Conecte-se agora

França é salva por tecnologia da arbitragem e vence a Austrália

Publicado

em

Em um jogo que entrou para a história das Copas do Mundo pelo primeiro uso de um árbitro de vídeo (VAR), a França foi salva pelo uso da tecnologia da arbitragem para vencer a Austrália por 2 a 1 na abertura do Grupo C do Mundial, neste sábado (16), na Arena Kazan.

O primeiro gol francês nasceu de um pênalti marcado após a consulta do VAR, convertido por Griezmann aos 13 minutos do segundo tempo. Depois do empate australiano em pênalti convertido por Jedinak três minutos mais tarde, Pogba fez gol da vitória em um lance em que a bola tocou no travessão e depois perto da linha aos 36 minutos. Alertado pelo dispositivo para este tipo de lance, o árbitro uruguaio Andres Cunha confirmou o gol

Com a vitória no sufoco, construída depois de um primeiro tempo travado, a França saiu na frente no Grupo C da Copa do Mundo com três pontos, enquanto a Austrália não tem nenhum. Os franceses voltam a campo no dia 21 de junho, quando enfrentam o Peru. Já os australianos encaram no mesmo dia a Dinamarca. Peruanos e dinamarqueses se enfrentam ainda neste sábado, às 13h (de Brasília).

O primeiro uso do árbitro de vídeo em uma Copa do Mundo teve origem em um lançamento de Pogba em profundidade para Griezmann aos 9 minutos do segundo tempo. Joshual Risdon deu um carrinho e, em um primeiro momento, o árbitro uruguaio Andres Cunha teve a impressão de que o australiano fez o desarme na bola.

Na sequência, porém, o árbitro de vídeo foi acionado para a revisão do lance. Depois da decisão, Andres Cunha então voltou a campo, fez o sinal característico do uso da nova tecnologia e apontou para a marca do pênalti. O processo até a cobrança de Griezmann demorou três minutos.

Este nem precisou de VAR

O gol de empate australiano também teve origem em um lance de pênalti, mas neste o árbitro nem precisou consultar o árbitro de vídeo. Após uma rápida hesitação, ele apontou para a marca da cal em um claro toque de mão do zagueiro Umtiti em cruzamento para a para a área australiana. Jedinak converteu.

1º tempo: Domínio francês, mas equilíbrio em chances de gol

Os primeiros cinco minutos da seleção francesa foram promissores, mas de fôlego curto. Foram três finalizações em menos de seis minutos. Mbappé, Pogba e Griezmann exigiram três defesas de Mathew Ryan, a mais difícil em chute do jovem de 19 anos que fez a sua estreia em Copas. Mas até o intervalo, o domínio francês se resumiu à posse de bola (52% a 48%), com poucas chances efetivas.

Tanto que a chance mais clara de gol do primeiro tempo foi australiana, em uma cabeçada de Mathew Leckie que exigiu grande defesa de Hugo Lloris aos 17 minutos. A Austrália ainda assustou em chute cruzado de Behich, no último lance do primeiro tempo, que passou perto da meta de Lloris.

Disputando a sua quarta Copa do Mundo, o australiano Tim Cahill, de 38 anos, falhou em sua primeira tentativa de igualar o mesmo recorde atingido por Cristiano Ronaldo no último sábado, o de marcar pelo menos um gol em quatro edições consecutivas de Mundiais.
O veterano começou no banco de reservas e não saiu dele. Além de Cristiano Ronaldo, o brasileiro Pelé e os alemães Miroslav Klose e Uwe Seeler são os outros jogadores que ostentam o recorde de marcar em quatro Copas do Mundo consecutivas.

FICHA TÉCNICA
FRANÇA 2 x 1 AUSTRÁLIA

Data e hora: 16 de junho de 2018, às 7 horas (de Brasília)
Local: Arena Kazan, em Kazan (Rússia)
Árbitro: Andres Cunha (Uruguai)
Auxiliares: Nicolas Taran e Maurizio Espinosa (ambos do Uruguai)

Cartões amarelos: Austrália: Mathew Leckie, Joshua Risdon, Aziz Behich.
França: Tolisso
Gols: Griezmann (França), aos 13 minutos do segundo tempo, Jedinak (Austrália) aos 16 minutos do segundo tempo), e Pogba (França, aos 36 minutos do segundo tempo)

FRANÇA: Hugo Lloris; Benjamin Pavard, Raphael Varane, Samuel Umtiti, Lucas Hernández; Corentin Tolisso (Matuidi), N’Golo Kanté, Pogba; Griezmann (Giroud), Mbappé e Dembélé (Fekir).
Técnico: Didier Deschamps

AUSTRÁLIA: Mathew Ryan; Aziz Behich, Mark Milligan, Trent Sainsbury, Josh Risdon; Aaron Mooy, Mile Jedinak, Tom Rogic (Irvine), Robbie Kruse (Arzani), Mathew Leckie; e Andrew Nabbout (Juric).
Técnico: Bert van Marwijk

Anúncios

Cidades

Mazinho agradece emenda de Vanda Milani para reforma do Instituto Santa Juliana

Publicado

em

O prefeito de Sena Madureira Mazinho Serafim (MDB) usou as redes sociais para agradecer publicamente a emenda parlamentar da deputada federal Vanda Milani que irá ajudar o governo do Acre a reformar o Instituto Santa Juliana no município.

