Conecte-se agora

Após ser exonerado, Rogério Wenceslau diz que foi enganado e que governo de Gladson “é fraco, confuso e sem rumo”; saiba mais

Publicado

em

O jornalista Rogério Wenceslau, que neste final de semana deixou de ser o Porta-Voz do governo de Gladson Cameli, usou as suas redes sociais para justificar sua saída do primeiro escalão do Estado. O comunicador afirmou que entrou no governo por mérito próprio e sem indicação de partido político. “Eu entrei nesse governo por mérito próprio, não por indicação de partido nem de político algum, (eu nem estou filiado a partido). O que me levou para o governo foi o meu sucesso profissional como jornalista, não devo nada a ninguém, a não ser satisfações ao contribuinte”, disse.

Ainda em seu texto, Wenceslau revelou que nunca foi “porta-voz” do governo. “Esse cargo não existe na estrutura do governo. Me prometeram esse cargo, me enganaram. Depois me prometeram uma assessoria especial, me enganaram de novo. Depois me ofereceram uma diretoria, aí eu aceitei porque senão eu ia terminar sem nada”, lamentou o jornalista, afirmando ainda que se submeteu a “humilhação” porque já tinha pedido demissão do emprego na Tv Gazeta. “Tenho família para sustentar, e também porque o governador me garantiu que ia corrigir isso, o que não fez, é claro”, disse.

Rogério afirmou que trabalhou quase um mês sem receber nada, e no mês que já estava nomeado, o salário que recebido foi como “diretor”, metade do valor que prometeram quando foi convidado para compor o governo como “porta-voz”. “Da parte do governo para comigo foi uma fraude em todos os sentidos. Mesmo assim, de minha parte, cumpri com minha obrigação, e o fiz com zelo e dedicação, como tudo que faço. Quem quiser confirmar pergunte aos repórteres com quem eu conversava todos os dias”, revelou.

“Apesar de estar no alto escalão do governo, não concordava com os erros e trapalhadas que a sociedade está assistindo, atônita, desde o início. Bati de frente com aqueles de dentro do governo que tem interesses particulares e tentam manobrar as coisas em benefício próprio. Também bati de frente com os de fora, que também tem interesses escusos, e tentam barganhar através de chantagem. Isso fez de mim uma ameaça ambulante para muitos, e desagradou o governador, por isso ele me exonerou”, disse o jornalista.

Demonstrando mágoa, Wenceslau acusou o governo de Gladson Cameli de ser “fraco, confuso e sem rumo que ainda não mostrou a que veio, e se continuar assim vai ser um fracasso completo”.

“Este governo está cheio de incoerência, deslealdade entre os que o compõe, e principalmente, está cheio de gente despreparada para os cargos que ocupam. O resultado é que as coisas no Acre, no que depende do governo, atualmente estão piorando ao invés de melhorar, alguém duvida?”, questionou o jornalista.

“Tudo que diz respeito ao governo é do interesse público, e qualquer um de seus servidores tem a obrigação legal e o dever moral de defender as práticas republicanas. Falando em nome do governo jamais iria compactuar com qualquer coisa que minha consciência desaprovasse. Sempre agi pensando no interesse coletivo, paguei o preço. Saio limpo e de cabeça erguida, como em todos os desafios que enfrentei até hoje. Lamento que este governo tenha começado no rastro do que o antecedeu, fingindo, enganando e maltratando a população. Eu sou prova viva disso! Não falo só por mim, observem tudo o que está acontecendo e vão me dar razão. Uma coisa que começa errada não tem como terminar certa, e isso nada tem a ver com “ainda está no começo”, só um tolo não enxerga!”, explanou.

O ex-apresentador da TV Gazeta diz ainda que “vão dizer que eu só falo isso agora porque fui exonerado. Mais é o contrário, eu só fui exonerado porque essa sempre foi minha opinião, e não vai mudar por causa de salário, cargo, ou para agradar o governador ou quem quer que seja”.

