Conecte-se agora

Polícia prende grupo criminoso suspeito de invadir delegacia e matar detento

Publicado

em

Na manhã desta quinta-feira (08) o Delegado de Polícia Civil, Marcos Cabral, responsável pela comarca de Capixaba apresentou os resultados de uma investigação que resultou na prisão de componentes de uma facção criminosa suspeitos de extorquirem comerciantes naquele município e ainda de participarem da invasão a delegacia e morte de um preso em 27 de setembro deste ano.

A vítima, Elison de Souza Maia, conhecido como testinha, foi preso no mesmo dia em que morreu suspeito de assassinar três pessoas para roubar, entre elas um casal de idosos.

Segundo as investigações, Emerson de Lima Farias, o Apocalipse, era o líder da organização atuante naquela região e teria incentivado os demais, a invadirem a delegacia para praticar o crime.

“Os presos não falaram a motivação só se identificaram como sendo de facção e que eles não aceitavam aquele tipo de coisa. Nós identificamos o ” Apocalipse” como sendo o principal autor, o que de fato matou a vítima e outros três que participaram da invasão e destruição do patrimônio. Outras pessoas ainda deverão ser indiciadas por participação já que foram muitas”, disse o delegado.

Além deles a polícia prendeu também outras cinco pessoas atuantes da mesma facção que trabalhavam para o líder Emerson Farias. O grupo extorquia comerciantes da região cobrando taxas de pagamento para não serem roubados.

“Eles faziam visitas aos comerciantes e pediam o pagamento de uma mensalidade. Em um dos casos eles deram o ultimato ao gerente de um mercado da região dizendo que se não pagassem a mensalidade eles iam praticar lá o crime de roubo. Nós demos a resposta prendendo e apreendendo esse grupo e a população poderá ter um pouco de paz”, finalizou Marcos Cabral.




Propaganda

Cotidiano

Cerca de 10 mil pessoas são esperadas na Parada Gay de Rio Branco, que ocorre hoje

Publicado

em

A 14ª edição da Semana Acreana da Diversidade no Acre encerra neste domingo, 14, com a tradicional Parada do Orgulho LGBT, a ‘parada Gay’, nas ruas de Rio Branco. A organização espera um público de cerca de 10 mil pessoas. A concentração do evento começa às 15 horas, em frente ao Colégio de Aplicação, centro da capital. O término está previsto para as 21 horas, com shows de bandas e artistas locais, no Novo Mercado Velho.

Desde a última terça-feira, 11, são realizados encontros, palestras e oficinas voltadas ao combate à discriminação contra LGBT. Este ano, o evento é realizado de maneira colaborativa, com a proposta de arrecadação de R$ 1 e de um quilo de alimentos não perecível.

Os alimentos serão doados para instituições carentes da cidade e o dinheiro será usado para suprir os gastos com a Parada do Orgulho LGBT e da Semana da Diversidade.




Continuar lendo

Cotidiano

Sem patrocínio, campeãs de Taekwondo pedem ajuda para disputar torneio no ES

Publicado

em

Vida de atleta não é fácil! Liriel Dara e Luciana Silva, 17 anos e 26 anos, naturais de Rio Branco, que as diga. Elas usaram as redes sociais para pedir ajuda para disputar o Grand Slam de Taekwondo. O evento será realizado entre os dias 7 a 9 de fevereiro de 2020, no Espírito Santo.

Em entrevista ao ac24horas, Dara disse que a maior dificuldade para competir são os custos para sair do Acre. Mesmo sem patrocínio, elas conquistaram a classificação, no Open Norte, em Porto Velho.

Dara ficou em 1º lugar na Categoria Juvenil e a Luciana na Categoria adulto na categoria Kumite. As atletas lamentaram a falta de interesse dos empresários e instituições em incentivar o esporte e os talentos locais.

Elas pedem que àqueles que queiram ajudá-las a representar o Acre na disputa, entrem em contato pelo número (68) 99903-1257.




Continuar lendo
Propaganda
Propaganda

Mais lidas