Conecte-se agora

Turma do #SemRegras fala do “Lago do Amor” e também do perfis que estão bombando na rede

Publicado

em

Propaganda

Cotidiano

Polícias do Acre e da Bolívia desarticulam uma das quadrilhas que mais atuava em roubo de veículos

Publicado

em

A Polícia Militar do Acre por meio dos Policiais do 5° BPM Brasiléia, do Núcleo de Inteligência da Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), em conjunto com o núcleo de inteligência da Policia Nacional Boliviana; desencadeou uma operação com o intuito de desarticular uma quadrilha de roubo de veículos que atuava tanto na fronteira quanto na acpital acreana.

Durante a operação seis criminosos foram presos em território Boliviano e dois veículos brasileiros recuperados na cidade de Cobija na Bolívia, país vizinho que faz fronteira com com o Acre. Uma moto Bros roubada em Epitaciolândia na noite deste sábado, 14 e um veículo HB20 oriundo de golpe FINAM, que já estava sendo negociado com receptadores no país vizinho, foram recuperados.

Juntamente com os presos foram encontrados entorpecentes e as armas de fogo que eram usadas na prática dos roubos em território brasileiro. A quadrilha também era especializada na falsificação de documentos, especialmente carteiras de habilitação bolivianas para condutores brasileiros que não possuíam a CNH do Brasil, além disso com os criminosos foram encontradas várias cédulas já confeccionadas prontas para entrega, que variavam desde documento estudantil de faculdades bolivianas a licenças para condução de veículos auto motores.

De acordo com o secretário de Justiça e Segurança Pública do Acre, coronel Paulo Cézar dos Santos, essa ação integrada entre as polícias do Acre e da Bolívia se deve ao Termo de Cooperação firmada entre a segurança dos dois países vizinhos, com participação da Secretaria de Operações Integradas (SEOPI) do Ministério da Justiça.

“O Comando do 5°BPM tem se empenhado diuturnamente no combate a esse tipo de crime na região da fronteira, tanto viabilizando a logística necessária para a atuação dos policiais, bem como fomentando a integração entre as forças policiais brasileiras com as entidades de segurança do país vizinho – Bolívia, para que juntos possamos combater e enfraquecer as organizações criminosas que tentam se fortalecer na região” destacou o secretário.

Continuar lendo

Na rede

Corpo encontrado no Rio Juruá é de comerciante desaparecido

Publicado

em

A angustia da família do comerciante Raimundo Cabral Alves, de 60 anos, que desapareceu no final de novembro e que teve o corpo encontrado no Rio Juruá na última sexta-feira,13, e já reconhecido, ainda não acabou.

A família terá que esperar de 45 e 60 dias pelo resultado do exame de DNA, feito pelo Instituto Médico legal, para que o corpo seja liberado para o sepultamento.

A sobrinha do comerciante, Artemísia Cabral, conta que o pai dela, reconheceu oficialmente o corpo encontrado às margens do Rio Juruá.

” A ossada foi reconhecida pelo meu pai pelas roupas e arcada dentária, mas o médico não quis liberar por que tinha que fazer o DNA, mas a gente só pede agilidade porque o natal e ano Novo vão ser muito triste” , disse a sobrinha Artemiza.

Ele havia desaparecido no dia 28 de novembro depois de fazer um negócio de R$ 4 mil fruto do ramo mercadorias que vendia como ambulante.

Quando o cadáver foi encontrado, houve suspeitas de que se tratava do professor da UFAC, Gleisson Oliveira, desaparecido no Rio Juruá no domingo passado.

Continuar lendo
Propaganda
Propaganda

Mais lidas