Conecte-se agora

Devido escassez hídrica, bandeira tarifária deve ficar vermelha até o fim do ano, prevê ONS

Publicado

em

O diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Luiz Eduardo Barata, avaliou que a bandeira tarifária poderá continuar vermelha até o final do ano, apesar de reconhecer que a definição não é atribuição do órgão.

Isso deve ocorrer, segundo ele, porque, mesmo com o início do período chuvoso, as térmicas deverão continuar ligadas devido à escassez hídrica. Luiz Eduardo Barata participou do seminário O Futuro do Setor Elétrico Brasileiro: Desafios e Oportunidades, promovido ontem (13), no Rio de Janeiro, pela Associação Brasileira de Companhia de Energia Elétrica (ABCE).

A bandeira tarifária está vermelha desde junho.

De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o sistema de bandeiras foi criado para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica. As cores verde, amarela ou vermelha indicam se a energia custa mais ou menos por causa das condições de geração. A Aneel acredita que, com as bandeiras, a conta de luz ficou mais transparente.

Propaganda

Destaque 3

Inscrições para Cavalgada 2019 podem ser feitas a partir do dia 4 de junho; saiba mais

Publicado

em

A tradicional Cavalgada da Expoacre 2019 já tem data de inscrição. Os cavaleiros e amazonas poderão se inscrever do dia 4 de junho ao dia 26 de julho, e a novidade é que ela pode ser feita, gratuitamente, em qualquer unidade do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf), em Rio Branco e no interior do estado.

“Os criadores devem estar atentos aos exames que serão exigidos. Esta é uma forma de garantir que os animais não causem problemas à saúde dos participantes”, explica Eliane Sinhasique, secretária de Estado de Empreendedorismo e Turismo do Acre.

Os detalhes de um dos eventos principais da maior festa agropecuária da região foram acertados em reunião nesta terça-feira, 23, com Sinhasique, o presidente do Idaf, Rogério Melo, e com o diretor-técnico do Instituto, Jessé Monteiro.

Os exames a que a secretária de Turismo se refere são os de ‘mormo’, doença que tem como característica rinite e grande secreção de muco nos animais, o de anemia infecciosa equina e a vacina de gripe equina. Eles estão previstos em normas federais como garantia da saúde do animal. Durante a inscrição, é emitida também a guia de transporte animal.

Além disso, dois médicos veterinários acompanharão a ala de desfile dos cavalos, que neste ano deverá ficar todos na frente, sem permissão para ficar entre as carretas das comitivas, de forma a evitar acidentes entre pessoas e animais. As medidas foram uma recomendação do Ministério Público do Estado do Acre.

A grande festa do agronegócio começa no dia 27 de julho e se estende ao dia 4 de agosto de 2019, no Parque de Exposições Marechal Castelo Branco.

Continuar lendo

Destaque 3

No Acre, 28 mil contribuintes ainda não acertaram as contas com a Receita Federal

Publicado

em

O prazo para que os contribuintes possam realizar a declaração do Imposto de Renda junto a Receita federal termina no próximo dia 31 de abril, até as 23h59 (horário de Brasília). No Acre, conforme última atualização, cerca de 47 mil pessoas já enviaram a declaração, mas ainda faltam 28 mil contribuintes efetivaram a declaração.

Este ano, são esperadas declarações de 75 mil contribuintes acreanos. Segundo o delegado da Receita Federal no Estado, Jerry Silva, deixar o serviço para a última hora pode ocasionar problemas ao contribuinte. “O contribuinte que não declarar o Imposto de Renda ou entregar fora do prazo terá que pagar uma multa de, pelo menos, R$ 165, 74”.

Obrigatoriedade

Precisa, obrigatoriamente, declarar os trabalhadores que tiveram rendimentos acima de R$ 28,559,70 em 2018, entre outros critérios. Os que fizeram a declaração no início do prazo pode ser beneficiado na hora de receber a restituição, além de ter tempo para corrigir inconsistência e evitar a malha fina.

Novidade

A principal novidade da declaração do Imposto de Renda em 2019 fica por conta da obrigatoriedade do CPF cadastrado para todos os dependentes.

Como declarar

O contribuinte pode fazer a declaração através do site na internet, por meio do aplicativo da própria Receita Federal, no celular, ou ainda no e-CAC (Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte).

A declaração correta evita que o contribuinte caia na malha fiscal, que retém a declaração. Com isso, a receita tem um prazo de até cinco anos para intimar e analisar a declaração da pessoa.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.