Conecte-se agora

Secretário de Sebastião Viana é levado a sede da Polícia Federal; 8 são presos durante operação

Publicado

em

A Polícia Federal no Acre deflagrou nesta sexta-feira, dia 19, a Operação Democracia, com a finalidade de combater a prática de crimes eleitorais de compra de votos, transporte irregular de eleitores, uso ilegal de instalações públicas para fins eleitorais, peculato e associação criminosa.

Estão sendo cumpridos 8 mandados de prisão, 22 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de condução coercitiva de testemunhas, expedidos pela Justiça Eleitoral do Acre. Até o momento a PF não divulgou o nome das pessoas presas, mas o que se sabe é que o diretor-presidente do Iteracre, NIl Figueiredo, candidato a deputado estadual pelo PT derrotado nas eleições, foi levado a Sede da Polícia Federal para prestar esclarecimentos. 

As investigações tiveram início a partir da constatação de um esquema de desvio de recursos públicos que ocorria dentro do ITERACRE, o órgão estadual responsável pela política fundiária no Acre.

Esse esquema funcionava com a intenção de obter apoio eleitoral para a campanha do diretor-presidente do ITERACRE e envolvia o pagamento de diárias a servidores para custeio de viagens que não eram realizadas.

Foi constatado também que, durante o atual período eleitoral, diversas instalações públicas, inclusive uma escola, e vários veículos oficiais do ITERACRE foram utilizados para beneficiar a campanha eleitoral do responsável pelo Instituto, que foi candidato a deputado estadual.

A Polícia Federal conseguiu identificar que o grupo criminoso ligado a esse candidato era formado majoritariamente por servidores públicos e ocupantes de cargos em comissão do ITERACRE, e que cometeu diversos outros crimes eleitorais, organizando-se e transportando eleitores, desviando combustível do órgão para benefício eleitoral e oferecendo vantagens indevidas em troca de votos nas eleições do último dia 7 de outubro.

Estão sendo cumpridos 8 mandados de prisão, 22 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de condução coercitiva de testemunhas, expedidos pela Justiça Eleitoral do Acre. Até o momento a PF não divulgou o nome das pessoas presas.

Propaganda

Destaque 2

Videomaker do ac24horas dorme no presídio e mostra o encontro com Deus de 240 faccionados

Publicado

em

O vídeomaker do ac24horas, Kennedy Santos, acompanhou o primeiro Encontro com Deus realizado dentro de uma penitenciária do Acre.

Durantes três dias, 8, 9 e 10 de janeiro, O Pavilhão L da Penitenciária Francisco de Oliveira Conde foi o local onde cerca de 240 presos, entre eles assassinos, traficantes e assaltantes manifestaram o desejo de trilhar uma vida longe do crime por meio da conversão religiosa.

A preparação para o encontro teve orientação para que os presos não fizessem nenhum uso de entorpecente antes do cultos e também o compromisso de que não haveria qualquer tipo de ameaça aos religiosos ou qualquer retaliação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Assim que os pastores foram chegando no presídio, antes mesmo do início da programação, eram chamados pelos presos para gravar vídeos. Esse tipo de manifestação é a única maneira de abandonar as facções e receber o perdão dos líderes das organizações criminosas. Ao todo, nos três dias de encontro, 240 homens de todos os pavilhões foram desligados de facções.

Os cultos foram realizados pela manhã, tarde e noite no pátio, mesmo espaço onde todos dias eles tomam o banho de sol por horas.

A estrutura de som, iluminação e uma tenda foram montados sob acompanhamento da Polícia Penal.

O momento mais emocionante foi o anúncio surpresa da visita de familiares. Algumas famílias estavam afastadas há mais de 10 anos

Assista.

video

Continuar lendo

Acre

Angelim sinaliza que está aberto a conversar sobre candidatura

Publicado

em

O ex-prefeito de Rio Branco e ex-deputado federal, Raimundo Angelim (PT), divulgou em grupos internos do Partido dos Trabalhadores na tarde desta sexta-feira, 17, um posicionamento que acende uma luz vermelha no acirramento público entre o seu partido e o PSB da prefeita Socorro Neri, após ela confirmar rompimento com os vermelhos e afirmar que o ex-senador Jorge Viana estaria usando os vereadores da base para a enquadrarem, na intenção de que ela abrisse mão de disputar a reeleição de 2020.

Em seu comunicado, Angelim afirmou “que cada ser humano precisa de momentos de reflexão, de ouvir o silêncio, de fortalecer vínculos e de repensar a vida”, dando a entender que estava em momento sabático, afastado das atividades partidárias após não conseguir se reeleger ao cargo de deputado federal em 2018.

“Decidi me dar o direito de exercitar, por algum tempo essa prática, o que não significa abandonar as causas sociais e coletivas pelo bem da vida. Amigos tem cobrado uma posição minha sobre o uso de meu nome nas próximas eleições para a prefeitura de Rio Branco. A verdade: nunca declarei ou prometi a ninguém e a nenhum partido que seria candidato a prefeito em 2020, como também não recebi convites”, frisa.

Em relação a que setores da imprensa teria divulgado que Angelim estaria próximo do Senador Sérgio Petecão (PSD), que busca uma candidato de renome para a disputa das eleições, o petista desmentiu esses informes, enfatizando que “não houve conversas e nem está marcada a segunda conversa com ninguém sobre esse assunto”.

Ao final, Angelim destacou que jamais evitará debater uma possível candidatura ou conversa política. “Não me furto, nem me furtarei, em fazer boas conversas, mas não posso validar o que não aconteceu”, ressaltou o ex-prefeito, dando a entender que jamais teve conversas com outros partidos, mas que também não descarta conversar.

Nos bastidores, a informação que circula é que a manifestação de Angelim tem as digitais do ex-senador Jorge Viana e seria uma espécie de sinal informando que caso o PSB não ceda, a possibilidade de lançamento de candidatura pode ser concretizada. O ac24horas apurou que desde o ano passado Viana tem sido um incentivador para que Angelim disputasse as eleições, ao lado de Socorro Neri ou mesmo contra, principalmente após a divulgação de pesquisas de intenção de voto que colocam o petista na frente da atual prefeita.

O ac24horas tentou falar com Jorge para comentar as declarações de Neri, mas o petista desconversou tentando evitar colocar mais lenha na fogueira , afirmando apenas: “Só quero ajudar! Vou seguir assim”, pontuou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Mais lidas