Conecte-se agora

OAB/AC e outros órgãos de defesa realizam fiscalização no Huerb

Publicado

em

Com o objetivo de apurar denúncias dos constantes descumprimentos ao exercício do direito fundamental da saúde, a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Acre (OAB/AC), juntamente com o Ministério Público do Acre (MPAC), Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC), Conselho Regional de Enfermagem do Acre (Coren-AC) e Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac), realizaram ação conjunta de fiscalização no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), na última segunda-feira, 23.

A inspeção foi realizada após denúncias, de ausência de medicamentos, superlotação e falta de profissionais, recebidas pela Comissão de Direitos Humanos da OAB/AC, que convidou os órgãos de defesa para promover a fiscalização, que durou aproximadamente três horas.

Durante a fiscalização foram vistoriados a infraestrutura do local, farmácia, enfermarias e UTI. “Pudemos constatar a superlotação por conta do fechamento de leitos, ante ausência de profissionais para compor a escala, e também falta de medicamentos, como antibióticos, soro fisiológico e fraldas descartáveis”, disse a presidente da Comissão de Direitos Humanos da Seccional, advogada Isabela Fernandes.

Segundo o promotor do MPAC, Gláucio Ney Shiroma Oshiro, responsável pela 1ª Promotoria de Justiça Especializada de Defesa da Saúde, a intenção das instituições é entender as dificuldades que tanto profissionais da saúde quanto pacientes enfrentam e criar medidas para melhorar a situação atual do hospital. “Agradecemos à OAB/AC por nos propor essa ação a fim de melhorar a saúde pública local”, disse.

Para o presidente do Coren, Areski Peniche, “é preciso avançar muito no atendimento do hospital, visando a população que fica à mercê da falta de medicamentos e profissionais.”

De acordo com o presidente do CRM, Virgilio Prado, “a fiscalização foi para constatar todos os problemas enfrentados pelos profissionais da saúde no Huerb e verificar todas as denúncias recebidas e analisar e propor soluções.”

Cada órgão que faz parte do comitê de fiscalização elaborará relatório técnico para, a partir daí tomar as medidas cabíveis. “A ideia é promover a efetivação do exercício do direito à saúde, o que não acontece atualmente no Estado do Acre. Percebemos que a saúde tem sido deixada em segundo plano, mas ela não pode esperar. Então vamos elaborar um instrumento jurídico e administrativo para promover a cobrança do governo do Estado e da Secretaria de Saúde Estadual a fim de corrigir os erros que foram levantados na inspeção de ontem.” Ressaltou a presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/AC.

A fiscalização no Huerb também contou com a presença da tesoureira da OAB/AC, Claudia Sabino; da diretora do Sintesac, Alesta Amâncio; do conselheiro do Coren, João Lima; e do diretor-geral da unidade hospitalar, Fabrício Lemos, que acompanhou a vistoria.​

Propaganda

Cotidiano

Concursos: 9 órgãos abrem inscrições nesta segunda para preencher 890 vagas

Publicado

em

Ao menos 9 órgãos abrem inscrições nesta segunda-feira (24) no país com o objetivo de selecionar profissionais de todos os níveis de escolaridade para 890 vagas, incluindo concursos para formação de cadastro de reserva. Ou seja, os candidatos aprovados serão chamados conforme a abertura de postos durante a validade do concurso

No Banco do Nordeste, por exemplo, 8 vagas são de preenchimento imediato e 692 serão preenchidas gradativamente com o Plano de Incentivo ao Desligamento (PID) dos empregados da instituição, a ser lançado pelo banco ainda neste ano e com outros desligamentos. São 200 vagas para nível superior e 500 para nível médio. Os salários chegam a R$ 4.941. Veja o edital do concurso.

No Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano, que oferece 45 vagas para professores de cursos técnicos e ensino superior, os salários chegam a R$ 9.600. Veja o edital.

