Conecte-se agora

Jair Bolsonaro diz que vai abrir “caixa-preta” do BNDES

Publicado

em

O presidente eleito Jair Bolsonaro reiterou hoje (8) a determinação de abrir os sigilos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tão logo assuma o governo em janeiro. Nas redes sociais, ele usou a expressão “abrir a caixa-preta”, que, segundo o presidente eleito, é um “anseio” dos brasileiros.

“Firmo o compromisso de iniciar o meu mandato determinado a abrir a caixa-preta do BNDES e revelar ao povo brasileiro o que foi feito com seu dinheiro nos últimos anos. Acredito que esse é um anseio de todos”, escreveu Bolsonaro, no Twitter.

Ontem (7), o presidente eleito afirmou que essa é uma prioridade para ele. “Vamos abrir todos os sigilos do BNDES, sem exceção. É o dinheiro do povo e nós temos que saber onde está sendo usado.”

O BNDES foi alvo de investigações da Polícia Federal, que indiciou os ex-ministros Guido Mantega e Antônio Palocci, o ex-presidente da instituição Luciano Coutinho, além do empresário Joesley Batista, da JBS, por suspeitas de operações ilícitas.

Propaganda

Acre

Governo renova convênio com Hospital Santa Juliana por 12 meses

Publicado

em

O convênio existente entre o Governo do Estado do Acre por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesacre) e a Diocese de Rio Branco com o Hospital Santa Juliana, foi reajustado os últimos detalhes na última quarta-feira (17).

“Estamos muito satisfeitos pois, ambas as partes entraram em acordo e hoje fechamos o ciclo de reuniões e ajustes do plano operativo e jurídico do termo de convênio com o Hospital Santa Juliana. A previsão é que na próxima semana seja realizada a assinatura do convênio”, explicou o Secretário de Saúde em exercício, Erisson Calixto.

O contrato que terá validade de 12 meses, contempla todos os serviços que o hospital oferece, nas áreas de cardiologia, ginecologia obstetrícia e clínica, com atendimentos de baixa, média e alta complexidade.

Com informações Agência de Notícias do Acre.

Continuar lendo

Acre

Polícia Federal prende homem com quase 900 medicamentos abortivos

Publicado

em

A Polícia Federal do Acre prende durante a Operação Semana Santa, na noite dessa sexta-feira, 19, um homem portando 896 pílulas do medicamento abortivo Cytotec. Ele trafegava em um veículo na BR – 317, estrada de Xapuri, quando foi abordado pelos policiais.

Durante a abordagem, os agentes encontraram os medicamentos escondidos no interior do carro em que o suspeito conduzia. Questionado sobre a procedência dos remédios altamente perigosos, o suspeito revelou à polícia que havia comprado na Bolívia.

Ele ainda informou que gastou cerca de R$ 17 mil e chegaria a lucra até R$ 116 mil com a venda clandestina no Acre. A venda do Cytotec é proibida no Brasil. No mercado ilegal, cada pílula pode custar R$ 150, na Bolívia.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.