Conecte-se agora

Sistema de Proteção prevê cota do Rio Madeira em 17,53 metros no mês de março

Publicado

em

A gerente substituta do Sipam, Ana Cristina Estrava, prevê que a cota máxima do Rio Madeira a ser atingida este ano é de 17 metros e 53 centímetros, fenômeno que poderá ocorrer na segunda metade do mês de março. Se isto acontecer, essa será uma das maiores marcas desde 1997. A informação foi repassada aos participantes da reunião anual de avaliação do boletim hidrológico do Rio Madeira, promovido pelo Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam).

Por isso, o Acre deve ficar preparado para transtornos decorrentes da subida do Madeira, fenômeno que sempre influencia a rotina dos acreanos em vários aspectos, especialmente quanto ao abastecimento de gêneros de primeira necessidade transportados em grande parte pela BR 364. Essa rodovia é cortada pelo Madeira e a possibilidade de enchente pode encobrir parte da estrada caso as obras de elevação do leito da BR não estejam prontas até marco.

Propaganda

Cotidiano

Corpo é encontrado em decomposição em terreno baldio na Baixada da Sobral

Publicado

em

O corpo de Juracy de Souza Alves, de 37 anos, foi encontrado em estado avançado de decomposição na tarde desta sexta-feira (24) em um terreno baldio na rua Estácio de Sá, no bairro Bahia Nova, na região da Baixada da Sobral, em Rio Branco.

Juracy foi encontrado por populares em uma área de mata próximo a uma residência. A Polícia Militar foi acionada e isolou a área para os trabalhos dos peritos em criminalista.

O perito constatou inicialmente que o corpo não apresentava sinais de agressões, perfurações de tiros e nem cortes de faca.

Segundo informações de familiares, Juracy era alcoólatra e já vinha apresentado sinais de fraqueza. Familiares informaram ainda que Juracy já não se alimentava.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.

A Polícia acredita que a morte de Brilhante foi natural.

O caso será investigado pelos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Cotidiano

ISE realiza operação em centros socioeducativos do Estado

Publicado

em

O presidente em exercício do Instituto Socioeducativo do Estado do Acre (ISE), Leilson Costa, juntamente com os diretores dos Centros Socioeducativos da capital e do interior (Brasileia, Sena Madureira, Feijó e Cruzeiro do Sul) desencadearam a Operação Pente Fino em todas as unidades, atendendo a uma determinação da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública.
O objetivo da operação foi fazer uma revista minuciosa dentro dos alojamentos dos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação.

Durante a revista não foram registrados nenhuma anormalidade nos centros da Capital assim como também no interior.

O diretor do Centro Socioeducativo de Sena Madureira, Francisco Amorim destacou a importância da operação. “Essas ações de revistas minuciosas nas unidades, evitam que a criminalidade prevaleça. Estamos nos antecipando às ações contrárias e alinhando com os objetivos da segurança do nosso Estado, mantendo a integridade física dos adolescentes e coibindo a entrada de objetos ilícitos nas unidades”, destaca Amorim.

“Todo procedimento foi realizado dentro normalidade, na qual não foi encontrado nada ilícito, somente excessos de materiais, esses que foram retirados para o bom andamento dos procedimentos de segurança. A operação foi coordenada e monitorada por mim e o coordenador de segurança da unidade”, conta Rogério Ferreira, diretor do Centro Socioeducativo Santa Juliana.

O presidente em exercício, Leilson Costa, destacou que a ação visa a segurança nos Centros e faz parte das ações de Segurança estabelecidas pelo Governo do Estado e a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (SEJUSP).

Informações da Agência de Notícias do Acre
Fotos: Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas