Conecte-se agora

Familiares e magistrados dão o último adeus a Cezarinete

Publicado

em

A magistratura acreana, familiares e amigos prestaram a última homenagem a desembargadora Maria Cezarinete Angelim durante sepultamento realizado no final da tarde desta sexta-feira (24), no Cemitério São João Batista, na capital acreana.

Maria Cezarinete morreu na madrugada desta quinta-feira, 23, aos 63 anos, vítima de parada cardíaca, no Hospital da Beneficência Portuguesa, em São Paulo (SP).

A desembargadora era viúva e deixa três filhos. Seu corpo foi sepultado na Capela da família ao lado dos tios e primas.

A equipe de Choque do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizou uma salva de tiros. A Banda de Músicos da Polícia Militar do Acre também homenagearam a ilustre desembargadora.

Na despedida, os magistrados e os familiares mais próximos ofertaram uma rosa branca junto ao túmulo enquanto eram entoados louvores a Deus.

O governador Sebastião Viana esteve presente no cortejo da Desembargadora.

Propaganda

Destaque 7

Dupla em moto ataca grupo e fere adolescente com um tiro

Publicado

em

Mais uma tentativa de homicídio foi registrada na capital. O adolescente L.S.F de 17 anos, foi ferido com um tiro na perna na noite desta quinta-feira (18) na rua Rio Grande do Sul, no bairro Aeroporto Velho, região da Baixada da Sobral, em Rio Branco .

Segundo informações da polícia, a vítima estava conversando com amigos na rua, quando dois homens não identificados em uma motocicleta se aproximaram e o garupa efetuou cerca de 8 tiros contra eles. Na hora da ação dos criminosos, os amigos correram e o adolescente L.S.F de 17 anos, foi atingido na perna esquerda.

A viatura do Samu encaminhou o menor ao Pronto Socorro de Rio Branco em estado de saúde estável.

A Polícia Militar esteve no local e após colher as características dos criminosos e da moto, fizeram rondas na região, mas os autores do crime não foram encontrados.

O caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Destaque 7

Morre Melk, uma das onças do Parque Chico Mendes, na Capital

Publicado

em

FOTO: SEMEIA

Uma das principais atrações do Parque Chico Mendes são as onças que sempre despertam a atenção dos frequentadores, principalmente das crianças.

Infelizmente, uma das duas onças pintadas que moravam no parque morreu.

O animal, que se chamava Melk, morreu, segundo a direção do local, vítima de problemas de má formação genética no fígado, que foi agravado pelo uso de antibióticos para combater uma bactéria.

Exames detectaram que o fígado de Melk era maior do que o normal e foi desenvolvido do lado errado.

A onça foi doada pelo Ibama, tinha três anos de vida e estava no parque desde abril de 2017.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.