Conecte-se agora

Caminhada da União com Ney, Marcus, Doutora Juliana e Manuel Marcos no São Francisco

Publicado

em

A uma semana do dia da votação, cerca de quatro mil pessoas saíram às ruas da regional do São Francisco neste domingo à tarde na 6ª e última Caminhada da União promovida por militantes, líderes comunitários e religiosos apoiadores da deputada estadual Doutora Juliana, candidata à reeleição, e Pastor Manuel Marcos, candidato a deputado federal, ambos do PRB. O ato contou ainda com as participações dos candidatos do PT ao governo do Acre, Marcus Viana, e ao Senado, Ney Amorim.

A militância caminhou pelas ruas dos bairros Eldorado, Vitória e São Francisco com bandeiras nas mãos e agitada pelos jingles de campanha dos candidatos.

“A caminhada reflete exatamente a nossa forma de trabalhar, que é junto das pessoas. Toda nossa gratidão aos milhares de amigos que abrilhantaram nossa festa. Iniciamos a última semana da campanha ainda mais motivados”, disse a deputada estadual Doutora Juliana, agradecida e feliz da vida pelo sucesso do evento.

Manuel Marcos também agradeceu seus apoiadores pelo esforço e empenho.


“O propósito foi alcançado, a nossa união. No domingo que vem ainda temos a 7ª caminhada da união rumo às urnas para a vitória. As pessoas estão aqui num do domingo de sol quente à tarde porque acreditam em nosso projeto”, afirmou.

O petista Marcus Viana diz que está empolgado na última semana de campanha. Ele ainda deve cumprir agendas no interior e participar de eventos em Rio Branco.

“Estamos numa animação total com um grande volume de campanha em todos os municípios. Vamos seguir a nossa campanha em ritmo total. Vamos percorrer vários municípios e ainda nesta semana participar de atos aqui em Rio Branco, participar do debate na terça-feira e aguardar a decisão do povo. Eu tô pronto pra trabalhar.”

A Caminhada da União reuniu milhares de pessoas em diferentes bairros da capital: Santa Inês, Tancredo Neves, Esperança, Baixada da Sobral e São Francisco.

(Fotos: Luiz Moura)

Propaganda

Acre 01

Gladson Cameli dá “puxão de orelha” no secretário de Planejamento, Raphael Bastos

Publicado

em

IMAGEM DA INTERNET

Como antecipou o ac24horas nesta segunda-feira, dia 18, o governador Gladson Cameli voltou ao Acre decidido a colocar “ordem na casa” e “tomar as rédeas” do Palácio Rio Branco. E decidiu começar isso com uma reforma administrativa, se for preciso.

Após exonerar o porta-voz, Gladson mira secretários e presidentes de pastas que não estão gerando resultados positivos para o governo. Cameli acredita que com quase 100 dias de gestão já era para algumas das pastas apresentarem dados otimistas, mas tem visto um cenário diferente.

Na segunda-feira, dia 18, o governador recebeu, pela noite, na Casa Civil, o secretário de Planejamento, Raphael Bastos. O gestor foi o primeiro a receber um “puxão de orelha” pelo baixo desempenho que tem apresentado à frente da secretaria. Bastos tem projetos e recurso importantes ao Acre para tocar, mas parece estar bloqueado.

O deputado federal Alan Rick, padrinho político de Raphael, também participou da reunião. Gladson teria dito que precisa “da ajuda do deputado e dos secretários para que o governo dê certo”, garante uma fonte do ac24horas. Já o governador fez o assunto por menos e destacou: “foi uma reunião para destravar algumas coisas”, pontuou.

Gladson deve chamar outros secretários “em baixa” para uma conversa de pé da orelha na Casa Civil. O governador teme cair no descrédito devido à falta de atitude dos gestores. Está decidido a cumprir com a frase que sempre falou por aí: “a caneta que nomeia, é a mesma que exonera”.

Continuar lendo

Acre 01

Por meio de vídeo, internauta denuncia falta de atendimento médico no Pronto Socorro

Publicado

em

As péssimas condições da saúde pública do Acre ficam evidentes quando se assiste o vídeo abaixo, com imagens do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), na noite desta segunda-feira, 18.

No vídeo é mostrado o local que deveria ser utilizado apenas como um corredor, porém, por falta de vagas, virou enfermaria improvisada.

No áudio da gravação enviada à redação do ac24horas, o cidadão afirma que a falta de um médico comprometeu ainda mais o atendimento, que normalmente já é deficitário.

Nossa reportagem tentou falar, sem sucesso, com a direção do Huerb.

O cenário de caos no maior Hospital de Urgência e Emergência do Acre, evidencia que a atual gestão ainda não conseguiu mudar a dura e triste realidade das unidades de saúde acreana.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.