Conecte-se agora

Série disponibilizada na Netflix conta a história da morte do ex-governador do Acre, Edmundo Pinto

Publicado

em

A quarta temporada da série Investigação Criminal que está disponibilizada na Netflix, provedora global de filmes e séries de televisão via streaming, traz em seu sexto episódio a misteriosa história que ronda a morte do ex-governador do Acre, Edmundo Pinto, assassinado em 17 de maio de 1992, a tiros no apartamento 707 do Hotel Della Volpe Garden, na Rua Frei Caneqca, no Centro de São Paulo.

O episódio com pouco mais de 43 minutos relata toda a investigação da Polícia do Estado de São Paulo para investigar o crime e chegar aos culpados.

De acordo com a série, os criminosos roubaram Cr$ 500 mil do apartamento que Edmundo Pinto ocupava desde 14 de maio[3] e ainda roubaram US$ 1.500 de John Franklin Jones, hóspede do apartamento 714 e funcionário do banco norte-americano Northeast. Jones disse para a polícia que os assaltantes eram três mulatos e seu depoimento foi um dos que permitiram a prisão dos criminosos.

O assassinato ocorreu menos de 48 horas antes de depor na CPI do Congresso que investigaria suspeitas que o próprio governador foi dos dos responsáveis pela malversação de verbas para a construção do Canal da Maternidade com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) num caso onde citou-se o ex-ministro Antônio Rogério Magri, cujo envolvimento não se confirmou. Houve suspeitas também sobre disputas partidárias acreanas e até queima de arquivo. A polícia concluiu como latrocínio (roubo seguido de morte), já que houve luta corporal visto que Edmundo Pinto foi atingido por um tiro de raspão na cabeça e outro certeiro no coração.

Houve novas investigações sobre o caso em 1993 e 2003 e o mesmo foi alvo da CPI da Pistolagem em 1992 quando Gilson José dos Santos, um dos acusados de matar o governador, disse que recebera dinheiro para cometer o crime.

Além do episódio que retrata a morte do governador do Acre, a Série foi veiculada originalmente no canal A&E, muito embora seus direitos de exibição tenham tenham sido adquiridos pela Netflix no ano de 2018. A série aborda, por meio de sequências de entrevistas, a história de grandes crimes brasileiros, como o dos Nardoni, dos Richthofen, de Mércia Nakashima e do cartunista Glauco.

Nota da Redação – Essa reportagem foi sugerida pelo leitor Ítalo Vasconcelos

 

 

 

Propaganda

Acre

Cantor beija mulher casada em show e ela pede para apagar vídeo

Publicado

em

Segundo a colunista Fábia Oliveira do jornal O Dia, Thullio Millionário, um cantor de forró, tem por hábito beijar as meninas que sobem ao palco para dançar com ele. E é beijão lascado mesmo! Não tem selinho não!

Pois bem. Noite dessas, como de costume, o cabra estava no palco e subiu uma morena linda. Ele, é claro, tascou um beijão. O vídeo, para desespero da moça, foi parar na internet e  então ela correu para pedir para apagar. O motivo ela mesma explicou: “Por favor, retire o vídeo. Sou uma mulher casada e não quero perder meu filho e meu esposo. Errei muito. Sou a mulher do vídeo com blusa preta e saia jeans azul”.

A moça em questão é essa que a gente publica apenas a imagem, sem mostrar o rosto.

Continuar lendo

Acre

Câmera flagra momento em que “novinha” rouba motocicleta

Publicado

em

Rubens Azevedo da Silva teve sua moto furtada na manhã deste sábado, 20, por volta de 9 horas da manhã, na Travessa Roraima, no bairro da Capoeira na capital acreana.

Um vídeo de uma câmera de segurança mostra o momento em que a moto é levada por uma mulher, que aparenta ser jovem. Ela se aproxima da motocicleta e ao que parece, usa uma chave mestre para conseguir dá partida e se evadir com o veículo.

A motocicleta é uma Honda, de placa MZV 4166. Quem tiver informações sobre a moto pode ligar para o 190 e informar à polícia. Um Boletim de Ocorrência já foi registrado pelo proprietário.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.