Conecte-se agora

Gladson terá apoio de cinco deputados federais e três senadores

Publicado

em

Dos oito deputados federais eleitos cinco são de partidos da oposição. São eles: Flaviano Melo (MDB), Alan Rick (DEM), Vanda Milani (Solidariedade), Mara Rocha (PSDB) e Jéssica Sales (MDB). Os outros três foram eleitos pela Frente Popular: Perpétua Almeida (PC do B), Jesus Sérgio (PDT) e Pastor Manuel Marcos (PRB).

Como na Assembleia Legislativa, onde conta a maioria, Gladson não terá problemas com a bancada federal do Acre em Brasília. O governador eleito, além do quinteto de deputados federais, terá o apoio integral dos três senadores da República pelo Estado do Acre. Márcio Bittar (MDB), Sérgio Petecão (PSD) e Mailza Gomes, do Progressistas, suplente e colega de partido do governador eleito, são aliados de primeira hora do progressista.

Entre os três deputados federais da FPA, Cameli deve ter uma oposição mais ferrenha de Perpétua, com quem nunca teve boa relação política. Há quatro anos, Gladson virou senador da República ao derrotar a comunista em uma eleição marcada por ataques.

O Pastor Manuel Marcos, embora integrante de um partido que sustenta o atual governo, tem uma postura conciliadora, o que não é garantia de apoio ao governador eleito.

Jesus Sérgio, do PDT, já deu sinais de que não é tão submisso assim ao projeto da Frente Popular. Nem o deputado e nem o partido que ele integra, que é presidido pelo deputado estadual eleito José Luiz Tchê.

Em tempos de crise financeira nos Estados, uma bancada federal tem enorme importância para os governos estaduais por causa da destinação de emendas parlamentares para áreas essenciais como saúde, educação, segurança e infraestrutura.

A depender do presidente eleito, Cameli terá ainda mais possibilidades de portas abertas em Brasília. O progressista e toda a bancada federal oposicionista devem apoiar Jair Bolsonaro (PSL) na corrida presidencial do segundo turno contra o petista Fernando Haddad.

Propaganda

Acre

Câmara de vereadores homenageia advogado Erick Venancio

Publicado

em

Em Sessão Solene realizada na manhã desta terça-feira, a Câmara Municipal de Rio Branco homenageou o advogado e conselheiro federal da OAB Erick Venâncio, com a entrega de moção de congratulação em atenção ao Dia do Advogado, comemorado no último dia 11 de agosto.

A proposta foi de iniciativa do vereador e também advogado Roberto Duarte, mas aprovada pela unanimidade dos vereadores.

Em seu requerimento Roberto Duarte destacou a trajetória do homenageado, que tem 39 anos, é rio-branquense, bacharel em Direito, formado pela Faculdade de Direito de Marília, advogado, pós-graduado em Direito dos Serviços Sociais Autônomos pelo IDP e em Direito Público pelo ICAT/AEUDF, ambos em Brasília – DF, atualmente cursando Mestrado em Direito e Ciência Jurídica na Universidade Clássica de Lisboa. Foi conselheiro seccional, presidente de comissões e secretário-geral da OAB/AC, além de vogal da Junta Comercial do Estado do Acre, na vaga destinada à OAB/AC. Conselheiro Federal da OAB por dois mandatos, onde foi membro de todas as Câmaras e do Órgão Especial, secretário da Comissão Nacional de Legislação – CNL, presidente da Comissão Nacional do Advogado em Início de Carreira – CNAIC e representante institucional do Conselho Federal da OAB perante o Conselho Nacional do Ministério Público – CNMP, onde hoje é conselheiro na vaga destinada à OAB e ouvidor Nacional do Ministério Público. Foi membro de diversas bancas de concursos públicos na área jurídica.

Usaram também da palavra para congratular o homenageado os vereadores Emerson Jarude, que é advogado, N. Lima e Eduardo Farias.

