Conecte-se agora

Como escolher o melhor estágio para minha carreira?

Em 2016, apenas 260 mil alunos do ensino técnico e médio estagiaram

Publicado

em

Sabe aquele frio na barriga que dá antes de definir qual faculdade cursar? A mesma tensão ocorre quando já estamos fazendo o curso dos sonhos e precisamos ir em busca do primeiro estágio. Em algumas instituições o programa de estágio é obrigatório para concluir a graduação e a pergunta que não sai da cabeça da maioria dos estudantes é: como escolher o melhor estágio?

Um estágio é o passaporte para a vida profissional e segundo a Associação Brasileira de Estágio (ABRES), em 2016, dos 9 milhões de alunos de ensino técnico e médio aptos para esta experiência, apenas 260 mil estagiaram. A diferença se repetiu no ensino superior: dos 8 milhões de estudantes aptos a estagiar, só 740 mil foram contratados. A ABRES também relevou que a média geral paga a um estagiário brasileiro é de R$965,63.

Segundo Fernanda Moreira Pinto, gerente da Regional Sul do IEL – BA, o primeiro passo para um estudante ir em busca do seu primeiro estágio é a elaboração do Planejamento de Carreira, no qual ele poderá definir objetivos claros que pretende alcançar em sua trajetória profissional. “Quando estiver no estágio, o estudante deve ser assertivo para ter um melhor desempenho, aumentando assim suas chances de sucesso”, aconselhou a gerente do IEL-BA.

Fernanda informou que o número de oportunidades de estágio tem crescido porque as empresas tem visto a contratação de jovens como uma oportunidade de formar futuros profissionais para atuarem nas organizações. Ela também citou competências técnicas e comportamentais que os estudantes precisam ter para conseguir um estágio. “Como item obrigatório é preciso estar cursando ensino médio, técnico ou superior. Entre as competências comportamentais, dentre outros aspectos, destacam-se compromisso, iniciativa, dinamismo e o desejo de superação”.

Ainda tem dúvidas de como escolher o melhor estágio? Confira algumas dicas:

Retorno financeiro não é a prioridade

Quando você procurar por um estágio, deve focar no valor da experiência para sua formação. Deixar-se guiar apenas pelo salário ou bolsas e auxílios não é o melhor caminho. Essa estratégia não considera o que está realmente ligado às atribuições. No entanto, não se esqueça que todo estágio não-obrigatório – ou seja, não ligado a uma disciplina curricular – deve ser obrigatoriamente remunerado.

Objetivos importam

Os objetivos pessoais e profissionais também devem ter peso no momento da decisão. Buscar uma vaga em uma empresa apenas pelo status é incoerente com toda a ideia de estagiar, visto que os ganhos significativos para o aluno não existirão e a experiência será, no geral, vazia para a sua formação.

Estrutura e condições

Estagiar em uma grande e consolidada empresa ou em uma pequena startup? O importante é aliar a experiência com as particularidades do seu curso e das suas aspirações profissionais. O ambiente em grandes corporações, por exemplo, tende a fomentar a competitividade e habilidades de organização e hierarquia. As pequenas empresas oferecem boas oportunidades de networking e contato com o cotidiano do segmento.

Propaganda

Cotidiano

Diretor de Instituto proíbe servidores de estacionar em pátio de repartição pública

Publicado

em

Os servidores do Instituto de Assistência e Inclusão Social (IAIS) estão revoltados e sentindo-se desrespeitados depois que o diretor da unidade, Carlos Gabriel Costa Garcez, proibiu que os trabalhadores estacionassem seus veículos no pátio do local.

Por meio da Circular nº3/2019, o diretor informa que a partir do dia 8 de fevereiro não está permitido estacionar veículos particulares no estacionamento do Instituto.

“Estabelece-se que estacionamento será restrito ao veículos oficiais do IAIS e ISE [Instituto Sócio Educativo], os diretores, chefes de departamento, visitantes oficiais e veículos em serviço de entrega de documentos”, comunica a circular.

