Conecte-se agora

Buraco na rua Joaquim Macedo põe motoristas em risco, na Capital

Publicado

em

Um buraco fundo na rua Joaquim Macedo, no bairro Oscar Passos, em Rio Branco, assusta os motoristas que passam pela via. A cratera, que coloca principalmente os motociclistas em perigo, está arrodeada de placas improvisadas, mas continua crescendo a cada chuva.

A reportagem do ac24horas fez um registro do local, para mostrar as condições do buraco no meio da via. Os empresários das proximidades do buraco contam que as placas foram colocadas há alguns dias, mas o problema não foi resolvido pela equipe de obras da prefeitura.

Em 2018, problema semelhante ocorreu no local. Segundo apurou a reportagem, por pelo menos três vezes foi necessário que funcionários da Emurb corrigissem e tapassem o buraco. Agora, ele voltou a causar danos na via.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Propaganda

Acre

Prefeitura entrega equipamentos adquiridos com emenda de Alan Rick

Publicado

em

O deputado federal Alan Rick (DEM), participou na manhã desta terça-feira, 23, a convite da prefeita Socorro Neri, da solenidade de abertura da Semana Municipal da Agricultura Familiar na Central de Abastecimento de Rio Branco (Ceasa). Durante a solenidade foi realizada a entrega oficial à comunidade de duas caminhonetes e duas pás carregadeiras fruto de emenda parlamentar do deputado no valor de R$ 800 mil (via Calha Norte), para o fortalecimento da Produção Familiar e do Programa de Mecanização Agrícola, nas regiões do Benfica, Moreno Maia e Ramal da Piçarreira.

Além da entrega dos equipamentos, Socorro Neri confirmou uma boa notícia aos produtores rurais no tocante a licitação das obras de recuperação do ramal da Piçarreira, licitação esta que só foi possível graças a uma emenda de Alan Rick no valor de um milhão de reais. A previsão é de que as obras começam ainda este ano.

“Esses implementos, principalmente as pás carregadeiras, são os mais adequados para o preparo das áreas ribeirinhas para o plantio da safra e irão beneficiar centenas de famílias de pequenos produtores. Investir na aquisição de implementos é fundamental para o fortalecimento da agricultura no município”, disse Alan Rick.

De acordo com o deputado federal, “foi uma alegria conversar com os produtores rurais ali presentes e receber o carinho de todos pelo trabalho que temos realizado para o fortalecimento da produção no chamado cinturão verde de Rio Branco. Também foi bom poder receber o carinho e o reconhecimento da prefeita Socorro Neri por todo o apoio que temos dado à gestão municipal.

Continuar lendo

Acre

Jovem internado na ortopedia do Huerb espera por cirurgia há 11 dias

Publicado

em

Márcia Pitanga, é moradora de Extrema, e veio acompanhado o filho, Guilherme Daniel Oliveira Ribeiro, ao Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) que sofreu uma fratura do fêmur.

O procedimento é cirúrgico. Após 11 dias, Márcia reclama das condições da unidade de saúde e afirma que a única resposta que recebeu até agora foi de que não há nenhuma previsão para a cirurgia do filho.

“Sem exagero, mas acho que tem quase 100 pacientes aguardando cirurgia de ortopedia aqui. Tem um senhor indígena aqui que aguarda há quatro meses por uma cirurgia. A situação aqui é extremante complicada”, afirma.

Márcia conta ainda que os problemas vão além da demora para a realização das cirurgias. Ela conta que faltam lençóis, gaze e medicamentos. “Eu tive que comprar paracetamol. Eu ando desesperada, é preciso que alguém faça alguma coisa. É humilhante o que estamos passando aqui. Não quero resolver só o meu problema, que resolva de todo mundo. Já fui ao Ministério Público, já denunciei, mas ninguém consegue resolver essa situação de descaso aqui dentro”, explica.

O ac24horas procurou a gerente de assistência do Huerb, Fabíola Helena Souza. Ela confirmou a demora na troca dos lençóis, mas afirmou não ser verdade a falta de medicamentos. “Sobre os lençóis a nossa demanda é muito grande, com isso atrasa a chegada de lençóis nos setores. Não existe a falta de medicamentos. As cirurgias estão seguindo o fluxo, o que atrasa são as cirurgias que chegam de urgência”, afirma.

Já foi noticiado pelo ac24horas que os ortopedistas estavam se negando a fazer plantões extras, por causa de um acordo não cumprido pela direção do Huerb em relação ao valor dos plantões. Quanto ao assunto, Fabíola disse apenas que “o Estado e que tem poucos profissionais ortopedistas contratados”.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.