Conecte-se agora

Crianças indígenas desaparecem em comunidade Ashaninka

Publicado

em

Um grupo de quatro crianças, entre 5 e 14 anos de idade, desapareceu na última terça-feira, dia 9, ao percorrerem um caminho na comunidade indígena Ashaninka, localizada na fronteira entre o Brasil e Peru. A comunidade Tamaya-Saweto, no Peru, solicitou ajuda das autoridades e do grupo Ashaninka brasileiro, da aldeia Apiwtxa, em Marechal Thaumaturgo.

O prefeito do município, Isaac Piyãko, da comunidade Apiwtxa, está a caminho da aldeia para prestar apoio às duas famílias. “Aquela é uma região cercada por madeireiros ilegais e traficantes. O exército brasileiro foi acionado e está no local ajudando nas buscas, grupos do exército peruano também estão trabalhando”, afirmou.

Os grupos, do exército e da Apiwtxa, estão todos esses dias realizando buscas por todos os caminhos na floresta. Até o momento, não há registro do paradeiro das crianças, apenas alguns rastros foram encontrados.

Em 2014, Leoncio Quintisima, pai de três das crianças, foi assassinado com outros companheiros por um grupo de trabalhadores ilegais, enquanto viajava para a comunidade brasileira.

Com informações Juruá Em Tempo.

Propaganda

Acre

TCE multa prefeito por aumentar despesa com comissionados

Publicado

em

O prefeito da cidade de Bujari, Romualdo Araújo (PCdoB) foi multado pelo Tribunal de Contas do Acre para pagar R$ 14 mil. A Diretoria de Auditoria Financeira e Orçamentária (Dafo) do TCE Acre apurou em uma inspeção que o gestor do município é o responsável pelo aumento da despesa total com pessoal, que se encontra acima do limite máximo estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), no 3º quadrimestre de 2017. A penalidade foi divulgada na edição desta terça-feira, do Diário Eletrônico de Contas.

O Tribunal determinou ainda a notificação de Romualdo de para que reconduza as despesas de pessoal para o patamar exigido, conforme artigo 23, da Lei de Responsabilidade Fiscal, tendo em vista o limite está em 58,48%.

Ainda segundo a publicação, o Dafo deverá acompanhar as medidas a serem tomadas pela Prefeitura. A decisão do TCE será ainda enviada para Câmara Municipal do Bujari para conhecimento dos parlamentares.

Continuar lendo

Acre

Empresário denuncia dívida de mais de R$ 300 mil da Sesacre

Publicado

em

O empresário Paulo Henrique, diretor da Digicópias, resolveu desabafar em relação ao contrato que sua empresa tem com a Secretaria Estadual de Saúde para prestação de serviço de impressão e disponibilização de equipamentos e suprimentos.

Sem receber desde dezembro, o empresário perdeu a paciência. Tendo para receber mais de 300 mil reais da Sesacre, Paulo afirma que não tem mais como atender o contrato. “Eu não tenho mais como atender esse contrato. Na sexta-feira, meu fornecedor de papel, onde eu devo mais de 70 mil reais, me disse que não me vende mais papel. O meu fornecedor de toner e peças também me disse a mesma coisa”, afirma Paulo.

O empresário diz que o objetivo é que o vídeo se espalhe e que alguém da Sesacre resolva pagar o que lhe é devido. “Se não me pagarem dezembro do ano passado, maio e junho eu não tenho como atender mais. Não vou comprometer o capital da minha empresa por um contrato em que tudo que me pediram, eu fiz. Eu nunca recebi uma posição sobre o meu débito de dezembro”, diz Paulo.

Acostumado com promessas, Paulo diz que só volta a atender com o dinheiro em caixa. “Não adianta me ligar, me prometer. Na hora que o dinheiro estiver na conta, aí eu vou pagar as dívidas e vou comprar os produtos necessários para atender vocês. Caso contrário, infelizmente, não vamos atender mais.

A Secretaria Estadual de Saúde foi procurada, mas ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Veja o vídeo:

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.