A proibição gerou revolta nos servidores do Instituto. “Eu chego cedo todo dia pra cumprir o horário e colocava meu carro dentro do estacionamento. Meu veículo é um bem que comprei com suor, economizando. Agora não posso sequer deixá-lo em segurança dentro do estacionamento do local onde trabalho. É um absurdo”, disse um dos trabalhadores a reportagem do ac24horas.

Continuar lendo

Extra Total

Após visita de Rocha ao PS, aliados de Gladson acusam vice de fogo amigo e disparam notas em favor de secretário Alysson

Publicado

em

Uma ala do Progressista, partido do governador e dos “Bestenes” tomaram a iniciativa do governador em exercício Major Rocha (PSDB) em fazer uma vista ao Pronto Socorro e ao Hospital de Urgência e Emergência (Huerb) como uma afronta ao secretário de Saúde, Alysson Bestene.

Durante a visita, o governador denunciou as condições da unidade, mostrando que o local sofria reflexos da ineficiência de gestões passadas. Contudo, os aliados do partido do governador Gladson Cameli parecem não ter entendido o gesto de Rocha e abarrotaram as redes sociais com notas acusando Rocha de “fogo amigo” e manifestando solidariedade ao secretário de Saúde.

A Juventude do PP além de acusar o vice-governador, acusou e atacou também a mídia local e ao site ac24horas que só cumpre sua função social de informar os fatos. Para esse grupo, ficou claro que a titularidade do cargo pertence única e exclusivamente à Gladson.

É proibido cobrar zelo da coisa pública?

“A Juventude do Progressistas, vem a público se manifestar em favor do Séc. de saúde Dr. Alysson Bestene que nos últimos dias vem sofrendo uma série ataques através da mídia local onde tentam a qualquer custo transferir os gargalos da má gestão petista ao mesmo. Parabéns Dr. Alysson em exatos 34 dias de gestão é visível os resultados. A matéria do site ac24horas onde cita a visita do Vice-Governador ao Huerb, é muito tendenciosa. “Portas Quebradas, Falta de Profissionais e Verticalização do Huerb abandonada”. Quer dizer então que o que não foi feito em 20 anos o Dr. Alysson tem que resolver em 34 dias de trabalho? Alô vice-governador Major Rocha fale ao ac24horas, que o Dr Alysson está trabalhando e também não tem uma Varinha Mágica”, diz parte da nota dos jovens progressistas.

A ala feminina da legenda também entrou na onda e, em nota assinada por Claire Cameli, prima de Gladson e presidente do PP mulher, afirma que Bestene, “em 54 dias não tem medido esforços em melhor atender os problemas sociais do Estado do Acre, principalmente no que tange à saúde, nossos hospitais e o atendimento de nossa população que são uma prioridade para nosso governo. Estamos atentos nas medidas necessárias para amenizar o mais rápido possível os problemas de gestão em saúde”.

Continuar lendo

Destaque 2

Servidores do Estado denunciam que falta até água para beber em repartições públicas

Publicado

em

A crise no governo de Gladson Cameli atinge não apenas a prestação serviços básicos à população, como por exemplo, na área de Saúde. Falta até mesmo água para os funcionários públicos e usuários dos serviços do Estado beberem nas repartições.

A denúncia recebida dando conta dessa situação foi feita neste sábado, 16, pela reportagem do ac24horas por servidores que relatam que estão tendo que tirar dinheiro do próprio bolso para comprar garrafões de água para suas secretarias.

“Secretarias que têm contratos e poderiam mandar águas para as demais, não estão fazendo isso, como a SEE [Secretaria de Educação] e o Detran [Departamento Estadual de Trânsito]”, cometa um servidor público.

Os servidores dizem, contudo, que todo dia chega as repartições listas de novos nomeados. Alguns, que a “velha guarda” das secretárias sequer tiveram o prazer de conhecerem ou ver trabalhando após nomeação.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.