Conecte-se agora

Sebastião Viana rescinde contrato de R$ 30 mil de aluguel da casa de Chico Mendes

Publicado

em

O governo do Acre publicou no Diário Oficial na manhã desta terça-feira (6) a rescisão do contrato de locação da casa de Chico Mendes, no município de Xapuri, que seria no valor de R$ 30 mil por mês.

Segundo a publicação, a locação incluía todo o acervo histórico, localizado na Rua Batista de Moraes, nº 455, Xapuri/Acre, com área total de 228,48m2 e área construída de 61,48m², tombado pelo IPHAN e pelo Estado do Acre.

A locação seria para a proteção e conservação do imóvel, valorização e resgate do Patrimônio Histórico e Cultural do Estado do Acre e funcionamento como Centro de Memória Cultural. A manutenção era por conta do governo.

Anúncios

Acre 01

MPAC denunciou quase 2 mil membros de facções criminosas em cerca de dois anos

Publicado

em

Através do Grupo de Apoio Especial no Combate ao Crime Organizado GAECO, o Ministério Público do Acre estima que já levou à responsabilização mais de 1,7 mil pessoas identificadas como integrantes de facções criminosas no estado do Acre, entre 2018 e 2020. Na última ação, o MPAC participou nos dias 18 e 19 de novembro, de audiência de instrução na qual pediu a condenação de 45 réus presos na “Operação Calebe”, pelo crime de participação na organização criminosa “Bonde dos 13 (B13)”, a maioria no município de Feijó.

O promotor de Justiça Ildon Maximiniano, representante o MPAC na audiência, pediu a condenação de todos os réus ouvidos. A Operação Calebe foi deflagrada em Julho de 2020, por meio da Delegacia de Polícia Civil de Feijó, trabalho coordenado pelo delegado Valdinei Soares da Costa.

“Na audiência, ficou comprovada a atuação dos réus na Organização Criminosa Bonde dos Treze, No momento resta, ainda, a alegação de dois advogados de defesa, para, então, aguardarmos a sentença do juiz”, explicou o promotor de Justiça Ildon Maximiniano.

Continuar lendo

Acre 01

Promotora abre inquérito civil contra Unimed após suspensão de atendimentos sem urgência

Publicado

em

A promotoria de justiça em defesa do consumidor, chefiada pela promotora Alessandra Garcia Marques, abriu nesta segunda-feira, 23, um Inquérito Civil contra a Unimed Rio Branco, após a decisão de suspender todos os procedimentos eletivos, ou seja, aqueles não considerados de urgência e emergência.

Na quarta-feira, 18, a Unimed afirmou que o motivo se dava devido ao cenário da rede hospitalar assistencial que encontra a indisponibilidade de leitos, especialmente para as internações dos beneficiários infectados pela Covid-19.

Em outro trecho, a Unimed alegou que a decisão tinha por objetivo “proteger os beneficiários de risco de contágio da doença dentro da Unidade”.

A promotora pontuou que é incumbência da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), dentre outras, exercer o controle e a avaliação dos aspectos concernentes à garantia de acesso, manutenção e qualidade dos serviços prestados, direta ou indiretamente, pelas operadoras de planos privados de assistência à saúde.

Por fim, a promotora solicitou explicações acerca do fato por parte da UNIMED, e acionou a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para que tome conhecimento dos fatos e adote as providências cabíveis.

Continuar lendo

Acre 01

O dilema do PT

Publicado

em

O PT, que mandou e desmandou no Acre por cerca de 20 anos, aparentemente vive um verdadeiro dilema. Principalmente os remanescentes que são ideológicos até a medula: Votar no adversário tradicional da Florestania, Tião Bocalom, ou na prefeita Socorro Neri, parceira política da eleição de 2016 e 2018, mas que largou os companheiros a própria sorte?

Pouco importa para onde vão os votos do PT. A eleição está praticamente definida e o desempenho do partido nas urnas no 1º turno foi pífio na capital. A soma dos fatores não altera o produto.

Particularmente acredito que a maioria dos petistas anula o voto, vota em branco ou se abstém. Porém, alguns estão com gosto de sangue na boca e querem cravar no “Boca” por pura vingança. Também por via das dúvidas: Vai que a Socorro Neri ganha, sabe-se lá, coisas sobrenaturais acontecem.

Quando o PT diz que os filiados votarão de acordo com suas convicções é só discurso. Segundo as “convicções”, que fundamentam o PT, nenhum dos dois merece os votos. Nem Bocalom, muito menos Socorro Neri.

Para completar, com a onda do antipetismo quebrando na praia o dilema do PT não é escolher entre Bocalom e Socorro Neri. O buraco é mais embaixo. A questão é que o presidente do partido, Cesário Braga, não quer contar, passa por 2022. Por enquanto, ele vai comendo sardinha e arrotando caviar com a eleição dos quatro prefeitos petistas. Três do Alto Acre e um do Juruá. (Até rimou).

Continuar lendo

Acre 01

Minoru, Duarte e Jamyl se juntam a campanha de Bocalom no Centro de Rio Branco

Publicado

em

Foto: Reprodução/Contilnet 

Os candidatos à prefeitura de Rio Branco derrotados no primeiro turnos das eleições municipais deste ano já se juntaram à campanha do candidato Tão Bocalom (PP), que irá disputar a prefeitura da capital acreana no segundo turno com a adversária Socorro Neri (PSB).

Minoru Kinpara (PSDB), Roberto Duarte (MDB) e Jamyl Asfury (PSC) participaram na manhã desta quarta-feira, 18, da primeira agenda de campanha da equipe de Bocalom no centro de Rio Branco.

Os opositores no primeiro turno declararam apoio a Bocalom na próxima etapa que irá decidir o prefeito eleito da capital acreana. Jarbas Soster, do Avante, e Daniel Zen, do PT, não declararam apoio nem a Bocalom, nem a Socorro para o próximo turno.

Demais apoiadores dos candidatos também participaram do bandeiraço ocorrido nas proximidades do Terminal Urbano.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas