Conecte-se agora

Polícia Civil prende jagunços e pistoleiros que ameaçaram posseiros em seringal do Acre na divisa com o Amazonas

Publicado

em

Em uma operação na noite desta quarta-feira, 16, no seringal Novo Andirá, em Porto Acre, região que faz divisa com o estado do Amazonas, agentes da Polícia Civil do Acre prederam os pistoleiros e jagunços que ameaçavam, desde as primeiras horas de ontem, as famílias posseiras no local. Com eles foram apreendidos pelo menos 20 armas, entre facas, espingardas e pistolas.

A área, que pertence à União, foi invadida por 24 famílias. Ocorre que um médico e empresário, que possui terras no local, alegava ser sono da área e teria contratado os pistoleiros para expulsar os posseiros.

A serviço do empresário, eles chegaram ao local amedrontando e invadindo as casas das famílias, informou um dos representantes do movimento dos trabalhadores posseiros, que pede para não ser identificado. Ele diz que foi ameaçado de morte. Entre os presos estariam três policiais do Estado do Amazonas.

“Tomaram a casa de uma família. Ainda bem que não ofereceram resistência. Quando a polícia chegou, eles estavam dentro de casa e só se abaixaram, a pedido dos agentes, e já foram presos”, diz um dos representantes da comunidade.

Um grupo de posseiros da região deve chegar a Rio Branco nesta quinta-feira para denunciar as ameaças em uma delegacia da capital. O caso foi levado à Justiça. Entidades que lidam com direitos humanos também estão intercendo pelas famílias.

Propaganda

Destaque 2

A última cartada que não deu certo

Publicado

em

O final de semana que antecedeu o registro de candidatura de Marcus Viana (PT) foi tenso e barulhento nos bastidores. A engenharia política, que teria sido arquitetada por alguns dos caciques petistas, foi uma espécie de operação última cartada para rifar Emylson Farias (PDT) da chapa majoritária da FPA. Ney Amorim foi o coringa que tentaram emplacar nesse plano frustrado para o lugar do pedetista.

Foram três dias seguidos [com início na sexta-feira] de reuniões na tentativa de convencer o hoje presidente da Assembléia a compor chapa com Marcus. Uma delas na casa do próprio Ney, na Estrada do Amapá, em Rio Branco, com as presenças de Jorge Viana, do marqueteiro Gilberto Braga e de Marcus Viana. O último encontro contou com a presença de Emylson Farias.

A ideia era clara e objetiva: Ney como vice de Marcus Viana reduziria o desgaste da chapa majoritária governista que sofre com a imagem do delegado Emylson Farias, secretário de Segurança do governo de Sebastião, em meio ao debate sobre a violência. Isso também reforçaria a candidatura de Jorge a releeição.

A assessoria de Marcus Viana nega que tenha ocorrido qualquer reunião com o objetivo de convencer Ney a virar vice de Marcus. Tratou a notícia como “delírio” e afirmou que Emylson seria confirmado como vice nesta terça-feira, 14, o que qacabou acontecendo. A versão da assessoria de Marcus não é a mesma de pessoas ligadas a Ney Amorim, que confirmam a tentativa de tirá-lo da disputa pelo Senado.
Coincidência ou não, o Plano de Governo de Marcus Viana e seu registro de candidatura seria apresentado nesta segunda-feira, 13, e foi adiado para esta terça-feira, 14. Segundo a assessoria de Marcus, o adiamento ocorreu para que o plano do petista fosse concluído ao longo do dia dia ontem.

Continuar lendo

Destaque 2

Delegado mantém mistério sobre linha de investigação de estudante que continua desaparecida

Publicado

em

O Delegado da Delegacia de Homicídios, Rêmulo Diniz, informou nesta segunda-feira, 13, que as diligências que possam levar ao paradeiro da estudante Amanda Gomes, desaparecida desde a noite de domingo do último dia 5, continuam.Questionado sobre o andamento das investigações, ele informou que já tem uma linha traçada a seguir, mas não poderá dar maiores detalhes para não atrapalhar os rumos do processo.

“Por enquanto não poderemos divulgar maiores informações sobre o que já temos para não atrapalhar no andar das investigações. Quanto às buscas, nós fizemos diligências durante a semana em três pontos onde foram realizadas denúncias e nesta semana seguiremos procurando. Pedimos até o apoio da população para que nos ajude caso tenha informações relevantes que possam levar ao seu paradeiro viva ou morta”, disse o delegado.

Entenda o caso

Amanda Gomes, de 13 anos, desapareceu na noite de domingo (05) quando do saiu de casa na companhia dos amigos Isabelle Lima, 14 anos, e Vitor Hugo, de 18 anos, todos moradores do bairro Taquari, dizendo que iriam para a Expoacre. Na terça-feira (7), após denúncia anônima o corpo de Vitor Hugo foi encontrado, no Taquari com as mãos e os pés amarrados, morto a golpes de arma branca, jogado dentro de um poço. Já na quarta-feira (08), Isabelle Lima também foi encontrada morta por arma branca, jogada no meio de um matagal também no mesmo bairro.

Buscas foram realizadas pelas forças de segurança ainda na região por Amanda, mas a jovem não foi localizada. A família, observando a falta de comprometimento da polícia também passou a fazer buscas por conta, mas até a manhã desta segunda-feira (13), nenhuma novidade veio à tona.

Continuar lendo

Destaque 2

O Festival do Açaí de Feijó e a dança “proibida” para menores; assista o vídeo

Publicado

em

Durante três dias, Feijó realizou seu mais famoso evento, o Festival do Açaí. Durante a festa foi escolhida a Garota Açaí e várias bandas e cantores se apresentaram.

Uma imagem que circula nas redes sociais e no WhatsApp, entretanto, mostra um pouco da animação no palco. Enquanto o forró toca e o cantor anima as pessoas presentes, no palco um casal se apresenta ao público com uma dança pouco convencional, “proibida” para menores de 18 anos. Assista:

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.