Conecte-se agora

Gladson não tem previsão para chamar aprovados em concurso público

Publicado

em

Em entrevista coletiva cedida na manhã desta segunda-feira (17), para falar sobre o plano de reforma administrativa entregue para analise na Assembléia Legislativa, o governador eleito, Gladson Cameli, quando interrogado sobre a convocação dos aprovados nos concursos da Polícia Civil e Militar, respondeu que precisa de prazo e paciência.

Apesar de considerar uma prioridade os campos da saúde e da segurança pública, Gladson explicou que precisa cortar gastos para gerar recursos que o permitam fazer essa convocação.

“Imagina que eu mantenha toda a estrutura que está ai na situação como está, daqui a dois anos o estado fica ingovernável. Janeiro já tem o déficit de 40 milhões que nós vamos ter que desembolsar. Peço paciência, porque eu não consigo resolver tudo em um ano, preciso de prazo para reestruturar toda a máquina. Esses cortes que estamos fazendo que estão na reforma já nos dará uma redução dos custos, mas, não consigo fazer tudo em um ano, peço mais uma vez paciência”, disse Cameli.

No total, juntando as duas instituições são 500 homens e mulheres a serem convocados e que dependem da convocação para início da academia de polícia que vai prepará-los para trabalhar na segurança pública do estado. Os concursos foram realizados em 2017 e o resultado final saiu em Agosto desse ano. A previsão era que o então governador Tião Viana convocasse até novembro deste ano, mas, o prazo já se excedeu e a responsabilidade foi repassada para a próxima gestão.

Propaganda

Cidades

Mototaxistas dizem que uso de mototaxímetro favorece Uber

Publicado

em

Mototaxistas presentes na Câmara Municipal afirmam que a corrida registrada pelo mototaxímetro sai muito mais caro do que as corridas do Uber.

Atualmente estão cadastrados 642 mototaxistas e tem mais de dez mil carros rodando pelo Uber. Cerca de 50% das motos já tem o equipamento, mas é inviável economicamente instalar mais.

Segundo o Sindicato, não há como concorrer com o Uber. A lei obriga que até outubro desse ano todas as motocicletas do serviço devem completar a instalação do mototaxímetro.

Eles responsabilizam também o monopólio da fabricação do aparelho. Ameaçam, inclusive, paralisar o trânsito da cidade todos os dias se o impasse com o RBTRANS não for resolvida. Lembram que em Porto Velho (RO) a instalação dos mototaxímetro foi cancelada. “Muitos pais de família não conseguem mais sobreviver do serviço de mototáxi”.

Continuar lendo

Cidades

Obra da prefeitura piora ainda mais situação da Rua do Passeio, no Taquari

Publicado

em

Uma obra emergencial de recuperação da Rua do Passeio, no bairro Taquari, em Rio Branco, deixou a situação da via ainda mais complicada. Imagens registradas pela moradora Rikelly Araújo mostram que os buracos e a lama se espalharam e continuam prejudicando os pedestres e motoristas que passam por ali.

Há duas semanas, uma equipe do ac24horas esteve no local e mostrou a dificuldade de motoristas em passar no trecho da segunda maior rua da comunidade. Por lá, passam também os alunos da Escola Elias Mansour, que fica a menos de 100 metros da cratera.

Segundo Rikelly, uma equipe da Emurb foi até o local no mesmo dia em que o problema foi noticiado pelo ac24horas, mas com o serviço mal feito, o problema só aumentou. “Agora eu estou quase impossibilitada de entrar na minha casa. Vi crianças indo pra aula com o tênis metade limpo, e metade com lama”, relata a moradora.

Em um dos vídeos enviados, outra moradora entra na lama para mostrar a profundidade do buraco. A lama chega à “canela” da mulher. No vídeo, a narração: “Aqui é a saída onde eu estava trabalhando, carregando barro, doente, e eles vieram aqui e desfizeram tudo que eu tinha feito. Só fizeram uma imundice”, reclama a mulher.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.