Conecte-se agora

Prefeitura esclarece licitação para publicidade em busdoor

Publicado

em

A denúncia sobre a contratação de empresa para produzir e divulgar ações de educação de trânsito nos ônibus que circulam na Capital causou corre-corre nos corredores do gabinete da prefeita Socorro Neri. O custo da licitação pode chegar a R$ 500 mil, caminho inverso ao que a prefeita diz seguir: o da redução de gastos.

Para tirar o peso das costas da prefeita, a Superintendência de Transportes e Trânsito (RBtrans) emitiu uma Nota de Esclarecimento nesta quarta-feira, dia 09, para justificar a necessidade da contratação, o que, segundo informa, terá recursos destinados pelo Governo do Acre, através do Departamento de Trânsito (Detran), sob convênio.

“Conforme dispositivo legal (Lei 9.503 de 23 de setembro de 1997), os recursos oriundos de multa e penalidades pecuniárias por infrações no trânsito devem retornar ao município em forma de ações voltadas a organização e segurança no trânsito. O processo para realização do pregão foi iniciado em novembro de 2018”, afirma a nota.

A nota deixa bem claro que o serviço contratado pode não ser totalmente utilizado, e que as campanhas publicitárias para para garantir mais segurança no trânsito da cidade: “Os recursos destinados à ação são oriundos do Convênio nº 01/2015 celebrado (…) para desenvolvimento e execução de programas de controle, policiamento, fiscalização e educação no trânsito.”

Propaganda

Acre

Lixo em ponto turístico faz parte de projeto socioambiental

Publicado

em

A instalação de um cercado no centro de Rio Branco tem chamado a atenção de quem passa pelo Mercado Velho, próximo a ponte Metálica. Há pelo menos quatro dias, o cercado feito de madeira e tela está sendo usado para reservar vários sacos de lixo.

Não! Não é um ponto de coleta de lixo em meio ao ponto turístico da Capital. Trata-se de um projeto socioambiental desenvolvido em parceria com a secretaria de meio ambiente do município para conscientizar a população sobre os prejuízos de descartar o lixo em local inadequado.

A ideia, segundo a secretária de meio ambiente, surgiu depois de perceberem que a cada dia aumenta a quantidade de lixo que a população de Rio Branco descarta diretamente no chão. “Foi proposital colocar todo esse lixo num local central para que todos possam ver a quantidade de lixo coletado somente nas ruas e refletir sobre suas atitudes”, explica Paola Daniel.

LEIA MAIS: Amontoado de lixo compõe cenário turístico no centro de Rio Branco

Diariamente, são mais de 138 toneladas de resíduos sólidos recolhidos das ruas da Capital, fora o lixo domiciliar coletado nas lixeiras das residências e pontos comerciais. Por isso, a importância de educar ambientalmente a população da cidade. “Grande parte desse lixo é recolhido nas margens do Rio Acre, o que prejudica nossos recursos hídricos”, salienta a secretária.

Ao final do projeto, serão apresentados os resultados do projeto em um evento que será realizado pela prefeitura em alusão ao Dia Mundial da Água. O cercado está montado ao lado das roldanas de ferro que seriam utilizadas para içar a ponte Metálica entre os barrancos do rio Acre, e que hoje compõem um monumento histórico e turístico, situado entre a ponte e o Mercado Velho.

Continuar lendo

Acre

Prefeitura de Cruzeiro do Sul inicia construção de passarelas

Publicado

em

Visando dar mais dignidade e assegurar o direito de ir e vir dos moradores do Miritizal, a Prefeitura de Cruzeiro do Sul iniciou a construção de passarelas suspensas, popularmente conhecidas como trapiche, para facilitar a locomoção no bairro.

“A minha gestão tem compromisso com o bem-estar das pessoas. Enquanto não reconstruímos totalmente a rua, devido, inclusive, as condições precárias de acesso, vamos restaurando e reforçando todas as passarelas suspensas. Mais de 20 famílias dependem desse acesso que será construído, para ampliar a trafegabilidade aos moradores”, salientou o prefeito Ilderlei Cordeiro.

A convite do vereador Marivaldo Figueiredo, o prefeito esteve pessoalmente vistoriando o local. “Eu fico muito feliz com essa obra e agradeço ao prefeito e o vereador, porque a nossa situação aqui é muito difícil devido as péssimas condições do trapiche”, salientou a aposentada Sebastiana, 79 anos.

Segundo seu Francisco, 88 anos, a obra é urgente. “Aqui quando alaga, inunda até o trapiche. Ele já está bem prejudicado, não sei como ainda não caiu. A construção de um trapiche novo vai nos ajudar muito”, alertou.

O prefeito Ilderlei Cordeiro pretende construir trapiches nas diversas comunidades de Cruzeiro do Sul, que sofrem com esse problema de acesso. Mesmo diante de fortes chuvas, a Prefeitura tem intensificado as obras de infraestrutura. Inúmeras ruas do município estão sendo pavimentadas, asfaltadas e, até mesmo, reconstruídas.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.