A emenda alocada via governo estadual no valor de R$ 500 mil vai restaurar o prédio histórico de Sena Madureira.

“No prédio, já passaram diversos senamadureirenses no passado e no presente. É mais um investimento na área da educação que vai beneficiar centenas de alunos com um novo espaço para o ensino. Só quem ganha é o povo de Sena Madureira.

Obrigado, deputada!”, escreveu o prefeito.

A parlamentar também comentou a ação após confirmação do secretário de educação do Estado, Mauro Sérgio, dos recursos de R$ 500 mil em conta para reforma do Instituto. “Sinto-me extremamente honrada de poder contribuir com a recuperação desse espaço histórico”, disse Milani.

De acordo com a deputada, o prédio do Instituto é o mais antigo do Acre, com inauguração datada em 1923, quando Sena Madureira ainda era capital do Departamento do Purus. “Pela proposta do governo do Estado, ele se transformará em um centro educacional e tecnológico, onde terá cinema, teatro, brinquedoteca e até internet para os estudantes”, afirmou.

Continuar lendo

Cidades

Com 33 novos casos em 24 horas, coronavírus segue com números altos em Xapuri

Publicado

em

Na atualização desta segunda-feira, 10, do Boletim da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), o município de Xapuri registrou a segunda maior marca de novos casos do novo coronavírus desde o início da pandemia – foram 33 confirmações no período das últimas 24 horas, atingindo o total de 590 diagnósticos positivos.

O recorde de novos casos diários no município foi registrado na última quarta-feira, dia 5 de agosto, com 34 confirmações. Apenas nos 10 primeiros dias deste mês, foram registrados 127 novos casos da covid-19, com o registro de 1 morte nesse período por complicações da doença.

A média móvel dos últimos 7 dias é 15,57 casos diários. Nos últimos 14 dias, a variação da média móvel de novos casos foi de 105,66%, como mostra o gráfico elaborado pela comandante do Corpo de Bombeiros em Xapuri, tenente Marcela Sopchaki, com base nos dados divulgados pela Semusa.

Estranhamente, o número de casos divulgados nesta segunda-feira, 10, pela Secretaria Municipal é superior ao total divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde para todo o Acre. O Boletim Sesacre desta data informou o acréscimo de 32 novos casos, com o registro de 1 óbito nas últimas 24 horas.

A explicação para a divergência entre os números do estado e do município foi feita pelo coordenador da equipe de referência para covid-19 em Xapuri, o enfermeiro Francisco Andrade. Segundo ele, a Sesacre divulga seu boletim com as notificações feitas até o momento da publicação, que ocorre ante do fechamento dos dados no município.

“Nós sempre vamos estar à frente da Sesacre porque fechamos o nosso boletim por volta das 19 horas. Os números totais do dia apenas serão consignados pela secretaria estadual no dia seguinte, apesar de que nós notificamos imediatamente os casos confirmados no município”, enfatizou.

O coordenador também ressaltou que a situação segue delicada no setor de saúde, tanto na rede municipal quanto na estadual, com a contaminação de muitos profissionais em todas as áreas. Segundo ele, os afastamentos colocam em risco a capacidade de atendimento.

“Segue a saúde sendo atingida com mais profissionais afastados. São afastamentos em todas as áreas, vigilantes, limpeza, enfermagem, medicina, radiologia, agentes comunitários e recepcionistas. Os gestores e coordenadores estão fazendo jogo de cintura para manter o equilíbrio do sistema”, afirmou.

Do total de 590 casos positivos, Xapuri já teve alta médica de 367 pacientes. Seguem com o vírus ativo 206 pessoas sob o acompanhamento da equipe de monitoramento da Semusa. Desses, 10 estão em internação hospitalar. Os óbitos no município totalizam 7. O número de pessoas monitoradas como casos suspeitos reduziu para 532.

Continuar lendo

Cidades

Guerra entre dirigentes do MDB e gerente do Depasa põe em xeque a oposição em Xapuri

Publicado

em

Que os partidos pertencentes à base que apoiou o governador Gladson Cameli em Xapuri na última eleição não se entendem desde que o mandato começou não resta dúvida. Não é novidade também que, apesar de não haver qualquer resquício de simpatia de lado a lado, o entendimento de que deva existir uma coalizão para enfrentar o candidato da situação, o petista Bira Vasconcelos, tem feito com que se aturem – até certo ponto.

Com a proximidade do momento em que decisões terão que ser tomadas – as convenções serão realizadas de 31 de agosto a 16 de setembro – uma contenda entre membros do grupo liderado pelo deputado Antônio Pedro e dirigentes do MDB, de maneira mais específica o presidente do diretório municipal do partido, Celso Paraná, e o gerente do escritório local do Depasa, Marcos Mansour, está pondo em xeque a pretendida aliança.