“Por último, antes de decidirem por me exonerar, me ofereceram uma SEC 7, para eu deixar de ser o “porta-voz” e ficar quieto, parar de incomoda-los, ou constrange- los. Eu fiquei com vergonha alheia nessa ocasião. Eles realmente não me conhecem… Graças a Deus fui exonerado, para mim a benção, nesse caso, foi ter saído, ao invés te ter ficado. Se tiver mais algum destemido como eu, que zela pelo nome e a reputação que tem, vai pedir para sair ou dar um jeito de ser exonerado, porque o ambiente é caótico e moralmente insalubre. Eu não preciso disso para viver! Enquanto lá estive fui muito boicotado, e ajudado também por alguns, poucos, a quem sou grato. No governo incomodei muita gente sem escrúpulos, aqui fora, como jornalista, vou incomodar muito mais”, finalizou.

Propaganda

Destaque 7

Mailza diz que parceria entre Acre e China é a grande saída econômica

Publicado

em

Mailza levou projeto de investidores chineses ao Palácio do Planalto e destacou que o Acre abre-se cada vez mais para o mundo e o governador tem razões de sobra para atrair o capital chinês para grandes investimentos no Estado

A senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC), disse na manhã desta sexta-feira (18) que está bastante feliz com a participação do Governador Gladson Cameli na comitiva presidencial que irá à China na próxima semana. Mailza Gomes trabalhou durante essa semana para que o palácio tomasse conhecimento do projeto que será uma espécie de redenção econômica para o Estado do Acre. Jair Bolsonaro sempre tem convidado o governador para participar das agendas internacionais, e desta feita, Cameli vai aproveitar para adiantar as tratativas sobre o projeto de desenvolvimento com a parceria de investidores chineses. Mailza comemorou a missão empresarial com a participação do governador para atrair a participação de empresários chineses no Acre em grandes investimentos que ultrapassam 1 bilhão.

Aliada de primeira hora do projeto, a senadora Mailza Gomes se colocou à disposição do Palácio do Planalto para apresentar o projeto da ZPE – Zona de Processamento e Exportação em Senador Guiomard. “Esse é um projeto de altíssimo interesse para o Estado do Acre e para toda a Região Norte. A China é a segunda maior economia do mundo. Como já foi dito, o Acre terá um desenvolvimento nunca visto, pois se tornará um centro de exposição e distribuição de produtos de alta qualidade que serão, a partir do Acre, exportados para os países do Mercosul e do Caribe. A partir da abertura do corredor Acre/Peru, por onde virão os produtos chineses, a produção acreana também será exportada para a China e demais países asiáticos” comemorou Mailza Gomes.

O projeto prevê que a administração da ZPE de Senador Guiomard seja administrada, sem qualquer ônus para o Estado, por um grupo de 40 empresas chinesas, que receberão, em contrapartida, incentivos fiscais. A senadora também frisou que com a criação desse centro, 20 mil empregos deverão ser criados, o que significa muito para milhares de famílias acreanas.

Senadora Mailza articulou durante essa semana para que o Palácio do Planalto e o presidente Bolsonaro tomasse conhecimento do projeto que será a saída econômica para o Estado do Acre.

Continuar lendo

Cotidiano

Idoso é atropelado ao atravessar rua e vai parar em estado gravíssimo no PS

Publicado

em

O idoso Estêvão Nunes de Sousa, de 67 anos, foi atropelado e foi parar no Pronto Socorro em estado de saúde gravíssimo no final da manhã desta sexta-feira (18). O acidente aconteceu na Avenida Ceará próximo da concessionária FIAT.

De acordo com informações de populares que presenciaram o acidente, Estêvão estava atravessando a rua para pegar o seu carro, quando um motociclista que não teve o nome revelado que trafegava no sentido bairro-centro atropelou o idoso. Com o impacto Nunes foi arremessado, bateu a cabeça sobre o asfalto e desmaiou.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e ao chegar no local prestou os primeiros atendimentos e conduziu a vítima ao Pronto Socorro de Rio Branco. De acordo com médico do Samu, Estêvão sofreu um traumatismo craniano e se encontra em estado de saúde gravíssimo.

A área foi isolada pelos policiais de trânsito para o trabalho dos peritos. O condutor da moto foi conduzido à Delegacia para prestar esclarecimentos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.