Conecte-se agora

Mais de 400 bolsistas do IDM podem ser prejudicados por indefinição do governo

Publicado

em

Mais de 400 bolsistas que desenvolvem suas atividades no Instituto Dom Moacyr, que foi extinto e deslocado por Decreto para Secretaria de Educação nesta sexta-feira, 18, conforme consta na edição do Diário Oficial, estão em estado de desespero sem ter perspectiva de terem seus pagamentos referente ao mês de janeiro efetivados.

Segundo apurou o ac24horas, os bolsistas que trabalham na Unidade administrativa localizada na Cidade do Povo estão ‘largados”. Enquanto isso o prédio está literalmente abandonado, já tendo inclusive ocorrido diversos furtos de bens públicos. Da mesma forma está acontecendo com as escolas que são vinculadas ao Instituto.

O ac24horas procurou o governo do Acre, que informou que o IDM mudou de nome, o que dificulta a continuação de convênios como o Pronatec. “O assunto está sendo resolvido, segundo o secretário de educação até a semana que vem uma solução será encontrada”, disse a assessoria.

Porém a assessoria informa que o convênio com o Pronatec não foi perdido. “É uma questão de readequação, que está sendo feita e tudo vai continuar funcionando, só que será pelo novo Instituto, que precisa estar vinculado à uma secretaria”, disse.

“O prazo que o secretário deu foi até a semana que vem a situação jurídica será resolvida, a partir daí será encaminhada à questão dos pagamentos”, disse.

LEIA MAIS: Gladson põe fim ao Instituto Dom Moacyr, criado pelo PT para ensino profissionalizante

Nesta sexta-feira, 18, com duas canetadas, o governador Gladson Cameli extinguiu o Instituto Dom Moacyr, criado na gestão de Binho Marques (PT) para promover a educação técnica e profissional no Estado do Acre. Chefe do Palácio Rio Branco publicou o decreto 66, deslocando, no âmbito da administração pública estadual direta e indireta, todas as atribuições e competências relativas à educação profissional e tecnológica para a Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte. No ano passado, Gladson já havia transformado o IDM em Instituto de Assistência e Inclusão Social (IAIS).

Propaganda

Cotidiano

Monitorado por tornozeleira eletrônica é preso com submetralhadora de origem israelense

Publicado

em

O detento monitorado por tornozeleira eletrônica Jeremias Cabral da Silva, de 22 anos, foi preso na noite desta sexta-feira, 23, na rua Paraguai, bairro Baixada da Habitasa, em Rio Branco.

A ação ocorreu após policiais terem recebido uma denúncia anônima de que um homem estava com uma arma de fogo.

Com a ajuda do IAPEN para chegar ao local, os policiais teriam encontrado Jeremias na rua em frente de sua casa. A PM então pediu autorização para realizar uma busca na casa e ao fazer uma procura no quintal, os policiais teriam encontrado a submetralhadora UZI de fabricação israelense, calibre nove milímetros, com 33 munições e silenciador.

O suspeito foi preso e levado para a Delegacia de flagrantes e deverá responder por mais um crime.

Continuar lendo

Cotidiano

Casal é preso em flagrante suspeito de cometer seis assaltos seguidos na Capital

Publicado

em

Marilene Martins de 19 anos e Ruslan Mesquita de 20 anos, foram presos pela PM na noite desta sexta-feira, 23, por cometerem assaltos em Rio Branco. Segundo os policiais, o casal foi apreendido com um revólver calibre 32 municiado, telefones celulares e uma moto roubada.

O casal é suspeito de ter feito um arrastão no bairro do Bosque e no Centro da cidade.

Os policiais foram acionados pelo CIOSP para atender a ocorrência de vários assaltos e saíram a procura dos acusados. Eles foram localizados já no bairro 6 de Agosto, onde foram presos pela polícia.

A dupla foi levada para a Delegacia de Flagrantes para os devidos procedimentos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.