Conecte-se agora

Encceja inscreve participantes até 27 de abril

Publicado

em

Entre 16 e 27 de abril, às 23h59, estão abertas as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). Organizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o Enceeja Nacional será aplicado 05 de agosto em todo o Brasil e, em 16 de setembro, o Encceja Exterior. Candidatos que desejem ser atendidos pelo nome social devem fazer a solicitação do dia 30 de abril ao dia 04 de maio.

Destinado a jovens e adultos que concluíram os estudos fora da idade indicada, o Encceja 2018 exige que o participante tenha, no dia de aplicação do exame, idade mínima de 15 anos (Encceja Fundamental) ou de 18 anos (Encceja Ensino Médio). O exame é composto por uma redação e quatro provas objetivas, com 30 questões de múltipla escolha.

Saiba mais: Encceja Nacional 2018: edital foi publicado e prova já tem data marcada

O Encceja permite certificações para os aplicantes do Ensino Fundamental e do Ensino Médio, caso seja alcançada a nota mínima exigida nas quatro provas objetivas e na redação. Já a declaração parcial de proficiência é concedida ao aplicante que obtiver a nota mínima exigida em uma única prova ou em mais de uma. Tanto a certificação quanto a proficiência são concedidas pelas secretarias estaduais de educação e pelos institutos federais de educação, ciência e tecnologia. Por isto, o participante deve indicar no ato da inscrição a qual instituição deseja solicitar a documentação.

Apesar da gratuidade, o edital do Enceeja 2018 trouxe uma novidade: a necessidade de justificativa em caso de participantes ausentes das provas de todas as áreas do conhecimento desta edição e que desejem se inscrever no Encceja 2019. A justificativa deve ser feita na página do Encceja mediante a apresentação de atestados médicos, documentos judiciais, certidões públicas ou Boletins de Ocorrências. Caso não se justifique, o participante “deverá ressarcir ao Inep o custo do Exame a ser divulgado no ano seguinte, mediante o recolhimento do valor estabelecido em Edital, por meio de Guia de Recolhimento da União”, gerada na página do participante.

Saiba mais: Enem x Encceja: certificação do ensino médio

Avaliação do Encceja 2018

Participantes do Ensino Fundamental são avaliados nas áreas de artes, ciências naturais, educação física, geografia, história, língua portuguesa, matemática e redação. Já os participantes do Ensino Médio serão avaliados em ciências da natureza e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias, linguagens e códigos e suas tecnologias e redação; matemática e suas tecnologias.

Encceja Nacional PPL e Encceja Exterior PPL

O exame ainda possui duas modalidades: o Encceja Nacional PPL e Encceja  Exterior PPL, destinados a adultos que cumprem penas privativas de liberdade ou a adolescentes submetidos a medidas socioeducativas que incluam penas privativas de liberdade. O Encceja Nacional PPL está previsto para ser aplicado entre 18 e 19 de setembro. Já o Encceja Exterior PPL deve ser aplicado entre 17 e 21 de setembro.

Educação modalidade EJA

A Educação de Jovens e Adultos (EJA) é uma modalidade de ensino que visa escolarizar jovens e adultos que não completaram a educação básica no tempo indicado. Para participar do Encceja e, consequentemente, obter a proficiência parcial ou a certificação é importante que o participante esteja preparado para a avaliação. Atualmente, existem programas educacionais como o Educa Mais Brasil que disponibiliza bolsas de estudo de até 50% para este público, em diversas regiões do brasil, em parceria com o Ac24horas. Para conhecer as oportunidades disponíveis, basta acessar o site do Educa Mais.

Tunísia Cores – Ascom Educa Mais Brasil

Propaganda

Destaque 5

Empoderamento das mulheres e cirurgias plásticas são os temas do #SemRegras; imperdível!

Publicado

em

Continuar lendo

Acre

David Hall continua candidato ao governo após conversa com a Direção nacional do Avante

Publicado

em

A Direção Nacional do Avante decidiu, essa semana, manter candidato ao Palácio Rio Branco, o candidato David Hall, professor universitário que tenta o comando do Acre nas próximas eleições. A campanha do candidato deve ser registrada até a quarta-feira, dia 15, prazo limite para isso.

