Conecte-se agora

Familiares de adolescentes desaparecidas são presos no Bujari

Publicado

em

Durante diligencias a procura de pistas do paradeiro das adolescentes Amanda Gomes e Isabelle Lima, a polícia conduziu três pessoas, entre elas dois integrantes das famílias das jovens à Delegacia de Flagrantes (Defla), na noite de quarta-feira (08).

O grupo, que estava em cinco pessoas, teria ido ao município do Bujari após obterem informações de que as jovens desaparecidas teriam sido vistas na companhia de um homem e foram em busca de imagens de câmeras de segurança.

Durante a abordagem da polícia ao veículo em frente a uma agência do Banco do Brasil, entre o grupo estavam o pai de Amanda, a tia de Isabelle e mais três pessoas, entre elas, um foragido da justiça e um homem em posse de uma arma de fogo. Dois deles conseguiram fugir. Os nomes dos conduzidos foram preservados pela polícia na intenção de manter a integridade dos familiares já que ainda iriam passar por audiência.

“Nos ainda não sabemos o que iriam fazer, vamos ainda apurar o que buscavam com essa reunião lá no Bujari. É um cenário que tá ganhando um corpo muito maior, são situações que tão ganhando outros ares e estamos tentando descobrir os porquês. Inclusive a senhora que foi conduzida a delegacia esteve com a gente durante todo o dia de ontem aqui, nos acompanhou pessoalmente nas buscas no bairro Taquari e depois nós tivemos a surpresa de vê-la conduzida à Delegacia de Flagrantes, mas vamos deixar claro aqui que essas pessoas não tem ligação com o desaparecimento dessas meninas. Estamos averiguando a motivação para estarem reunidos, acredito que por motivo de vingança, mas vamos apurar”, disse o delegado Rêmulo Diniz.

A VERSÃO DA FAMÍLIA

Perguntados sobre a situação da prisão de dois integrantes de familiares das jovens, eles se defenderam. A ida até o município do Bujari teria sido motivada para buscar imagens das câmeras de segurança por receberem uma ligação de que as meninas teriam sido vistas na companhia de um homem numa parada de ônibus.

“A gente teve uma ligação no telefone da irmã da Amanda. Ligaram pra ela, o cara não ligou restrito, ligou normal se identificando que era o dono de uma panificadora dizendo que tinha uma filmagem que tinha visto as meninas numa parada de ônibus com um rapaz e tinha filmagens. A família da Isabelle foi cedo, passou o dia lá com a polícia e quando foi a tarde chegou um conhecido do meu cunhado, pai da Amanda e disse: vamo lá eu tenho dois colega meu que conhece tudo lá no Bujari vamos dar uma procurada?! Meu cunhado no aperreio foi e chegando lá encontrou os conhecidos do homem entre eles esse que tava armado e ele nem sabia, entraram no carro foram fazer a busca pela cidade foi quando a polícia abordou eles. Meu cunhado não sabia de nada tanto que foi liberado já”, disse a tia de Amanda que pediu para não ser identificada.

SOBRE O DESAPARECIMENTO

Após encontrarem um pedaço da jaqueta de uma das meninas desaparecidas próximo ao local onde o corpo de Victor Hugo foi encontrado assassinado dentro de um poço, o delegado informou que mandou o pedaço de tecido para passar por perícia e verificar se há indícios de sangue ou material que possa lhe dar alguma pista sobre o caso. Diligências estão sendo realizadas ainda no Taquari e também no Bujari, após surgir informações de que elas teriam sido vistas por lá. Imagens de câmeras de segurança estão sendo coletadas e analisadas. Durante a tarde, mais equipes sairão em busca de pistas em regiões apontadas pelas investigações.

Propaganda

Cotidiano

TRE-AC inicia preparação e lacre de urnas para o segundo turno eleições

Publicado

em

O Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) deu início na manhã deste sábado, 20, aos procedimentos de preparação e lacre das urnas eletrônicas que serão utilizadas no segundo turno das eleições no Estado. 1924 urnas receberão nova mídia contendo os dados dos dois candidatos que concorrem ao cargo de presidente.

Após vistoria, as urnas recebem as mídias, são novamente testadas e lacradas pelas equipes dos cartórios eleitorais, tudo na presença dos juízes e promotores eleitorais das respectivas zonas, que são também responsáveis pela assinatura dos lacres e verificação dos sistemas eleitorais.

O procedimento de preparação das urnas é público, podendo ser acompanhado por qualquer interessado. “Expedimos ofícios convidando todos os partidos políticos, coligações e OAB. Não tivemos nenhuma participação desses representantes no primeiro turno, embora também tenham recebido convite naquele momento. Esperamos que compareçam desta vez e acompanhem esses procedimentos que são públicos, transparentes e demonstram a lisura do processo eleitoral”, destacou a presidente do TRE-AC, desembargadora Regina Ferrari.

