Conecte-se agora

MDB diz que posição de Mazinho não é do partido; prefeito afirma que nota é para manter “empreguinhos”

Publicado

em

A executiva estadual do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) emitiu nota no fim da manhã desta sexta-feira, 11, afirmando que as declarações do prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), de que os emedebistas fariam oposição ao governo Gladson Cameli (Progressistas) na Assembleia Legislativa, não refletem a posição oficial do partido.

A nota afirma que a legenda mantém seu “apoio incondicional” a Gladson Cameli, “cujo governo ajudou a construir e onde tem efetiva participação”. “As declarações tornadas públicas pelo prefeito Mazinho Serafim não têm o aval do partido e, portanto, refletem apenas seus posicionamentos individuais”, completa.

O rompimento do prefeito de Sena Madureira – o terceiro maior município do Acre – deu-se após o Palácio Rio Branco se negar a conceder a ele a indicação de cargos da administração estadual na cidade.

LEIA MAIS: Em vídeo, Mazinho Serafim se declara oposição e diz que “talvez Gladson não termine o governo”

LEIA TAMBÉM: Mazinho Serafim: “Não quero mais conversa com o Gladson”

A partir de então, Mazinho passou a declarar que faria oposição ao governador, com a mesma postura sendo adotada por sua mulher, a deputada estadual eleita Meire Serafim (MDB), na Assembleia Legislativa.

Procurado por ac24horas, o prefeito afirmou que a nota do partido foi apenas para assegurar os “empreguinhos” dos emedebistas já acomodados no governo. De acordo com ele, a divisão de cargos para o MDB não reflete o tamanho e o peso político da legenda.

“Nós temos um senador eleito, dois deputados federais, três estaduais e a única coisa que deram para o partido foi uma tal secretaria de Pequenos Negócios”, disse ele. A secretaria, que passou a se chamar Empreendedorismo e Turismo, é comandada pela ex-deputada estadual Eliane Sinhasique.

Essa semana, Gladson Cameli – a partir de indicações do senador eleito Márcio Bittar – deu à legenda a chefia do Departamento de Pavimentação e Saneamento (Depasa); o MDB agora tem a presidência e a diretoria da autarquia.

Mazinho Serafim chegou a fazer uma comparação com as demais legendas, como o PP do governador e o PSDB do vice Major Rocha, que, de acordo com ele, mesmo sem terem obtido grandes resultados nas urnas, abocanharam os melhores espaços. “O resto que se f*&#’”, disparou.

Questionado se estaria disposto a um “acordo de paz” caso o governo estivesse disposto a acomodar seus aliados, Mazinho Serafim respondeu que a reaproximação não ocorreria “nem se mandassem um caminhão de ouro”.

“Não quero acordo com esse pessoal. Vou cobrar tudo o que prometeram para Sena Madureira”. Segundo ele, entre os itens do pacote de bondade sinalizado pelo governo progressista estaria a construção da ponte entre os dois distritos da cidade, orçada em R$ 25 milhões.

Propaganda

Cotidiano

PRF prende mulher e apreende 5 kg de cocaína em ônibus, na BR-364

Publicado

em

Uma ação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite de segunda-feira (24) resultou na apreensão de 5 kg de cocaína que estava em posse de uma mulher de 26 anos, dentro de um ônibus que seguia para fora da capital acreana.

De acordo com a PRF, em fiscalização de rotina na BR-364, no km 115, em frente à Unidade Operacional (UOP01), em Rio Branco (AC), a Equipe de plantão da Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordou um ônibus. Vários passageiros foram fiscalizados, mas uma mulher em especial chamou a atenção dos policiais, devido à inquietação na poltrona, pelo nervosismo e contradições que a passageira demonstrou diante de simples perguntas realizadas pelos PRFs sobre os motivos da viagem.

Diante da fundada suspeita, foi solicitado que a viajante identificasse suas bagagens. No interior da mala que ela levava no bagageiro do ônibus, foram encontrados cinco pacotes com substância em forma de pó branco que reagiu positivamente ao teste preliminar para alcaloide de cocaína, na forma de cloridrato.

 

Após a confirmação do entorpecente, a passageira informou que receberia R$ 5.000,00 para realizar o transporte da mercadoria até a cidade de Cuiabá (MT).

O ônibus e os outros viajantes foram liberados. A mulher de 26 anos recebeu voz de prisão e foi conduzida com a droga e demais pertences à Delegacia de Polícia Civil para os devidos procedimentos.

Com informações da PRF.

Continuar lendo

Cotidiano

Loja do Via Verde Shopping deve pagar R$ 7 mil a cliente por danos morais

Publicado

em

A 5ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco condenou a Lojas Avenida, localizada no Via Verde Shopping, a pagar R$ 7 mil de indenização por danos morais sofridos por uma cliente que passou por situação vexatória durante abordagem de funcionário do estabelecimento por suspeita de furto.

Segundo a consumidora, após ela ter realizado compras na loja foi abordada por funcionário do estabelecimento comercial quando estava saindo do local, pois o alarme de segurança disparou. A reclamante alegou que um dos itens comprados ainda estava com etiqueta de segurança, mas ela tinha nota fiscal de pagamento da roupa.

Na sentença, a juíza de Direito Olívia Ribeiro, enfatizou que “os documentos constantes dos autos, em conjunto com o depoimento da autora, são suficientes para comprovar a forma vexatória, humilhante e constrangedora com que a mesma foi abordada por funcionário da loja, assim como todo o abalo experimentado pela mesma”.

A magistrada ainda destacou a forma como agiu o funcionário da loja. “A forma como a autora foi abordada quando disparou o alarme de segurança, despertando a curiosidade dos clientes, causou na autora vergonha além do normal, o que lhe deixou emocionalmente abalada pelos dias seguintes ao fato”.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.