O professor informou, na tarde desta segunda-feira, dia 13, que o advogado dele fez contato com a Direção Nacional do Avante, e que, numa carta endereçada à Executiva do partido, ficou clara a necessidade de importância de se manter a candidato de Hall. Entendimento que foi acatado pela legenda,

“Minha candidatura está mantida, está de pé. Meu advogado mandou uma carta para a Direção Nacional, e eles entenderam a importância de eu ser candidato nessas eleições. Inclusive, já está sendo restituída a nossa diretoria, então nós conseguimos resolver essa questão”, explicou o candidato, que é o mais jovem na corrida pela chefia do Governo do Acre.

Nesta segunda, o professor não cumpriu nenhuma agenda política, mas diante do aceno opositivo da legenda, ele deverá compor alianças políticas para afunilar a agenda de trabalho, que deve começar, oficialmente como candidato, na próxima quinta-feira, dia 16, a partir de quando está liberada a campanha.

Continuar lendo

Acre

TRE do Acre já tem quatro pedidos de candidatura ao governo e 5 ao Senado

Publicado

em

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Acre já recebeu, até o fim da manhã desta segunda-feira (13), quatro pedidos de registro de candidatura ao cargo de governador e vice. Para o Senado, cinco candidatos entregaram suas solicitações. O único postulante ao Palácio Rio Branco que ainda não fez o pedido formal é o petista Marcus Alexandre Viana.

Conforme ac24horas antecipou essa manhã, o ex-prefeito da capital decidiu por fazer o registro na terça (14) para definir os últimos detalhes de seu plano de governo nesta segunda. Os petistas Ney Amorim e Jorge Viana, candidatos ao Senado na chapa de Marcus Viana, deixarão para fazer seus pedidos junto com ele.

A perspectiva é que os três compareçam ao Fórum Eleitoral de Rio Branco para oficializar as candidaturas. Adversário direto de Marcus na corrida ao governo e liderando as pesquisas de intenção de voto, o senador Gladson Cameli (Progressistas) optou por entregar o pedido ao TRE na semana passada por meio dos seus advogados.

Ao todo, a Justiça Eleitoral no Acre já recebeu 308 pedidos de registro de pessoas interessadas em concorrer a um dos cargos disponíveis: governador, senador, deputado federal e estadual. Os que desejam uma das 24 cadeiras da Assembleia Legislativa estão em maior número: 238.

Em segundo estão os que desejam um cobiçado assento na Câmara dos Deputados: 46. Entre os partidos, o PSL do governadorável coronel Ulysses Araújo é o que tem o maior pedido de registro; em seguida vêm o PTB e o Solidariedade, ambos na coligação de Gladson Cameli.

O prazo final para a entrega dos registros é a próxima quarta-feira (15). Na comparação com a eleição de 2014, há uma queda, até o momento, de quase 50% nos pedidos. Na última eleição geral no Acre, 617 pessoas participaram do pleito como candidatas.

Este ato protocolar, no entanto, não é a garantia de que os interessados estão garantidos na corrida. Cada pedido será analisado por um juiz eleitoral, que decidirá pelo deferimento ou indeferimento. Um dos principais pesos nesse julgamento é a lei da Ficha Limpa.

Se uma das exigências da lei não for atendida, o político pode ter o registro negado, porém cabendo recurso junto ao pleno do TRE. A mais importante delas é a que impede a candidatura de pessoas condenadas por um juízo de segunda instância.

Perfil dos candidatos

Apesar de as mulheres representarem a maioria do eleitorado acreano (51,5%), os homens estão em maior número como candidatos nas eleições de 2018: 71,1%. Segundo os dados da Justiça Eleitoral, 41,88% dos postulantes têm nível superior completo, enquanto 33,44% têm apenas o ensino médio.

Sobre as profissões, a maioria optou pela opção “outros”; em segundo lugar estão os empresários (9%) e servidores públicos (4%). Já em relação à faixa etária, a maior parte está entre os 35 e 39 anos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.