Conecte-se agora

Jorge Viana: “Vamos ter que mudar de verdade”

Publicado

em

O senador Jorge Viana (PT) disse ontem à coluna que está mais recluso, porque ser protagonista é de quem foi eleito.  Sobre uma avaliação do que motivou a derrota mais fragorosa que o seu partido já sofreu no Acre, disse à coluna ser “cedo” para esta avaliação. “No meu caso, penso que na hora certa vamos ter que ir além da autocrítica. Vamos ter que mudar de verdade, o jeito que estávamos fazendo política ultimamente”, comentou. Não deixou de dar uma alfinetada na oposição, ao afirmar: “o melhor período de quem ganha é entre o dia da eleição e o dia da posse. Mas a turma parece que não está sabendo aproveitar este tempo. Desejo melhor sorte para eles”, falou. JV (foto) prometeu que vai iniciar um processo de prestação de contas do seu mandato, repetindo o roteiro de quando saiu da prefeitura e do governo. Diz não ter rancores e que a vida segue. Sobre a eleição do SEBRAE considera “estranho” avocar para o PT o resultado da eleição e debita ao sucesso à boa articulação dos vencedores, que considera “líderes de seus setores”. E completou: “se houve derrota dos representantes do futuro governo foi deles para eles mesmo.” É, pelo visto, a avaliação da derrota do PT não acontecerá este ano. Para ser séria terá de cortar fundo na própria carne.

AVALIAÇÃO COMPLICADA
A avaliação da derrota que o PT pretende fazer mais na frente para evitar o emocional, terá um componente exclusivo: não vejo como deixar de fora como uma das causas da derrota os equívocos do atual governador, o desgaste da sua gestão, que contaminaram os aliados.

SALDO DA FLORESTANIA
47,7% da população acreana vive abaixo da linha de pobreza, registra o recente índice divulgado pelo IBGE. É o resultado do cantado em prosa e verso projeto econômico da Florestania, que durante 20 anos não gerou o emprego e renda que tanto prometeu.

BATOM NA CUECA
O Assuero Veronês é uma das pessoas que conheço que tem uma inteligência privilegiada. O seu mal é pensar que os demais são tapados. Não só conversou com o governador eleito Gladson Cameli sobre o SEBRAE, como também lhe prometeu o voto. O empresário George Pinheiro foi testemunha. E votou contra. Fora isso e vender gato por lebre. É o mesmo que explicar à mulher o batom na cueca. Por mais que se tente explicar, não se consegue.

NADA CONTRA
Comento fatos para que não se passe uma versão falsa como verdadeira. Nada contra o José Adriano e nem contra o Marcos Lameira terem vencido a eleição do SEBRAE. Numa disputa, por menor que seja o colégio eleitoral, quem não se articula perde. E se articularam bem.

CAUTELA COM A LÍNGUA
O PT chegou ao poder prometendo em dois anos uma saúde de primeiro mundo e ofertar 20 mil empregos. Não fez nem uma coisa e nem outra. Vem agora a deputada federal Mara Rocha (PSDB) com o mesmo arroubo, prometendo que o seu afilhado, Paulo Wadt, que emplacou para a secretaria de Agricultura, fará em 2 anos o que o PT não fez em 20 anos no setor. Já vi este filme no PT. E, com final infeliz! Num Estado pobre e quebrado é preciso cautela com a língua afiada.

PARA MIM FOI O EXEMPLAR
Fico sempre com um pé atrás quando vejo promessas mirabolantes. Cito um exemplo: a ZPE iria trazer empresas internacionais para o seu parque e sobrariam empregos. Não trouxe um carro de pipoca. Autor da pérola: o então secretário de Indústria, Edvaldo Magalhães (PCdoB).

PARTIDO VAI DECIDIR
O senador Sérgio Petecão (PSD) me ligou ontem dos EUA para dizer que, o que o seu partido decidir sobre a perda da secretaria de Agricultura vai seguir à risca: se vamos apoiar o governo sem cargos ou se não teremos mais relação política com o governo. A decisão é deles.

HOSPITAL DO JURUÁ
Não houve nenhum repasse para pagar os médicos que prestam serviço no Hospital do Juruá. Foi uma parte apenas para os celetistas. Por qual razão ficar se falseando a verdade dos fatos?

O BITTAR ESTAVA CERTO
Quando o futuro senador Márcio Bittar (MDB) tomou a posição de não indicar nenhum nome para ser secretário no futuro governo estava mais do que correto. Está tranqüilo no seu canto e com o nome longe do arranca-rabo sendo travado por outros políticos para indicar cargos.

PENALTY SEM GOLEIRO
O governo Gladson Cameli não começou. Não posso, por isso, fazer avaliação, não tenho bola de cristal. Mas acho difícil que consiga ser o desastre, que foi o atual governo neste último mandato. Numa comparação seria como perder um penalty sem goleiro debaixo da trave.

NÃO SE JOGA GASOLINA NO FOGO
A futura assessora de Imprensa, Silvânia Pinheiro, uma feliz escolha do governador eleito Gladson Cameli, atente bem para quem vai indicar para a direção da Rádio Difusora Acreana. Se for alguém fora dos quadros da emissora, com certeza, terá problema de gerência.

CONTA OUTRA DO PAPAGAIO, LEANDRO!
Leio que, o empresário Leandro Domingos negou que tenha havido influência política do PT, no resultado da eleição para presidente do Conselho e Superintendente do SEBRAE. Já que entrou para a veia cômica, aproveita e conta outra piada de papagaio, Leandro!

