Conecte-se agora

Eletrobras Acre dá cinco dias para aprovados em Concurso Público, se apresentarem

Publicado

em

Foi publicado na edição do Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, 13, a convocação de dois concursados aprovados em Concurso Público da extinta Eletroacre, agora Eletrobras-Acre.

Os aprovados tem o prazo de 05 (cinco) dias úteis, contados a partir desta quinta (13) para se apresentarem na sede administrativa da Eletrobras Distribuição Acre, situada na Rua Valério Magalhães, nº 226, bairro Bosque, em Rio Branco/AC.

Eles devem se apresentar no Departamento de Gestão de Pessoas, no horário das 07h30 as 11h30 e das 14h00 as 16h30, de segunda à sexta-feira, para apresentação da documentação e exames admissionais.

Os convocados deverão apresentar-se munidos dos documentos relacionados no item 12.1 do Edital do Concurso Público n.º 001/2014. “Decorrido o prazo acima especificado, o não comparecimento dos candidatos ora convocados caracterizará sua desistência, implicando, de imediato, na extinção de todo e qualquer direito de nomeação”, adverte trecho da publicação.

Dia 30 de agosto, a Eletrobras-Acre foi vendida em leilão por um valor simbólico de R$ 50 mil.

Propaganda

Destaque 2

Decreto de Gladson cede petista Marcus Viana para prestar serviço por dois anos ao TJ

Publicado

em

Foi publicado na edição desta segunda-feira, 18, do Diário Oficial do Estado, o decreto assinado pelo governador Gladson Cameli (Progressistas), cedendo o engenheiro civil Marcus Viana, ex-prefeito de Rio Branco e candidato petista derrotado nas eleições ao governo do Acre em 2018, para prestar serviços no Tribunal de Justiça do Acre pelo período de dois anos, com ônus para o Estado. O documento não revela que função Viana ocupará no judiciário.

Marcus, que é servidor de carreira da Secretaria de Estado de Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano – Seinfra, no início do ano, havia negado essa hipótese de ser cedido para o TJ. Segundo apurou o ac24horas, a idéia é que Marcus evitasse desgaste com atual de gestão do Estado por ter sido candidato o principal opositor de Gladson Cameli no ano passado.

O ex-prefeito de Rio Branco estava de férias desde que foi derrotado nas eleições de 2018 e voltou ao trabalho na Seinfra em janeiro deste ano. Marcus teria articulado sua saída temporária da Secretaria junto ao Desembargador-Presidente do TJ, Francisco Djalma, de quem é amigo próximo.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.