Em seu discurso, Erick destacou que recebia a homenagem não em seu nome “mas como um reconhecimento de que os advogados, eu e todos aqueles que exercem essa profissão com dedicação, ética, respeito ao próximo e profissionalismo, são fundamentais ao Estado de Direito, e que, sem eles, a democracia se apequena e o estado de direito se esvai.”.

Afirmou também que “É inaceitável que os poderes públicos não assimilem que a advocacia não espera deles qualquer privilégio para si, mas sim que sejam franqueados à ela instrumentos que possibilitem a defesa do indivíduo em contraponto à força do estado.”.

Por fim elogiou o parlamento mirim que aprovou lei, já sancionada pela prefeita Socorro Neri, que caracteriza como ilícito funcional, em âmbito municipal, a violação às prerrogativas profissionais da advocacia.

Continuar lendo

Acre

TRE-AC já prepara urnas eletrônicas para o 2º Turno no Acre

Publicado

em

O Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) já está preparando as urnas eletrônicas que serão utilizadas no próximo dia 28 de outubro, durante o 2º Turno das eleições presidenciais. Uma cerimônia foi realizada nesta segunda-feira, dia 15, para simbolicamente, iniciar o processo de geração das mídias.

O procedimento consiste em copiar os dados de candidatos para as mídias que serão inseridas nas urnas eletrônicas de cada seção eleitoral. O Acre possui 1.924 seções, sendo que 789 estão em Rio Branco.

“Como a eleição para o cargo de governador foi decidida no primeiro turno, no Acre haverá votação apenas para o cargo de presidente no próximo dia 28, o que provavelmente será mais tranquilo, com filas fluindo de forma mais rápida ”, destacou a presidente do TRE-AC, desembargadora Regina Ferrari.

A cerimônia de geração de mídias é pública e contou com a presença da presidente do Tribunal, dos juízes eleitorais das 1ª e 9ª Zonas, Anastácio Menezes e Rogéria Epaminondas, respectivamente, de profissionais da imprensa e servidores da Justiça Eleitoral.

Segundo a secretária de Tecnologia da Informação, Rosana Magalhães, todos os procedimentos adotados para a realização do primeiro turno das eleições serão repetidos para o segundo. Após a cerimônia de geração de mídias, que está prevista para durar quatro dias, o TRE fará a preparação e lacre das urnas eletrônicas das 9 zonas eleitorais do Estado.

A presidente do TRE fez a seguinte orientação aos eleitores: “pedimos aos eleitores que votem calmamente e aguardem a urna carregar os dados do seu candidato para em seguida apertar a tecla confirma, assim não há risco de a foto do candidato não ser visualizada”.

Continuar lendo

Acre

Sebastião continua caça às bruxas e exonera mais 10 em dois dias

Publicado

em

O “projeto” de caça às bruxas no governo do Acre continua. Nesta segunda e terça-feira, o Diário Oficial do Estado traz 10 exonerações de cargos diversos das secretarias de Segurança, Pequenos Negócios e do Hospital João Câncio, de Sena Madureira. Vale lembrar que três dos exonerados ocuparam temporariamente durante o período eleitoral cargos nas diretorias do Deracre, Iteracre e Instituto Socioeducativo e foram remanejados para outras funções.

A curiosidade é que algumas das publicações não traz o termo “a pedido” comumente usado para informar que a exoneração ocorreu por solicitação da pessoa.

Semana passada, o governo exonerou 13 pessoas que ocupavam cargos em comissão nas Secretarias de Educação, Polícia Civil , Pequenos Negócios, Articulação Institucional, Desenvolvimento Social e Mulheres; Fundação Hospital do Acre e Comissão de Licitação.

Um dia após a eleição, quando perguntado se faria caça às bruxas por causa da derrota do PT e deu seu candidato a governador, Marcus Viana, Sebastião Viana disse que não tomaria tal atitude, porém na prática não é o que vem ocorrendo. “Da minha parte eu nunca fiz caça às bruxas. Eu acho que isso daí é um caminho de quem está querendo a Santa Inquisição. Da minha parte eu estou de paz e harmonia e grato à população do Acre que votou pela democracia e decidiu”, afirmara o governador.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.