CAIM MATOU ABEL, COREINHA!
Quem me ligou ontem foi o presidente do PSDB, o enólogo Correinha, para dizer que não se pode comparar a votação do Petecão (PSD) com a da Mara Rocha (PSDB), por serem em campos diferentes. E que PSDB e PSD são “irmãos”. Caim matou o irmão Abel, Coreinha! Diz a Bíblia.

JV TIRA O CORPO DE BANDA
Mesmo os novos dirigentes do SEBRAE sendo fãs do PT de carteirinha, o senador Jorge Viana (PT), nega interferência e diz que venceram por mérito próprio. Vou fazer que acredito, JV!

FANATISMO RELIGIOSO
A nova Ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, que andou pelo Acre, como assessora do ex-deputado federal Henrique Afonso, é uma fanática religiosa. Basta ver a sua declaração de que, o que vai mudar o Brasil não é a política, mas as orações das igrejas evangélicas.

TAMANHO DO ESTRAGO
É temerário qualquer futuro secretário estadual ficar prometendo mudar o eixo da terra sem saber se ao menos terá a alavanca para movê-lo. Não sabem nem o tamanho do orçamento.

FIM DE CONVERSA
Para este colunista tanto fazia ganhar o Pedro como o Pedroca, na eleição do SEBRAE. Quem perdeu foi porque não teve competência para se articular. Choro agora não adianta. Ponto.

VAI SOFRER CONSTRANGIMENTOS
É muito provável que o atual governador não compareça e mande um representante para a transmissão de posse para o governador eleito Gladson Cameli. O constrangimento por manifestações hostis que passará, não há como ele escapar. Sei bem como isso acontece.

PASSARÁ POR ELA
Seja qual for o contexto pelo qual passará a eleição para a PMRB em 2020, o papel da prefeita Socorro Nery será de protagonista. Está se cacifando junto à opinião pública com as medidas moralizadoras que tomou, ao promover uma Reforma, que acabou com privilégios no órgão.

GESTÃO COM MORALIDADE
O perfil que a prefeita Socorro Nery está consolidando é de uma gestora séria, que não faz nomeações graciosas para abrigar afilhados de políticos, fugindo do velho padrão do toma lá e dá cá, que sempre foi usado na política acreana. Um perfil oposto à cessão de privilégios.

CONVITES PARA COMPOSIÇÃO
Existem articulações de um desenho para uma aliança que envolveria um apoio à reeleição da prefeita Socorro. Não estico no comentário e nem revelo os personagens por a movimentação ainda estar muito verde, no campo das hipóteses. Não ela sabe. Mas é um desenho bem interessante.

ACHO BEM IMPROVÁVEL
O PT apoiaria em 2020 a reeleição da prefeita Socorro Neri? Acho mais provável que venha com uma candidatura própria. Principalmente, depois que ela acabou com parte do curral-eleitoral que o petismo mantinha na prefeitura da capital. Os petistas viram com antipatia.

NOMES QUE APARECEM
Deputado federal Alan Rick (DEM), deputado eleito Roberto Duarte (MDB) são nomes dentro da coligação do futuro governador Gladson Cameli, que começam a ser falados para a PMRB. Mas não se sabe qual será a guinada dos grupos dos senadores Márcio Bittar (MDB), do senador Sérgio Petecão (PSD), do vice Major Rocha (PSDB), com peso político na capital.

NÃO ME CAUSARIA SURPRESA
É muito cedo para se ter uma noção do quadro. As pedras ainda nem foram colocadas no tabuleiro. Mas não me causaria nenhuma surpresa se o senador Márcio Bittar (MDB) aparecer em 2020 apoiando á PMRB uma candidatura do Coronel Ulisses (PSL) ou de alguém do grupo.

NÃO FICARÁ NA SOMBRA
Não espere do Márcio Bittar (PSDB) que seja um senador na sombra do poder. Sabe qual é o peso do seu mandato. Na Câmara Federal, com mais de 500 deputados, ele, de um Estado pequeno, se elegeu primeiro secretário, o segundo cargo mais importante da mesa diretora.

ESCOLHA DA EXPERIÊNCIA
Tudo caminha para o futuro presidente da Assembléia Legislativa ser o deputado Nicolau Junior (PROGRESSISTA). É o candidato do Gladson Cameli. Se emplacar é possível que tenha como assessor o ex-deputado Helder Paiva, uma pessoa polida, conciliadora e experiente.

NÃO É CARGO, MAS CASTIGO
Dei até uma gargalhada. Ontem, conversando com uma das pessoas mais próximas do senador Sérgio Petecão (PSD), esta fez o seguinte comentário, sobre a ciranda de indicações de secretários: “devem estar com raiva do Petecão, lhe dar a COHAB não é cargo, mas castigo”.

NÃO SE TORCE CONTRA
Ninguém é louco de torcer contra para que o atual governador não pague dezembro e o 13º salário dos servidores, as indenizações dos comissionados e dívidas dos fornecedores. Há famílias em jogo. Não está em risco seu desgaste. Mais do que está é impossível de ficar.

“UMA DAS NOSSAS BESTEIRAS”
Um amigo petista comentou numa conversa esta semana na ALEAC o fato de todos os deputados federais do PT terem sido derrotados na última eleição: “uma das nossas maiores besteiras, além de não montar uma chapa completa, foi não investir na reeleição do Angelim”. Caso o PT não tivesse colocado travas para criar obstáculos à candidatura do Angelim, por certo, o PT teria pelo menos um parlamentar na Câmara Federal. Nem mel, nem cabaça”. O que acho do comentário? Absolutamente, certo! É o que dá um partido ter grupo dominante.

Propaganda

Blog do Crica

Sebastião Viana faz a acusação mais grave da eleição

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Crica

Dois nomes marcados pelos embates

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Crica

O poder não perdoa os que não sabem exercê-lo

Publicado

em

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.