Conecte-se agora

Sicoob Credisul alcança R$1,24 bilhão de ativos no ano de 2018

Publicado

em

A Sicoob Credisul obteve um crescimento considerado histórico em 2018. A cooperativa saltou de R$ 820 milhões para R$ 1,24 bilhões de ativos no ano, um crescimento de 51%. Outro indicador expressivo desse grande crescimento foi a carteira de crédito que subiu 56% atingindo R$ 950 milhões. O resultado impressionante é anunciado em um ano especial para a cooperativa, que completa 20 anos em novembro próximo.

As sobras de 2018 bateram o recorde de R$ 73,2 milhões. Desse montante, foram distribuídos R$ 6,5 milhões na conta corrente dos cooperados em 31 de dezembro. O cooperado recebeu essa remuneração proporcional à sua cota capital com base em 100% da taxa Selic.

O PL (patrimônio líquido) da Sicoob Credisul atingiu a marca de R$ 231 milhões. Com isso, a rentabilidade sobre o PL superou a meta mínima de 30% chegando a 31,69%.

“A redução do provisionamento por conta da baixa inadimplência, o aumento da carteira de crédito e a melhora no índice de eficiência administrativa foram pontos fundamentais para alcançar o resultado que alcançamos“, afirma Vilmar Saúgo, diretor executivo da Sicoob Credisul.

A cooperativa comemora também um crescimento nas receitas oriundas de produtos e serviços. Com isso, em 2019, a meta é cobrir as despesas administrativas da instituição com esse recurso. “Queremos depender menos do crédito para a nossa sustentabilidade”, diz Saúgo.

Com tanto crescimento, a Sicoob Credisul tem uma meta desafiadora: continuar se expandindo. Em 2019, pretende inaugurar mais três agências, nas cidades de Cáceres, Cuiabá e Campo Novo do Parecis, no estado de Mato Grosso.

Processo Assemblear

No dia 9 de fevereiro, os delegados da Sicoob Credisul farão a reunião que antecede o processo assemblear, onde irão definir o modelo de distribuição das sobras. Esse modelo será apresentado aos cooperados nas pré-assembleias, que se iniciam em 15 de fevereiro, em Rio Branco – AC, e se encerram em 27 de abril com a Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária (AGOE), em Vilhena, passando por todas as cidades onde a cooperativa possui pontos de atendimento.

Na AGOE deste ano, será eleito o novo Conselho de Administração da Cooperativa, cujas chapas poderão ser inscritas até o dia 8 de fevereiro, conforme edital publicado em jornais e disponível nas agências Sicoob Credisul.

Propaganda

Destaque 6

Gasolina e etanol recuam 0,8% nos postos na semana, diz ANP

Publicado

em

Os preços da gasolina e do etanol fecharam a semana com recuo médio de cerca de 0,8% nos postos em relação à semana anterior, mostraram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira (14), enquanto as cotações do diesel também caíram.

O movimento segue-se ao anúncio pela estatal Petrobras de cortes nos preços tanto do diesel quanto da gasolina em suas refinarias na semana, em momento de retração dos valores do petróleo no mercado internacional devido a temores de uma desaceleração econômica global.

Os preços do petróleo subiram na quinta e na sexta-feira, após ataques a navios-tanque no Golfo de Omã que levantaram preocupações com um potencial impacto sobre a oferta, mas ainda fecharam a semana com recuo devido à deterioração das perspectivas econômicas.

Em meio a esse cenário, a Petrobras anunciou na quarta-feira uma redução de 4,6% no preço médio do diesel, válido a partir de quinta-feira, além do fim de uma política que previa periodicidade fixa nos reajustes.

Na segunda-feira, a petroleira estatal já havia anunciado corte de cerca de 3% no preço médio da gasolina, com vigência a partir da terça-feira.

O recuo nas bombas, no entanto, foi bem menor- a gasolina recuou 0,82%, segundo os dados da ANP, para em média R$ 4,483 por litro.

Já o diesel, combustível mais consumido do Brasil, caiu em média 0,49%, para R$ 3,627 por litro.

O etanol, concorrente direto da gasolina nos postos, viu o preço médio baixar 0,8%, para R$ 2,836 por litro.

O repasse dos reajustes da Petrobras aos consumidores depende de distribuidores, revendedores e impostos, além da mistura obrigatória de etanol anidro na composição da gasolina vendida nos postos, segundo a companhia.

Continuar lendo

Destaque 6

Falha em sistema do Detran prejudica quem quer tirar a CNH

Publicado

em

Uma falha no sistema da empresa responsável por colher as digitais dos alunos de auto escola tem prejudicado quem busca tirar a primeira habilitação.

Um dos prejudicados é Marcos Antônio Mendonça Bezerra, que tenta tirar sua primeira habilitação para carro e motocicleta. Mesmo já tendo feito o pagamento de todas as aulas e cumprindo com as exigências não consegue fazer a prova teórica.

“Eu preciso com urgência da minha habilitação para trabalhar e já fui um monte de vezes no Detran, eles só dizem que deu um problema, mas não resolvem e nem dão uma previsão. Eu paguei para tirar a minha carteira e não consigo”, diz Marcos.

Procurado, o Detran, explicou, via assessoria, que o problema foi ocasionado por falha de comunicação entre a empresa que colhe as digitais dos candidatos e marca as provas com a outra empresa que gerencia o sistema do Detran.
Segundo a assessoria, o problema ocorreu no período de 20 a 27 de maio e prejudicou os alunos que fizeram a biometria das aulas. Atualmente, é obrigatório que os candidatos à primeira habilitação comprovem por meio das digitais a presença nas aulas. E foi exatamente essa falha no sistema que não registrou a presença dos alunos.

Segundo o Detran, as empresas garantiram que até a próxima quarta-feira, 19, o problema estará resolvido.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.