Conecte-se agora

Agentes prendem esposas de detentos que tentavam entrar com droga no presídio

Publicado

em

Durante procedimento de revista para entrada de visitantes da Unidade Penitenciária Manuel Neri da Silva, em Cruzeiro do Sul, Agentes Penitenciários deram voz de prisão, na manhã deste sábado, 09, a duas visitantes que tentavam entrar com substâncias entorpecentes. As substâncias estavam acondicionadas nos solados das sandálias das mulheres.

Thaide Thamara Alves do Nascimento, esposa do preso José Francisco de Souza Melo, e Ednalva Rodrigues da Silva, esposa de Emerson Correia da Silva, portavam em suas sandálias substâncias entorpecentes aparentando ser maconha. Mas, no caso de Thaide Thamara a situação foi ainda pior, pois a visitante também tentava levar 03 trouxinhas de uma substância, que supostamente seria cocaína, escondidas em suas peças íntimas.

Ao serem surpreendidas, as visitantes confessaram o crime, receberam voz de prisão e foram conduzidas à Delegacia de Flagrantes do município para o registro da ocorrência. Elas informaram aos Agente Penitenciários que as substâncias eram para o consumo dos maridos.
De Acordo com o Diretor da Unidade, Marquines Santos, as apreensões foram feitas com base na atividade de Inteligência que atua dentro do Presídio, o que possibilita o monitoramento e controle de atitudes suspeitas.

No âmbito da Administração da Unidade, os esposos das visitantes foram encaminhados ao isolamento preventivo e um procedimento administrativo foi instaurado para investigar a conduta destes. Eles também serão ouvidos pelas autoridades policiais que, se entenderem que as substâncias eram destinadas aos presos, também poderão indiciá-los.

Propaganda

Cotidiano

Agência dos Correios volta a ser arrombada em Xapuri; é a 4ª vez neste ano

Publicado

em

Pela quarta vez no ano a Agência dos Correios no município de Xapuri é alvo de criminosos. A última ocorrência foi registrada na madrugada desta segunda-feira, 18.

De acordo com informações dos policiais federais da delegacia de Epitaciolândia que atenderam ao chamado dos funcionários da agência, os ladrões arrombaram o prédio por uma das paredes.

Não há informações até o momento sobre o que foi levado da agência, que está fechada ao público aguardando a chegada da perícia. Não há previsão para a retomada do atendimento.

Os ataques de ladrões contra a agência estão se tornando corriqueiros. Entre roubos consumados e tentativas frustradas, essa é a quarta ocorrência no ano contra os Correios em Xapuri.

Continuar lendo

Cotidiano

Tribunal de Justiça nega habeas corpus a Osmir Neto, preso por estupro

Publicado

em

O Desembargador Pedro Ranzi do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) negou ao ex-proprietário da Agência de Modelos Órion Produtora, Osmir D’Albuquerque Lima Neto, um pedido de habeas corpus. A decisão foi publicada no Diário Oficial do (TJ/AC) desta segunda-feira (18).

A defesa de Osmir Lima alegou que o cliente encontra-se preso há 6 anos e 4 meses, e que no inquérito policial existiria abuso de poder por parte da autoridade, e, salienta que sua liberdade provisória não representa perigo social.

A defesa pediu liberdade provisória com amparo na Decisão do STF, que afastou a necessidade de prisão, após condenação em segunda instância.

O magistrado negou o habeas corpus destacando que “as alegações devem encontrar respaldo factual e legal, em outras palavras, as provas devem ser incontestáveis e oferecidas de forma pré-constituídas”.

Consta dos autos que o Neto teve sua prisão preventiva decretada com fundamento na garantia da ordem pública e evitar a reiteração criminosa, bem como, por ter permanecido preso durante toda a instrução processual, conforme Decisão proferida na sentença.

Saiba mais

O colunista e empresário Osmir Lima Neto foi condenado em 2013, a 54 anos de prisão em regime fechado pelos crimes de estupro de vulnerável e aliciamento de menores cometidos contra 19 vitimas.

Na época, a reportagem de ac24horas teve acesso ao material apreendido. Eram revistas Playboy, Sexy, calendários de modelos nus e publicações de pornô em quadrinhos com desenho de mulheres praticando sexo oral. Também foram apreendidos sutiãs, calcinhas, CD’s, dois computadores, uma máquina fotográfica e uma pasta com “autorização para menor fotografar”. Provas de que o colunista não tinha apenas a intenção de agenciar modelos, como prometia às garotas.

A investigação começou em setembro de 2009 e revelou que o acusado abusava sexualmente de mulheres, que eram atraídas pela promessa de que se tornariam modelos. Ele negociava espaços na revista em troca de favores sexuais. A versão foi confirmada por 19 vítimas, entre as quais, meninas com idade inferior a 14 anos, informou em nota o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado e a 1ª Promotoria Cível do Ministério Público Estadual que denunciou o caso ao juiz da 2ª Vara da Infância e Juventude, Romário Divino, autor do mandado de prisão.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.