Conecte-se agora

Sebastião Viana mantém agenda do pires na mão por Brasília

Publicado

em

Faltando menos de 30 dias para deixar o governo, o petista Sebastião Viana vem mantendo uma agenda corrida dentro e fora do estado para ver se consegue aproveitar este período para concretizar suas principais promessas de campanha ainda de 2010. Nesta terça-feira (4), Viana continua sua peregrinação por Brasília com o pires na mão em busca de assegurar recursos federais para o estado e outros investimentos.

Junto com seus demais colegas do Norte e Nordeste, Sebastião Viana participa de uma maratona de agendas que vai da participação de votações de projetos na Câmara que causarão impactos nas contas dos governos, até encontro com ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), que julgará pautas também de interesse dos estados.

Todos os temas se referem à partilha de recursos da União com estados e municípios. Na Câmara, eles vão acompanhar a votação do Projeto de Lei Complementar (PLP 459) que trata da securitização da dívida ativa.

O texto autoriza a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios a cederem, com ônus, os direitos originados de créditos tributários e não tributários, inclusive inscritos em dívida ativa. O projeto é uma forma de combate à sonegação e gera receitas para cobrir o déficit da previdência.

Os governadores também deverão se reunir com o ministro Ricardo Lewandowski, relator de três ações no STF sobre os fundos de participação dos municípios e dos estados. Já houve audiência de conciliação e foi concedido prazo de 15 dias para governo federal abrir informações sobre as receitas partilhadas com estados e municípios.

Procurada por ac24horas, a assessoria de imprensa de Sebastião Viana informou que ele estará presente em parte destas agendas, pois o governador já esteve na semana passada na capital federal em busca de recursos junto aos ministérios.

Entre as verbas conseguidas por ele estão R$ 8 milhões para as obras da enfermaria do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), obra que se arrasta há quase uma década, R$ 1,5 milhão para as obras de verticalização também do Huerb e mais R$ 1,7 milhão o Hospital do Alto Acre.

Essa semana o governador ainda terá agenda em São Paulo, na Faculdade de Medicina do ABC.

Propaganda

Acre

De 5 entrevistados, apenas 2 conhecem as pautas do manifestação

Publicado

em

A maior parte dos apoiadores do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) se concentram na praça do Palácio Rio Branco, na tarde deste domingo, 26, vestidos de verde e amarelo e munidos de cartazes com palavras de ordem a favor das medidas do atual governo.

Entretanto, nem todos os presentes conhecem as pautas que são discutidas e defendidas pelos próprios manifestantes. De cinco pessoas que a reportagem do ac24Horas entrevistou, apenas duas souberam dizer do que se trata o movimento.

Elaine Lima, de 20 anos, não soube dizer quais as principais pautas apoiadas pelos manifestantes. Da mesma forma, Ana Paula Alves, também de 19 anos. Esta disse que foi apenas para verificar pessoalmente o movimento na capital, mas que mesmo assim apoia o ato.

Ricardo Pereira, de 29 anos, trabalha como vendedor e ficou em dúvida sobre as questões debatidas no protesto de apoio ao governo Bolsonaro.

Já Luiz Neto e Maria Helena Teixeira, tinham na ponta da língua todos os assuntos colocados em pauta pelo manifesto que ocorre em todo o país. Ambos destacaram o pacote anticrime, do Ministro Sérgio Moro, reforma da previdência e a votação da medida provisória 870.

Continuar lendo

Acre

Ato pró-Bolsonaro em Cruzeiro contou com menos de 30 pessoas

Publicado

em

Populares do município de Cruzeiro do Sul se reuniram na manhã deste domingo, 26, para manifestar apoio à presidência de Jair Bolsonaro. Lá, cerca de 30 pessoas participaram do ato, que ocorreu na Praça Orleir Cameli, centro da cidade.

A concentração começou por volta das 8 da manhã. O grupo reafirma o apoio às medidas do governo federal com relação à reforma da Previdência e pacote anticrime.

Segurando bandeiras do Brasil e camisetas, e fotografia do presidente, eles também levaram carros que tocavam o Hino Nacional e frases de apoio a Bolsonaro.

Devido a pouca quantidade de pessoas, a Polícia Militar local não presenciou o ato, que aconteceu de maneira pacífica.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.