Conecte-se agora

Aumenta em 20% o número de incêndios prediais em Rio Branco

Publicado

em

Conforme o banco de dados do Corpo de Bombeiros de Rio Branco, a capital acreana registrou um aumento significativo no número de incêndios prediais. Uma pesquisa recente da corporação comprova que no primeiro trimestre de 2019, no período de 1° de janeiro a 12 de março, ocorreram 72 ocorrências de incêndios em diversas edificações.

Neste mesmo período do ano, em 2018, a equipe registrou 60 ocorrências de incêndios nessas circunstâncias, o que representa um aumento de 20% no número incêndios prediais com relação ao ano passado.

De acordo com o Major Cláudio Falcão, há vários fatores que podem ter colaborado para esse aumento, inclusive uma oscilação quase que natural. “Mas o mais provável é que as pessoas ainda negligenciam a questão de segurança na fiação elétrica. Muitas não acompanham a construção de suas edificações e acabam não adquirindo o melhor material”, explica.

Segundo ele, a principal causa de incêndios em residências ou prédios são ocasionados por deficiências na parte elétrica. Não há um tipo de edificação mais propícia a incêndios, mas, de acordo com os Bombeiros, aquelas que trabalham com alimentação sofrem mais, por trabalharem diretamente com gás e fogo. “A partir do momento que se perde o controle do fogo, se torna um incêndio de grande proporção”.

As incidências de incêndio em residências também ocorrem pelos mesmos motivos. “Tanto pela parte elétrica, quanto pela parte da má utilização de botijas de gás. Esquecer fogo ligado, não desligar aparelhos eletrodomésticos das tomadas se passar mais de um dia fora de casa também pode colocar em risco a segurança de pessoas”, garante o Major.

Precauções

O Corpo de Bombeiros orienta os cidadãos a conhecer, precisamente, o estado da estrutura física de suas edificações, em especial a parte de fiação elétrica. “É preciso fazer uma revisão em, no mínimo, cinco em cinco anos na parte elétrica. Normalmente, as pessoas não fazem isso”, ressalta.

Além disso, o ideal seria trocar a fiação elétrica a cada 10 ou 15 anos, ainda mais se o morador aumentar a carga de eletricidade do local. “Se comprar mais aparelhos eletrônicos, por exemplo, é necessário verificar se as fiações suportam essa carga maior. Se as pessoas se atentarem para esses itens de segurança, elas terão um ambiente seguro, tanto no comércio, prédio ou residências”, afirma Falcão.

Propaganda

Acre

De 5 entrevistados, apenas 2 conhecem as pautas do manifestação

Publicado

em

A maior parte dos apoiadores do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) se concentram na praça do Palácio Rio Branco, na tarde deste domingo, 26, vestidos de verde e amarelo e munidos de cartazes com palavras de ordem a favor das medidas do atual governo.

Entretanto, nem todos os presentes conhecem as pautas que são discutidas e defendidas pelos próprios manifestantes. De cinco pessoas que a reportagem do ac24Horas entrevistou, apenas duas souberam dizer do que se trata o movimento.

Elaine Lima, de 20 anos, não soube dizer quais as principais pautas apoiadas pelos manifestantes. Da mesma forma, Ana Paula Alves, também de 19 anos. Esta disse que foi apenas para verificar pessoalmente o movimento na capital, mas que mesmo assim apoia o ato.

Ricardo Pereira, de 29 anos, trabalha como vendedor e ficou em dúvida sobre as questões debatidas no protesto de apoio ao governo Bolsonaro.

Já Luiz Neto e Maria Helena Teixeira, tinham na ponta da língua todos os assuntos colocados em pauta pelo manifesto que ocorre em todo o país. Ambos destacaram o pacote anticrime, do Ministro Sérgio Moro, reforma da previdência e a votação da medida provisória 870.

Continuar lendo

Acre

Ato pró-Bolsonaro em Cruzeiro contou com menos de 30 pessoas

Publicado

em

Populares do município de Cruzeiro do Sul se reuniram na manhã deste domingo, 26, para manifestar apoio à presidência de Jair Bolsonaro. Lá, cerca de 30 pessoas participaram do ato, que ocorreu na Praça Orleir Cameli, centro da cidade.

A concentração começou por volta das 8 da manhã. O grupo reafirma o apoio às medidas do governo federal com relação à reforma da Previdência e pacote anticrime.

Segurando bandeiras do Brasil e camisetas, e fotografia do presidente, eles também levaram carros que tocavam o Hino Nacional e frases de apoio a Bolsonaro.

Devido a pouca quantidade de pessoas, a Polícia Militar local não presenciou o ato, que aconteceu de maneira pacífica.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.