Conecte-se agora

Maioria da bancada assina petição pedindo intervenção federal no Acre

Publicado

em

O senador Sérgio Petecão (PSD), junto com parte da bancada federal acreana em Brasília, se reunirá no início da noite desta quarta-feira (11) com o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, para pedir intervenção federal no Estado diante da situação de grave crise da violência que deixou um saldo de 20 mortes nos dois últimos fins de semana no Estado.

Em documento encaminhado ao Ministério Extraordinário da Segurança Pública e obtido com exclusividade por ac24horas, após relatar toda a situação de caos vivida pelo Acre nos últimos anos, os parlamentares que o assinam pedem “intervenção federal de natureza militar”, como a adotada no Rio de Janeiro desde o começo do ano.

A petição é assinada pelos senadores Sergio Petecão (PSD) e Gladson Cameli (Progressistas) e também pelos deputados federais Major Rocha (PSDB), Jessica Sales (MDB), Flaviano Melo (MDB) e Alan Rick (Democratas). Já o senador Jorge Viana (PT) e os deputados Angelim (PT), Sibá Machado (PT) , Léo de Brito (PT) e César Messias (PSB), da base de apoio ao governo Sebastião Viana não assinaram o documento.

Conforme o pedido, a intervenção federal no Acre tem sustentação no Artigo 34 da Constituição, que trata do assunto. Entre os requisitos para que ela ocorra estão a manutenção da ordem nacional, “pôr termo a grave comprometimento da ordem pública” e “assegurar a observância dos seguintes princípios constitucionais”, como o “direito da pessoa humana”.

O pedido de intervenção é apoiado apenas pelos parlamentares da oposição ao governo Sebastião Viana (PT); os aliados boicotaram a iniciativa.

Para essa parte da bancada, somente a presença ostensiva de tropas federais na fronteira do Acre com a Bolívia e o Peru poderia reduzir a atuação dos grupos criminosos que usam a região para o tráfico de drogas e de armas.

Os parlamentares afirmam que o governo estadual perdeu sua capacidade de combater o crime, garantindo segurança à população. ”Os homicídios ocorrem em plena luz do dia, e o governo estadual não tem demonstrado capacidade para coibir a criminalidade”, diz trecho do ofício.

Para que ocorra uma possível intervenção, é necessário decreto assinado pelo presidente Michel Temer (MDB), que também precisa ser aprovado pelo Congresso Nacional.

Segundo o relato dos parlamentares, as péssimas condições dos presídios, mais a superlotação, contribuíram para que as facções criminosas encontrassem no Acre um território fértil para suas ações.

“Diante de tal realidade, não causa espanto as inúmeras rebeliões nos presídios do Estado, ocorridas durante os anos de 2016 e 2017. Tais rebeliões repercutem na capital e nas cidades do interior, com toques de recolher e incêndios em ônibus e equipamentos públicos.”

O documento completa: ”Insistimos que o Estado do Acre vive uma escalada na violência como jamais ocorreu. Enquanto em 2015 foram registrada 179 mortes por homicídio no Estado, em 2016 os números subiram para 286 mortes violentas e, em 2017, os homicídios no Acre alcançaram o espantoso número de 484 mortes.”

Parte dos relatos apresentados ao ministro Raul Jungmann foram obtidos a partir de notícias veiculadas por Ac24horas.

Propaganda

Destaque 2

Governo de Sebastião Viana ainda não sabe se vai pagar o 13º

Publicado

em

O governo do Acre ainda não sabe se será possível pagar o 13º salário neste mês, porém informa que trabalha para efetuar o pagamento aos 45 mil servidores públicos estaduais até o dia 31 de dezembro.

A previsão é de que a primeira parcela do Fundo de Participação dos Estados (FPE) seja paga nesta segunda-feira, 10. A segunda deve ser paga em 20 de dezembro. São repasses que reforçam os cofres do Estado.

O atraso seria inédito nos governos da Frente Popular. O governo de Sebastião Viana tenta manter a tradição das gestões petistas que sempre se gabaram em sua propagandas de pagar em dia.

Nesta segunda, a assessoria de Sebastião Viana, ao ser procurada por ac24horas, deu o tom da dificuldade para cumprir a meta de pagar os salários do mês de dezembro e o 13º ao informar que “o governo continua trabalhando no sentido de fechar cumprindo a sua previsão de honrar com o compromisso do pagamento do salário e décimo. Assim que tivermos a definição, faremos o anúncio”, informou.

Continuar lendo

Destaque 2

Escola SONART realiza projeto Quinta Cultural em Brasileia

Publicado

em

A Escola de Musica SONART em parceria com a Prefeitura de Brasileia, através da Secretaria de Cultura, realizou na noite de quinta-feira (6), no Centro Cultural Sebastião Dantas o encerramento do ano letivo escolar e uma noite com muita cultura e arte.

O projeto intitulado Quinta Cultural contou com as apresentações musicais, danças, desenhos, pinturas, declamações de poesias e roda de capoeira com o grupo Mameluco. Uma das prioridades da gestão é investir em Cultura e Educação para os munícipes de Brasileia.

O Secretário de Cultura, Raimundo Lacerda, falou a respeito do  evento. “Estamos hoje recebendo os alunos, seus familiares, amigos e convidados para prestigiar essa atração cultural que está sendo realizada no Centro Cultural, valorizando o talento de todos os estudantes da escola de musica SONART, que se empenharam para aprender ainda mais os seus dons musicais com voz e violão. Quero parabenizar ao professor Abel e a Prefeita Fernanda Hassem por acreditar e investir na cultura do município”, destacou Lacerda.

O projeto Quinta Cultural é uma idealização da Secretaria de Cultura, esculpido e capitaneado pela Prefeitura de Brasileia e Professores da Escola SONART. A ideia é usar a arte e a cultura como instrumento de emancipação das crianças, jovens, adolescentes e adultos valorizando a cultura através da poesia, música e dança valorizando músicos, poetas e compositores Brasileia.

O professor Abel destacou a importância do projeto: “Para mim esse projeto é como fosse minha casa, já estou realizando a segunda edição juntamente com a Prefeitura de Brasileia e o secretário de cultura. Quero agradecer muito o apoio que tenho recebido por parte dos gestores e alunos que se empenharam para realizar a atividade”, destacou Abel.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Continuar lendo

Destaque 2

Bandidos armados invadem cemitério e roubam carro

Publicado

em

Nem os cemitérios estão livres da ação dos bandidos. Três homens armados invadiram o cemitério Jardim Saudade às 16h do último sábado, 08, e renderam dois coveiros, a secretária e o vigia do local e roubaram um veículo Fiat Uno.

O coordenador dos cemitérios de Rio Branco, Eládio Meireles, reclama que a polícia foi acionada, mas só chegou 40 minutos após ser chamada.

“Pegaram o carro do rapaz, um contribuinte, e ele saiu desesperado atrás. A gente acionou o Ciosp e a polícia chegou após 40 minutos. É a primeira vez que acontece esse tipo de coisa no Jardim da Saudade.”

O coordenador dos cemitérios reclama ainda que furtos são comuns nos cemitérios. Ladrões costumam furtar lápides e placas de bronze.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.