Conecte-se agora

“Idealizada” por Sebastião, empresa de call center tem alíquota do ICMS aumentada

Publicado

em

A empresa de call center e telemarketing Contax, que teve o governo Sebastião Viana (PT) como principal entusiasta de sua vinda para o Acre, não ficou de fora de aumento de tributos.

Prestes a deixar o Palácio Rio Branco, o governador petista assinou decreto que aumenta a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de companhias que prestam serviço de comunicação para empreendimentos de telemarketing e call center.

Em resumo, a Contax pagará mais caro pelas contas de telefonia e de pacotes de dados, sua principal ferramenta de trabalho. A norma foi publicada na edição desta quarta-feira. 26, do Diário Oficial. Ela altera a Lei Complementar 55/97, que dispõe sobre a taxação do ICMS nas atividades de transporte e comunicação.

O aumento da taxação que afeta a Contax – única empresa do tipo no estado – no apagar das luzes do governo Sebastião Viana chama a atenção por ela ter sido bastante usada como instrumento de propaganda sobre uma possível redenção econômica do Acre.

A implementação de uma empresa de call center foi bastante usada durante a campanha de reeleição de Sebastião, em 2014. A promessa era a de que ela geraria até sete mil empregos em Rio Branco.

Um ano após sua inauguração, em maio de 2015, a Contax tinha contratado 1.000 funcionários. Com sede em São Paulo, a empresa veio para o Acre após muitas negociações realizadas pelo próprio governador, que oferecia como contrapartida a construção do call center e incentivos fiscais.

Segundo o governo, a construção do prédio – localizado próximo ao Via Verde Shopping – se deu a partir de uma parceria público-privada. Com o aumento do ICMS – o que representará elevação nos custos operacionais – não se sabe ao certo qual será o futuro da Contax no Acre.

Em julho, ac24horas mostrou que a empresa tinha mudado de nome no Acre e vinha demitindo uma série de funcionários. Informações à época já davam conta de que a empresa passava por sérias dificuldades.

A assessoria de imprensa do governo foi procurada para comentar o aumento do ICMS sobre os prestadores de serviços da Contax, mas não houve envio de respostas até o momento.

LEIA MAIS: https://www.ac24horas.com/2018/07/23/contax-muda-de-nome-e-demite-dezenas-de-funcionarios-no-acre/

Propaganda

Destaque 6

Acre tem mais de 100 candidatos à adoção de crianças

Publicado

em

O Acre tem 101 pretendentes à adoção em todo o Estado, o que corresponde a apenas 0,22% do total de interessados no País. Está entre os menores índices entre os Estados. Apenas oito crianças estão cadastradas.

Os dados são do Cadastro Nacional de Adoção, coordenado pela Corregedoria do Conselho Naed

cional de Justiça (CNJ). Trata-se de uma ferramenta digital que auxilia os juízes das Varas da Infância e da Juventude na condução dos procedimentos dos processos de adoção em todo o país.

O CNA tem o objetivo de colocar sempre a criança como sujeito principal do processo, para que se permita a busca de uma família para ela, e não o contrário.

Além das crianças aptas à adoção, o sistema traz informações do antigo Cadastro Nacional de Crianças Acolhidas, do CNJ, no qual 47 mil crianças que vivem em instituições de acolhimento em todos os estados estão cadastradas.

Continuar lendo

Destaque 6

Acre registra queda no abastecimento de água

Publicado

em

Uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira, 22, mostra que enquanto o fornecimento de água aumentou na maior parte do país, o Acre apresenta uma realizada bem diferente. Os dados são referentes ao ano de 2018 e constatam que o estado registrou redução no fornecimento regular diário de água encanada aos domicílios.

Com relação a frequência no fornecimento de água atualmente, apenas 39,7% dos acreanos aparecem com abastecimento de água diariamente. Do total populacional, 24,6% é abastecido de 4 a 6 vezes por semana e 35,7% recebe abastecimento de 1 a 3 vezes por semana.

Melhoria nesse serviço foi observada em 19 das 27 Unidades da Federação, incluindo o Distrito Federal, mas no Acre, Pará, Amapá, Sergipe, Espírito Santo e Paraná foram identificadas quedas na quantidade de abastecimento.

Conforme os dados, o aumento mais expressivo foi registrado no Distrito Federal, onde 64,4% dos domicílios recebiam água diariamente através da rede. O pior estado no índice de abastecimento de água é o Amapá, segundo a pesquisa.

A pesquisadora ainda destacou que Pernambuco é o estado brasileiro com o menor percentual de domicílios com abastecimento frequente de água, onde apenas 38,6% dos domicílios o têm diariamente, percentual próximo ao do Acre, que ficou em 39,7%.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.