Conecte-se agora

Desorganizada, oposição “esvazia” agenda de Alckmin no Acre

Publicado

em

O evento de campanha do presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) durante a manhã deste sábado, 15, em Rio Branco mostrou que a oposição não perdeu uma de suas principais características: a completa desorganização.

Apesar de o Acre replicar em grande parte a aliança do chamado centrão em torno de Alckmin, os partidos reunidos na chapa do governadorável Gladson Cameli (Progressistas) deixaram de comparecer ao ato e, assim, perderam a oportunidade de mostrar algum grau de força no atual momento da disputa eleitoral.

O próprio candidato ao Palácio Rio Branco não acompanhou Alckmin no centro da capital, deixando o papel de anfitrião para seu vice, o deputado federal Major Rocha (PSDB). Gladson Cameli alegou agenda no interior que o impediu de estar mais cedo em Rio Branco, estando ao lado do presidenciável apenas na coletiva de imprensa.

O ato do presidenciável no calçadão do Terminal Urbano mais parecia uma agenda isolada do PSDB. Não foi possível identificar, com bandeiras e jingles, os cabos eleitorais de partidos como o Progressista ou o PSD do senador Sérgio Petecão, ou o DEM do deputado federal Alan Rick.

Por sinal, no plano nacional, o Progressistas está como vice de Geraldo Alckmin com a senadora gaúcha Ana Amélia.  O esvaziamento da agenda de Alckmin é reflexo da pulverização do apoio às candidaturas ao Palácio do Planalto que caracteriza a coligação de Gladson Cameli e seus 11 partidos.

Apesar de Geraldo Alckmin ser o presidenciável oficial da chapa, muitos proporcionais fazem campanha explícita para Jair Bolsonaro (PSL), concorrente atacado com frequência no programa eleitoral do ex-governador paulista.

Propaganda

Acre

Minoru Kinpara apresenta propostas na comunidade São Paulino

Publicado

em

O candidato ao Senado (Rede), Minoru Kinpara, visitou no domingo, 23, as comunidades São Paulino, o ramal do Barata e a Gleba São Jorge, localizada no ramal do vinte, quilômetro 7, sentido Sena Madureira/Manoel Urbano. No encontro, Kinpara conversou com pequenos produtores rurais e povos indígenas da região. O candidato ao Senado ratificou a necessidade de investimentos para a comunidade, como a melhoria da infraestrutura de escoamento da produção, com redução dos custos e aumento da renda dos produtores rurais.

Segundo dados do Censo Agropecuário, a agricultura familiar corresponde a 70% dos alimentos consumidos no Brasil e constitui a base econômica de 90% dos municípios brasileiros com até 20 mil habitantes, respondendo por 35% Produto Interno Bruto (PIB).

“Sem investimento em infraestrutura, abertura de ramais, é impossível gerar renda e fortalecer a cadeia produtiva. Compreendo a importância dos pequenos produtores rurais para o fortalecimento da economia”, ressaltou Kinpara na Gleba São Jorge.

Para Kinpara é necessário um olhar atento às políticas públicas voltadas à agricultura familiar, porque o segmento produz 87% da mandioca, 70% do feijão, 46% do milho, 38% do café, 34% do arroz e 21% do trigo do Brasil. Na pecuária, é responsável por 60% da produção de leite, além de 59% do rebanho suíno, 50% das aves e 30% dos bovinos do país.

Continuar lendo

Acre

Candidatos ao governo cumprem agenda no interior e na Capital

Publicado

em

A candidata Janaína Furtado (Rede) cumpre agenda nesta segunda-feira, dia 24, pelas comunidades localizadas na BR-364. Durante o dia, a política vai visitar as comunidades do Acurauá, Gregório e Liberdade. À noite, ela mantém agenda em Cruzeiro do Sul, com os apoiadores de campanha.

Já o candidato David Hall (Avante) vai fazer panfletagem no Centro de Rio Branco, a partir das 9 horas. Pela tarde, a partir das 15 horas, o candidato a governador do Acre repetem o ato político. No período noturno, Hall não terá agenda pública de campanha.

Ulysses Araújo (PSL) fica parte da segunda em Cruzeiro do Sul, onde conversa com a equipe de campanha na região e dá entrevista à TV Juruá. De lá, segue para Tarauacá, onde visita bairros e líderes comunitários aliados da campanha na região. Ulysses retorna a Rio Branco pela noite.

Continuar lendo

Acre

Ulysses critica o descaso do atual governo com os municípios

Publicado

em

O candidato a governador pelo PSL, Coronel Ulysses Araújo, liderou a Carreata Pró-Bolsonaro de Cruzeiro do Sul reunindo milhares de pessoas, no sábado, 22. Ulysses aproveitou domingo para reunir seguidores de Rodrigues Alves e Mâncio Lima.

Durante os eventos, Coronel Ulysses criticou o descaso do atual governador do Estado que abandonou as cidades do interior, deixando de gerar empregos. A falta de trabalho é um dos motivos para a ampliação do poder das facções e do aumento de mortes.

“O governador abandonou o Acre, foi incompetente, não incentivou o setor privado, obrigando os empresários a pagarem uma alta carga tributária, prejudicando a economia local. Essa crise deixou milhares de jovens desempregados, um exército que aos poucos está sendo cooptado pelo crime, matando homens e mulheres”, disse.

Coronel Ulysses ainda apontou que os mesmos “petralhas” vêm tentando estimular a violência, resultando no atentado contra o candidato a presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro.

“Querem calar o povo, querem acabar com nossos sonhos. Esse atentado representou um atentado contra nossa democracia e não podemos deixar que esses petralhas transformem o Brasil em uma Venezuela. Nossa Bandeira nunca será vermelha”, afirmou.

A Carreata Pró-Bolsonaro de Cruzeiro do Sul é a quarta mobilização realizada pelos seguidores de Bolsonaro. No sábado, 29, Rio Branco receberá uma carreata semelhante as realizadas em Sena Madureira, Assis Brasil, Epitaciolândia e Brasileia.

Acidente

Coronel Ulysses lamentou o acidente ocorrido com o candidato a deputado estadual Renê Fontes, neste domingo, na BR-364. A equipe do candidato a governador foi a primeira a chegar no local após o capotamento e a realizar os primeiros socorros.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.