Conecte-se agora

Cunhada de Marcus Viana é exonerada da Secretaria de Desenvolvimento

Publicado

em

A cunhada do ex-prefeito e pré-candidato ao governo Marcus Alexandre Viana, Célia Vieira Médici Aguiar, foi exonerada do cargo em comissao (CEC 4) que ocupava na Secretaria de Desenvolvimento {Sedens).

Sua exoneração, feita a pedido, foi publicada na edição desta quarta-feira (11) do “Diário Oficial”. Ela é mulher de Guilherme Alexandre, irmão de Marcus, que também pediu para sair de cargo (CEC 7) que ocupava desde 2015 na Secretaria de Meio Ambiente.

Assim como o marido, Célia também integrará a equipe de campanha do petista Marcus Alexandre Viana na corrida pelo Palácio Rio Branco.

Propaganda

Cotidiano

Após denúncia, rua esburacada do Hospital das Clínicas recebe manutenção

Publicado

em

Com a imparcialidade que o tornou o site mais lido do Acre, o ac24horas, retorna a falar dos buracos que tornavam uma das ruas de acesso ao estacionamento do Hospital das Clínicas praticamente intransitável.

O verbo no passado é que por ocasião da publicação da matéria, o superintendente do HC, Lúcio Brasil, reconheceu o problema e admitiu que em pouco tempo resolveria a situação. Disse na oportunidade, que tiraria do próprio bolso, se necessário, para fazer a recuperação da rua.

Menos de 10 dias depois, a rua está recuperada e o gestor não precisou mexer no próprio dinheiro.

O trabalho foi realizado em parceria com a prefeitura de Rio Branco, via Emurb, junto com a equipe dos serviços gerais do HC.

 

Continuar lendo

Cotidiano

Mulher pede separação e divisão dos bens e é morta pelo marido com um tiro de espingarda

Publicado

em

IMAGEM ILUSTRATIVA

Mais um crime de violência contra mulher foi registrado na capital. Marli dos Santos, foi morta na tarde deste domingo (17) com um tiro de espingarda efetuado pelo próprio marido. O crime aconteceu no Ramal do Riozinho do Rôla no km 25, mais 19 km a dentro do Ramal do Milton, região da Estrada Transacreana, em Rio Branco.

Segundo informações policiais repassadas a reportagem do site ac24horas, Marli chegou até o marido e disse que queria a separação e o que era dela de direito, dividir a fazenda e todos os bens. Inconformado com o que a esposa falou, o Marido pegou uma espingarda calibre 20 e efetuou um disparo a queima roupa contra a mulher, que não resistiu aos ferimentos e morreu. O criminoso em seguida fugiu do local.

Vizinhos próximo a fazenda encontraram Marli morta e acionaram uma equipe do Instituto de Criminalística da Polícia Civil por volta de 13h da tarde de domingo (17). O corpo da mulher deu entrada no Instituto Médico Legal (IML) às 3h da madrugada dessa segunda-feira (18) e passará pelos exames cadavéricos.

O caso já está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O autor do crime encontra-se foragido.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.