao local, o médico apenas atestou o óbito de Gleisson.

A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos dos peritos em criminalística. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavérico. O caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Acre

Idoso cai de maca no corredor do Pronto-Socorro de Rio Branco

Publicado

em

A péssima qualidade da saúde acreana proporcionou na noite deste sábado, 14, mais um cena lamentável.

Um idoso, que por falta de vaga nas enfermarias, estava no corredor da unidade de saúde acabou caindo de uma maca.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o idoso sendo atendido depois de ter caído no chão e a revolta dos familiares.

Tem sido cada vez mais comum a presença de pacientes nos corredores do pronto-socorro.

 

 

Continuar lendo
Propaganda
Propaganda

Mais lidas