Conecte-se agora

Governo federal enviará apenas oito militares da Força Nacional para o Acre

Publicado

em

Os policiais militares integrantes da Força Nacional que chegaram nesta quinta-feira, 19, a Rio Branco em 14 viaturas policiais e dois ônibus não estão no Acre para uma operação na fronteira, informou na manhã desta sexta-feira, 20, o secretário de Segurança Pública, Vanderlei Thomás. Esses militares, ao todo 24, vão ministrar um curso denominado de INC (Instrução de Nivelamento de Conhecimento) para aproximadamente 90 PMs.

Esse intercâmbio é parte de uma parceria do Estado do Acre, que nos últimos anos, de acordo com Vanderlei Tomás, vem colaborando com a Força Nacional em vários estados do país. As Olimpíadas do Rio em 2016, por exemplo, contaram com 200 policiais acreanos, fruto desse convênio.

O curso começa no dia 30 de julho e vai até 08 de setembro. “Uma contrapartida dos militares do Acre à Força Nacional. Não tem nada a ver com operações na fronteira”, reforça.

Sobre a Operação Fronteira Segura, o secretário informou que o governo federal deve enviar para o Acre apenas oito militares da Força Nacional. Eles darão suporte às diligências da Polícia Federal no Acre nas cidades de Plácido de Castro e Epitaciolândia, regiões de fronteira com a Bolívia, até o final de novembro.

Para o secretário, o reforço policial é importante, mas insuficiente para um estado com dois mil quilômetros de fronteira.

Propaganda

Acre

Em Xapuri, homem é esfaqueado e morre com punhal na mão

Publicado

em

O crime ocorreu no bairro Sibéria por volta das 20h30 desta sexta-feira, 20. A Polícia Militar está no local e uma guarnição faz buscas pelo suspeito do homicídio em uma área rural nas imediações da comunidade.

A vítima, segundo informações de moradores, é conhecida pela alcunha de Zé da Orlene. A Polícia Civil foi acionada para fazer os procedimentos de costume, mas ainda não há informações sobre detalhes ou possíveis motivações do crime.

Mais informações em instantes.

Continuar lendo

Acre

Sesacre abre processo para apurar atraso de medicamentos

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) publicou na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira, 20, um documento que notifica uma distribuidora de medicamentos e produtos hospitalares com a abertura de um Processo Administrativo. O processo, segundo documento, pretende apurar a conduta praticada pela empresa, que é apontada de não ter entregado no prazo contratual estabelecido, os medicamentos ao Estado que possuíam uma ordem de entrega.

A entrega não foi cumprida. Os insumos hospitalares, conforme publica a secretária da pasta, Mônica Feres, seriam para atender as necessidades das unidades de saúde pertencentes à rede hospitalar do Estado do Acre, na capital e demais municípios.

A empresa terá o prazo de cinco dias úteis para apresentar defesa prévia, a contar da data do recebimento da notificação, podendo estar sujeita a aplicação de sanções administrativas prevista em cláusulas, caso não apresente um posicionamento.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.