Veja abaixo os órgãos que abrem inscrições nesta segunda:

Banco do Nordeste

Término das inscrições 15/10
Vagas 700
Salário máximo R$ 4.941,17
Escolaridade médio e superior
Estado Nordeste

Prefeitura de Barretos

Término das inscrições 28/09
Vagas 23
Salário máximo R$ 1.730
Escolaridade médio
Estado São Paulo

Prefeitura de São José dos Campos

Término das inscrições 24/0925/10
Vagas 39
Salário máximo R$ 6.802,52
Escolaridade técnico e superior
Estado São Paulo

Instituto Federal de Educação – IF Goiano

Término das inscrições 14/10
Vagas 45
Salário máximo R$ 9.600,92
Escolaridade superior
Estado Goiás

Câmara Municipal de Santa Bárbara

Término das inscrições 26/10
Vagas 7
Salário máximo R$ 2.950
Escolaridade fundamental, médio e superior
Estado Minas Gerais

Prefeitura de Santa Cruz

Término das inscrições 25/10
Vagas 36
Salário máximo R$ 7.000
Escolaridade fundamental, médio e superior
Estado Paraíba

Câmara Municipal de Cáceres

Término das inscrições 21/10
Vagas 7
Salário máximo R$ 4.378,50
Escolaridade fundamental, médio e superior
Estado Mato Grosso

FAMESP

Término das inscrições 04/10/2018
Vagas 3
Salário máximo R$ 4.048,86
Escolaridade superior
Estado Paulo

Universidade Federal de Lavras

Inscrições até 08/10/2018
Vagas 30
Salário máximo R$ 5.136,99
Escolaridade superior
Estado Minas Gerais

Continuar lendo

Cotidiano

Mega-Sena: aposta única de Itaguara (MG) acerta as dezenas e fatura R$ 21,7 milhões

Publicado

em

Uma aposta única de Itaguara (MG) levou sozinha o prêmio de R$ 21.763.750,54 no concurso 2.081 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (22) no município de Oliveira (MG).

Veja as dezenas sorteadas: 13 – 18 – 35 – 40 – 41 – 42.

A quina teve 128 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 15.918,03. Outras 4.287 apostas acertaram a quadra; cada uma levará R$ 678,96.

O próximo sorteio da Mega-Sena será na quarta (26), relativo ao concurso 2.082. O prêmio é estimado em R$ 2,5 milhões.

Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Continuar lendo

Cotidiano

Polícia Civil prende foragido da justiça do Acre envolvido em sequestro na fronteira

Publicado

em

Dando continuidade à investigação da operação “Pátria Amada – A Legítima” – a Polícia Civil em ação conjunta com as forças policiais bolivianas prenderam na manhã desta sexta-feira, 21, Sebastião Ferreira da Conceição, vulgo “Tião Cutia”, foragido da justiça do Acre, que estava escondido em território boliviano.

Cutia é investigado por participação em um sequestro e teria fugido com a quantia de R$ 150 mil, dinheiro oriundo do resgate.

A vítima, Rochedo Ribeiro, foi sequestrada na Bolívia em 26 de junho do ano passado e familiares tiveram que pagar a quantia de 150 mil reais para que ela fosse libertada.

Durante as investigações sobre o caso a Polícia Civil conseguiu prender, na época, um casal que fez parte da trama, José Braga da Silva (44) e Juliana Ferreira Arias (40). Ambos foram presos na zona rural de Epitaciolândia, na Estrada Fontenele de Castro, Ramal Bahia, ocasião em que os policiais civis cumpriram os mandados de prisão emitido pelo juiz Flávio Mariano Mundin, que acatou a representação elaborada pelo delegado Roberto Lucena, que presidia o inquérito policial.

O terceiro envolvido, o “Cutia”, conseguiu fugir com o dinheiro do resgate.

O nome da operação “Pátria Amada a Legítima”, foi em referência aos trabalhos desenvolvidos pela Polícia Civil para identificar os verdadeiros envolvidos no sequestro na região de fronteira.

Sebastião Ferreira da Conceição, vulgo ‘Tião Cutia’, estava foragido e sendo procurado há mais de um ano.

“O casal já havia sido preso durante a operação e tão logo assumimos o inquérito demos continuidade às investigações e com a ajuda da Polícia Boliviana conseguimos prender o terceiro e último envolvido na trama do sequestro”, pontuou o Delegado Karlesso Nespoli.

Nespoli acrescentou ainda que o trabalho integrado possibilitou a prisão do foragido.

“Há mais de um ano de investigação conseguimos lograr êxito na prisão dessa pessoa que será colocada à disposição da justiça. Com isso concluímos o inquérito policial que será remetido à justiça que por sua vez julgará o acusado”, finalizou o delegado Karlesso Nespoli, coordenador da regional Alto Acre.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.