As urnas de Rio Branco, Porto Acre, Bujari, Senador Guiomard, Acrelândia e Plácido de Castro serão preparadas em Rio Branco, no Fórum Eleitoral. As urnas dos demais municípios estão sendo preparadas simultaneamente neste final de semana nas respectivas zonas eleitorais. Somente as urnas da 2ª Zona Eleitoral, que compreende Xapuri e Capixaba, serão preparadas na segunda, 22, e terça-feira, 23.

Em Rio Branco, os trabalhos foram acompanhados pela presidente do Tribunal e pela juíza eleitoral da 9ª Zona, Rogéria Epaminondas. “É importante que as pessoas conheçam esses procedimentos, tirem suas dúvidas trazendo os seus questionamentos aos nossos técnicos sobre a segurança da urna. A Justiça Eleitoral está próxima da população e quer mostrar a todos que o resultado das eleições reflete a vontade do eleitor, seja ela qual for”, destacou a juíza.

Continuar lendo

Cotidiano

Motociclista morre após ser atingido por carro descontrolado na Via Verde

Publicado

em

O motociclista Edilson Alves de Oliveira, morreu neste sábado (20) em acidente que envolveu dois veículos de passeio e sua motocicleta, na Via Verde, próximo ao Balneário Águas Claras, no Segundo Distrito de Rio Branco.

Segundo informações de testemunhas, um veículo modelo Range Rover teria perdido o controle na rodovia e invadiu a pista contrária em que seguia um veículo modelo Fiat que foi atingido e o motociclista logo atrás que foi arremessado da moto.

A Ranger Rover só foi parar ao cair em uma ribanceira. O motorista teve ferimentos e escoriações pelo corpo. Duas unidades do Serviço de Atendimento Móvel Urgência (Samu), estiveram no local e prestaram os primeiros socorros aos feridos.

O local foi controlado pela Polícia Militar até a chegada da Polícia Rodoviária Federal (PRF), e do Instituto Médico Legal (IML) que removeu o corpo da vítima à base do Instituto.

Continuar lendo

Cotidiano

Cameli ressalta importância da igreja para resgatar a segurança e cidadania da sociedade

Publicado

em

O senador da República e governador eleito para o quadriênio 2019-2022, Gladson Cameli (Progressistas), se reuniu nesta sexta-feira (19) com o bispo da Diocese de Rio Branco, Dom Joaquín Pertiñez, que estava acompanhado do padre Jairo Coelho, do diretor do Hospital Santa Juliana, Marcos Paulo e do diretor da Faculdade Católica (Fadisi), professor Mauro Sérgio da Cruz.

Durante o encontro, Gladson Cameli elogiou o trabalho desenvolvido pela Diocese de Rio Branco nas áreas da educação, saúde, combate às drogas e no tratamento de dependentes químicos, reafirmando seu compromisso com a preservação dos valores das famílias.

“A Igreja tem um papel importante, colaborando com o estado no combate às drogas, e atuando em áreas importantes como a saúde e a educação. Nosso governo vai apoiar todo trabalho que tenha como objetivo o bem da nossa população. Vamos governar para todos”, disse o parlamentar.

O bispo Dom Joaquín, agradeceu a visita e apresentou ao governador eleito, projetos sociais desenvolvidos pela Diocese de Rio Branco, relatando dificuldades enfrentadas para a execução dos mesmos.

“Não queremos privilégios. Só esperamos parcerias sérias para que possamos continuar contribuindo para que nossa população tenha acesso a educação, saúde e combater às drogas, levando dignidade às nossas famílias”, afirmou o bispo.

Citando o papa Francisco, o padre Jairo Coelho, fez questão de ressaltar a importância da política para a melhoria da qualidade de vida da população. Ele afirmou que a Diocese tem feito um esforço grande para a execução de projetos sociais.

“Recordo as palavras do papa Francisco, que nos afirma que a política é um importante instrumento para fazer o bem. Nesse sentido, igreja e estado precisam caminhar juntos, visando sempre o bem comum”, destacou o sacerdote.

Atualmente a Diocese de Rio Branco mantém alguns convênios com o governo, para a manutenção de projetos importantes como o Hospital Santa Juliana, a Casa de Acolhida, Souza Araújo, Centros de Recuperação de Dependentes Químicos, além de escolas que oferecem educação infantil em bairros da capital.

O bispo dom Joaquín entregou a Gladson Cameli dois livros e um rosário, desejando a ele um bom governo. Ao final do encontro, o governador eleito, Gladson Cameli, solicitou um levantamento com todos os convênios firmados entre Diocese de Rio Branco e governo do estado.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.