As altercações começaram a partir da publicação, via redes sociais, de postagens, pelo gestor da autarquia, afirmando que o MDB teria aceitado apoiar a pré-candidatura da esposa do deputado, Carla Mendonça, pelo PP, indicando o advogado Carlos Venícius para compor a chapa como pré-candidato a vice-prefeito. As afirmações renderam uma nota de repúdio da direção do MDB, classificando as afirmações como fake news.

Depois disso, uma discussão foi travada por meio de mensagens trocadas por meio do Facebook, onde Marcos Mansour, que é apadrinhado da deputada federal Vanda Milani (SD), acusa o filho de Celso Paraná, Rodrigo Garcia, de ser “funcionário fantasma” no escritório local do Depasa. Ele parabeniza o pré-candidato do MDB pelas críticas feitas à administração municipal, mas cobra um posicionamento do advogado a respeito de sua denúncia.

O que chama a atenção é que a acusação feita por Mansour, caso tenha procedência, o envolve diretamente na irregularidade, pois, como gerente do setor onde o Rodrigo Garcia é lotado, ele estaria prevaricando e, assim, incorrendo em ato de improbidade administrativa, pois é ele quem abona a folha de pontos do fim de cada mês. Ele afirmou ainda que o filho de Celso Paraná foi “colocado no Depasa pelo senador Marcio Bittar e pelo deputado federal Flaviano Melo”, uma revelação nada simpática para o governo e os parlamentares.

A reportagem do ac24horas conversou com Marcos Mansour na tarde desta segunda-feira, 10, no escritório do Depasa. Ele afirmou que encaminhou à direção estadual da autarquia todas as informações a respeito do que afirma na postagem feita no Facebook. O que ele não explicou é como o comissionado pode ser fantasma se comparece ao trabalho e assina ponto, como ele próprio afirmou. Momentos depois, Rodrigo Garcia chegou ao escritório. Não se cumprimentaram.

Por telefone, o filho do presidente municipal do MDB minimizou a desavença com o seu superior imediato. “Mansour gosta de mídia. Quer aparecer de qualquer jeito”, afirmou. Rodrigo Garcia, a propósito, foi quem substituiu Marcos Mansour quando este foi afastado do cargo por cerca de 30 dias depois de um episódio em que foi preso acusado de agressão física contra a própria esposa, em janeiro deste ano.

Falamos também com o presidente do MDB, Celso Paraná, que garantiu que as acusações do desafeto têm como único intuito atacar a consolidação do partido no município como a principal força da oposição. Segundo ele, com esse fim, Marcos Mansour ousa falar em nome da autoridade máxima do estado para difundir notícias falsas em prejuízo da pré-candidatura de Carlos Venícius.

Reprodução/Rede Social

“Ele afirma que fala pelo governador, mas todos sabemos que o governador não aceita ser manipulado por ninguém por ser um homem íntegro e decente. O MDB defende a união da oposição porque todos acreditamos no projeto de Gladson Cameli. Independentemente dele apoiar ou não nossa candidatura a prefeito nós, em Xapuri, continuaremos aliados ao seu governo”, disse.

Fato é que a confusão está toldando de vez a já turva água da união oposicionista no município. Poucos acreditam que ela se concretizará, mesmo aqueles que trabalham para a sua construção. O pré-candidato do MDB, Carlos Venícius, está mais do nunca convicto de que seu nome é o mais qualificado para encabeçar uma possível chapa única. Carla Mendonça (PP) também segue firme e em breve inaugurará diretório municipal do seu partido. Já Gessi Capelão (PSD) tem se mantido longe do burburinho.

Continuar lendo

Cidades

Comerciantes de Senador Guiomard tem até sexta para tirar dúvidas sobre linhas de crédito

Publicado

em

Os micro e pequenos empreendedores do município de Senador Guiomard têm até a próxima sexta-feira, 14, uma ferramenta para tirar dúvidas sobre linhas de créditos oferecidas pelos bancos durante a pandemia da Covid-19.

Realizada pelo Fecomércio-Sesc-Senac/AC, em parceria com o Sebrae no Acre, a Semana do Crédito, buscar deixar bem informado quem precisa de dinheiro para o seu negócio. Um dos principais problemas enfrentados pelos comerciantes é até algo positivo. É que como existem diversas linhas de crédito, alguns empreendedores têm dificuldades de encontrar o tipo de crédito certo para o seu negócio.

Quem quiser tirar dúvidas pode agendar uma visita pelo (68) 99969-8523.

O assessor técnico do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, Egídio Garó, explica que a ideia é atender ao maior número de empresários. Ele reitera ainda que, infelizmente, a desinformação ainda é um problema grande.

“Além disso, há uma gama considerável de linhas de crédito, e todas se aplicam às necessidades de cada empresa. São necessidades diferentes e, portanto, o empresário tem de estar a par de tudo isso”, afirma Garó.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas