Conecte-se agora

Acreana está na UTI após acidente em tentativa de roubo no Peru; família pede ajuda

Publicado

em

A acreana Hulda Maciel Góes de Gutiérrez, que mora no Peru com o esposo, sofreu um grave acidente na noite da última quarta-feira, 6, na cidade de Puerto Maldonado, no país vizinho. Segundo a irmã de Hulda, tudo aconteceu quando uma dupla de criminosos em uma motocicleta tentava roubar a bolsa da vítima.

“Ela trafegava em sua motocicleta quando dois homens se aproximaram e tentaram roubar sua bolsa. Por conta da força usada por eles para puxar a bolsa, ela caiu da moto e bateu a cabeça no asfalto”, relata Aquesia Maciel, irmã da vítima.

Hulda Maciel Góes de Gutiérrez, que mora no Peru com o esposo, sofreu um grave acidente na noite da última quarta-feira, 6, na cidade de Puerto Maldonado.

A queda ocasionou um grave ferimento. Hulda Maciel foi levada ao hospital inconsciente, com sangramentos no nariz e ouvido. “Ela passou por uma cirurgia no lobo occipital, ou seja, teve traumatismo craniano e está com edemas na cabeça. Agora, se encontra em coma na Unidade de Pronto Atendimento (UTI), em Puerto Maldonado, e já passou por duas cirurgias. Ela está em estado gravíssimo”, conta a irmã.

As duas cirurgias realizadas no crânio da vítima foram para drenar os coágulos que se formaram em sua cabeça. Hulda também quebrou a clavícula na queda, conforme informações dos familiares.

Descaso

A família lamenta que, até o momento, as autoridades peruanas não têm dado importância para o caso. “Apesar de eu ter esgotado todos os meios para pressionar, para que essa investigação ocorra e chegue aos criminosos, não vemos ação da polícia peruana. Por isso, pedimos, encarecidamente, a divulgação da notícia como forma de pressionar a justiça peruana a investigar o caso e chegar aos suspeitos que tentaram roubar a bolsa da minha irmã e acabaram provocando esse acidente”, conta Aquesia Maciel.

De acordo com a irmã, tal delito, de puxar bolsas, principalmente de mulheres, na cidade do país vizinho é muito comum. No entanto, “as autoridades locais não fazem nada a respeito, não traçam nenhum tipo de estratégia pra combater esse tipo de delito”, garante Maciel.

A equipe de reportagem do ac24Horas entrou em contato com a delegacia de combate a Roubos e Extorsões e foi informada de que esse é o tipo de situação em que a polícia do Acre não tem competência para pressionar as autoridades peruanas, mas que se houver interesse do Governo do Acre em exigir respostas neste caso, este sim poderia se posicionar com todos os respaldos.

O acidente envolvendo a acreana repercutiu em Puerto Maldonado, o vídeo mostrando o momento em que a vítima é socorrida chegou a ser divulgado na TV “Uriol Canal 33”, do país vizinho. O vídeo também foi postado em vários canais de notícias via Facebook, como na página “Serenazgo Puerto Maldonado”, que é bastante acessada na cidade peruana.

“Com a divulgação desse crime ocorrido com minha irmã nos sites e em um veículo acreano, eu posso usá-la pra pedir para os jornais peruanos republicarem, a fim de pressionar a polícia peruana para avançar nas investigações”, destaca Aquesia.

Veja o vídeo do momento em que os socorristas chegaram ao local do acidente:

Propaganda

Cotidiano

Dupla em motocicleta age novamente e fere jovem com três tiros no Calafate

Publicado

em

As guerras entre facções não cessam na capital. Leonardo de Oliveira Sousa, de 24 anos, foi ferido com três tiros em via pública no final da tarde deste sábado (19). O crime aconteceu na rua Juazeiro, em frente a Igreja Tenda de Deus, no bairro Valdemar Maciel, região do Calafate, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia repassadas a reportagem do ac24horas, Leonardo estava caminhando na rua quando dois homens não identificados em uma motocicleta se aproximaram e o garupa efetuou vários tiros. Três dos projeteis atingiram a vítima, dois nas costas e um no braço esquerdo. Após a ação os criminosos fugiram do local.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, prestou os primeiros atendimentos e conduziu Leonardo ao Pronto-Socorro de Rio Branco. Segundo o médico o estado de saúde da vítima é gravíssimo.

Policiais Militares do 4° Batalhão estiveram no local, fizeram rondas na região, mas os autores do crime não foram presos.

O caso será mais um a ser investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Cotidiano

Defensoria Pública e FAAO realizam ação social na comunidade do bairro Vitória

Publicado

em

Mais de 6 mil atendimentos foram realizados nesta sexta-feira, 18, na 10ª Edição do projeto: “Defensoria ao seu lado, cidadania mais perto de você” e a 5ª Edição do projeto: “FAAO na Comunidade”.

A ação realizada na escola Prof.ª Clícia Gadelha foi promovida pela Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE/AC), por meio do Núcleo da Cidadania e a Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO). O projeto conjunto, realizado com o apoio de 20 parceiros, levou diversos atendimentos básicos para comunidade do bairro Vitória e adjacentes.

“Esta iniciativa tem como objetivo chegar até as comunidades carentes, as pessoas que mais precisam, promovendo a garantia de direitos e cidadania, além de aproximar a nossa instituição dos assistidos”, destacou o coordenador do Núcleo da Cidadania da DPE/AC, Celso Araújo.

O morador da zona rural, José Felismino Chagas falou com alegria sobre a importância da ação. “Estou muito contente, pois hoje consegui atendimento médico, sou da zona rural e tenho muita dificuldade em ter acesso a esses serviços”, explicou.

“Quero agradecer a participação de todos os parceiros, é uma grande satisfação e um momento de interação, estar junto à Defensoria nesse trabalho feito para a população”, disse a diretora acadêmica da FAAO, Andrea Gastaldi.

A dona de casa, Joseane Silva Santos, contou sobre o atendimento da Defensoria. “Fui muito bem atendida pela equipe, esse tipo de atendimento no bairro facilita muito a nossas vidas, eles me explicaram e orientaram ao respeito dos documentos que preciso trazer e agora vou poder resolver meus problemas”, contou.

Serviços oferecidos

Foram oferecidos para a comunidade os serviços de: atendimento jurídico cível e criminal, atendimento médico, atendimento psicológico, atendimento oftalmológico, emissão da 1ª via do RG, orientação financeira e planejamento familiar, unidade móvel educacional da Energisa, exposição de jogos e avaliação de computadores, técnicas e orientação para desobstrução das vias aéreas ministradas pelo Corpo de Bombeiros, orientações sobre projetos arquitetônico e hidráulicos com alunos do curso de arquitetura e engenharia civil da FAAO.

Além de um espaço reservado para as crianças com mala de leitura, jogos didáticos, cinema com pipoca, corte de cabelo e sorteio de cestas básicas para os que prestigiaram a ação.

Parceiros

O evento contou com a parceria da Secretaria de Estado de Assistência Social dos Direitos Humanos e de Políticas para Mulheres (SEASDHM), da Secretaria Estadual de Educação (SEE), da Prefeitura de Rio Branco por meio da Secretária Municipal de Saúde (SEMSA), da Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social (SEMCAS), do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), do Departamento Estadual de Águas e Saneamento do Acre (DEPASA), do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre (CBMAC), da Polícia Militar do Estado do Acre (PMAC).

Além da Defensoria Pública da União (DPU), Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Gabinete da Senadora Mailza Gomes, 4º Batalhão de Infantaria de Selva (4º BIS), 7º Batalhão de Engenharia de Construção (7º BEC), Mulheres Empreendedoras do Acre, Energisa, Supermercado Araújo, Casa de Carne Floresta, Ótica Brasil, Café Contri, Miragina e Academia Prime.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.